Anúncio

“O homem tem se conscientizado mais”, afirma médico de Guarapari sobre a prevenção ao Câncer de Próstata

Por Sara de Oliveira

Publicado em 12 de novembro de 2019 às 09:00
Atualizado em 12 de novembro de 2019 às 08:07
Anúncio

No mês de prevenção ao Câncer de Próstata, conversamos com um urologista de Guarapari para tirar algumas dúvidas sobre a doença.

Foto Ilustrativa: Reprodução.

Dados divulgados pela Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) revelam que, até agosto deste ano, foram registradas 216 mortes causadas pelo câncer de próstata no Espírito Santo. Já o Instituto Nacional de Câncer (Inca) estima mais de 68 mil novos casos da doença no Brasil para o biênio 2018-2019. Na campanha Novembro Azul, quando ações de prevenção são realizadas em todo o Brasil, conversamos com o urologista de Guarapari Cristiano Drumond (CRM 7726), que percebe uma diminuição do preconceito em relação ao exame preventivo.

No Espírito Santo, a maioria dos óbitos causados pelo Câncer de Próstata ocorreu em homens idosos, na faixa etária de 80 anos, seguidos da faixa etária de 70 a 79 anos. Porém, de acordo com o Dr. Cristiano, o risco de ocorrência da doença aumenta a partir dos 40 anos de idade. “Os pacientes que têm história familiar de Câncer de Próstata fazem o PSA (Antígeno Prostático Específico) e o toque de próstata a partir dos 40 anos. Quem não tem faz acima dos 50”, explica.

De janeiro a agosto de 2019, 577 casos de internação hospitalar por neoplasia maligna de próstata foram registrados no Espírito Santo, conforme dados do Sistema de Informações Hospitalares do Sistema Único de Saúde. Cristiano afirma que o paciente com Câncer de Próstata apresenta principalmente sintomas como dificuldade para urinar, ardência e sangramento na urina.

Dr. Cristiano Drumond (CRM 7726). Cirurgião Geral e Urologista. Foto: Arquivo Pessoal.

O urologista ressalta que a prevenção é a única forma de descobrir a doença antes que ela atinja uma proporção incontrolável e, se o diagnostico for feito na fase inicial, aumenta significativamente a chance de cura. “A finalidade do exame preventivo é descobrir a doença antes que ela tenha enraizado, antes que ela tenha espalhado pelo organismo”.

Mesmo com todos os benefícios do diagnóstico precoce, um receio antigo gira em torno do exame preventivo do Câncer de Próstata. De acordo com Cristiano, que é urologista há 20 anos, o tabu é motivado por um preconceito que, apesar de ainda existir no Brasil, tem sido quebrado aos poucos. “O homem ainda é muito machista, mas isso vem diminuindo gradativamente. O homem têm se conscientizado mais em fazer exames e esse número vem caindo ao longo do tempo, pois o exame é rápido, simples e indolor”, afirmou.

Impotência sexual

Uma das dúvidas sobre o Câncer de Próstata a possível impotência sexual. De acordo com o urologista, o que pode causar a disfunção erétil é a cirurgia de remoção da próstata, necessária para o tratamento da doença. “Por ter que tirar a próstata e o tecido em volta, isso acaba por danificar total ou parcialmente o nervo da ereção que passa em volta da próstata”.

O médico esclarece que a impotência sexual pode atingir o paciente em graus variados. “Tem paciente que faz a cirurgia de próstata e mantém a potencia sexual completa, tem outros que ficam com a potência sexual parcial e tem outros que ficam totalmente impotentes”.

Segundo o urologista, nesses casos, a potência sexual do paciente pode ser restabelecida com uso de medicamentos e com a colocação da prótese peniana.

Anúncio
Anúncio

Veja também

tiro

Manhã de tiros e homicídio em Muquiçaba

respiradores104

ES recebeu mais 104 respiradores para reforçar o enfrentamento ao novo Coronavírus

Anúncio
Anúncio
eleições2020

Adiamento das eleições municipais para novembro é aprovado na Câmara

O primeiro turno das eleições municipais será adiado de 4 de outubro para o dia 15 de novembro. A data do segundo turno passa para o dia 29 de novembro

covid-19-drive-thru-teste-coronavirus-teste-rapidos-titri-foto-Flávio-Tin-_MG_8593-15042020-scaled

Covid-19: Guarapari tem mais de mil casos confirmados

O Boletim Epidemiológico foi divulgado na noite de quarta-feira (01). O município registra 41 óbitos por coronavírus

Anúncio
meaipe-5250506-1

Guarapari pode receber ventania de até 74 km/h

A previsão é que o ciclone extratropical chegue a Guarapari até a manhã desta quinta-feira (2).

Foto: Reprodução

Imóveis de aluguel para temporada buscam regularização em Guarapari

Na útima semana, um imóvel do segmento cadastrou-se no Cadastur, tornando-se o primeiro do município a constar no sistema cadastral