Anúncio

Antônio Ribeiro escreve para o folhaonline.es aos domingos e, a cada semana, o colunista relaciona Guarapari ao tema do momento. Antônio é administrador de empresas, viveu em Porto Alegre, São Paulo e Curitiba, esteve em todos os estados brasileiros, a exceção de Acre, Roraima e Amapá, ministrou cursos em todos os países da América Latina, menos nas três Guianas, e escreveu o Guia de Férias e Feriadões.

O que fazer com os hotéis fechados?

Por Antônio Ribeiro

Publicado em 15 de novembro de 2020 às 09:00
Atualizado em 16 de novembro de 2020 às 10:45

Anúncio

Antônio Ribeiro (*)

Foto: Antônio Ribeiro

Quando tive a ideia que proporei a seguir, rápido contei 5 bons hotéis fechados em Guarapari: Radium, Vieira, Tourist, Gaeta e Torium. O amigo José Renato da AHTG disse que são mais de 25. Dão imagem ruim, de abandono à cidade.

A maioria já não rende tributos ao município, então não haveria grande prejuízo se o legislativo e o executivo municipal, concedessem uma isenção de tributos por 10 anos às grandes redes, que os comprassem e se instalassem aqui.

Foto: Antônio Ribeiro

Assim teríamos hotéis de grupos importantes, que comprariam materiais, gerariam empregos em reformas e talvez até construíssem edifício garagem, hoje uma deficiência na cidade sem estacionamento rotativo na região central.

Estes grupos dariam um impulso nos negócios da cidade, estimulariam a criação de serviços de turismo e funcionando, consumirão produtos regionais no café da manhã, almoço e janta, afora energia, agua e outros insumos.

Foto: Antônio Ribeiro

De muitas, a principal vantagem, como trabalham em rede nacional e internacional, seria a inclusão de Guarapari nas suas ofertas, ajudando a assumir a vocação turística da cidade e talvez até, um curso de turismo presencial na Cidade Saúde.

Poderiam promover alguns festivais, como os que já propus em colunas anteriores, como os de escultura, pintura, caricatura e fotografia, que ajudariam a gerar notícias na mídia e divulgariam nossos pontos turísticos desconhecidos.

Foto: Antônio Ribeiro

Para os que acham não ter potencial ou não ser viável, cito o exemplo do resort que está sendo aprovado para Setiba e o super espaço de eventos P12, que está sendo construído em Meaípe e tem funcionamento previsto para esta temporada.

A continuar a tendência atual e não ser trabalhada profissional e empresarialmente a questão, teremos outros fatos negativos como uma das melhores pousadas fechada há um ano e um dos melhores hotéis sendo oferecido a venda.

Foto: Antônio Ribeiro

Como em breve teremos uma nova legislatura e um novo mandato de prefeito da cidade, este pode ser o momento ideal para uma boa mudança, sendo que, por já terem passado as eleições, não serão motivo de promessas que não se cumprem.

Existe uma demanda represada por viagens e os destinos que eram da moda, ficarão por bom tempo em quarentena na cabeça das pessoas conscientes, saindo muitos em busca de roteiros que tenham mais a ver com o bolso, saúde e lazer.

Nas crises são criadas as grandes oportunidades e investimentos inteligentes passam a ter lugar mais seguro na mentalidade empresarial!

(*) Autor do Guia de Férias e Feriadões e membro da Academia Guarapariense de Letras e Artes, AGLA, cadeira Dr. Silva Melo.

As informações e/ou opiniões contidas neste artigo são de cunho pessoal e de responsabilidade do autor; além disso, não refletem, necessariamente, os posicionamentos do folhaonline.es

Anúncio

Anúncio

Veja também

crime em Gri

Crime em Guarapari: mulher foi amarrada e torturada antes de ser assassinada

Ana Paula da Silva Barbosa, de 52 anos, foi morta na noite de domingo (1); o marido dela também foi agredido e teve ferimentos na cabeça

Obras-orla-de-meiape-2021-08-03 (4)

Guarapari: carta aberta cobra respostas em relação a atraso de obra na Orla da Praia de Meaípe

Documento foi protocolado na Prefeitura de Guarapari pela Associação de Moradores do Bairro Meaípe

Anúncio

Anúncio

Tempo Integral ES1

Programa Capixaba incentiva implantação de Tempo Integral em escolas municipais

xepa vacina

Guarapari realiza ações de vacinação contra a Covid-19 e a gripe (Influenza)

As segundas doses de AstraZeneca e Coronavac serão aplicadas na quarta-feira (04) e as da gripe, na quarta e na quinta-feira (05)

Anúncio

revsol1

Parceria entre empresa e prefeitura beneficia estradas e ruas de localidades em Guarapari

A ArcelorMittal doará toneladas de Revsol para o município; as primeiras contempladas serão as localidades de Santa Arinda, Limão e Limãozinho

redução homicídios ES

Sete primeiros meses do ano acumulam redução de 5,7% nos homicídios no Espírito Santo

Anúncio