Anúncio

Obras de revitalização da Prainha em Guarapari não saíram do anúncio

Por Aline Couto

Publicado em 15 de fevereiro de 2018 às 17:04
Atualizado em 16 de fevereiro de 2018 às 07:25
Anúncio

Um leitor, via whasapp 27 99780-1213, enviou para a reportagem do folhaonline.es um questionamento sobre o porquê do atraso no começo das obras de revitalização na orla da Prainha em Muquiçaba. Ele, que pediu para não ter o nome revelado, diz não entender como uma ordem de serviço é assinada e a reforma proposta não ter sido iniciada imediatamente.

Em novembro do ano passado, a Prefeitura de Guarapari assinou a ordem de serviço para o o início das obras de revitalização da nova orla da Prainha em Muquiçaba. A licitação foi vencida pela empresa Forte Prestações de Serviços LTDA EPP, que tem o prazo de 12 meses para a conclusão das obras, que incluem uma pista de skate, ciclovia, quiosque e banheiro subterrâneo com plataforma de acessibilidade. O investimento é de aproximadamente 1,3 milhão.

Uma das imagens do projeto de revitalização. Foto: Divulgação.

A obra, projetada para oferecer conforto aos moradores e turistas, com espaço reservado para jogos e lazer, canteiros com manutenção de espécies arbóreas existentes e áreas adaptadas a mobilidade de portadores de necessidades especiais ainda não saiu do papel.

Até a data de hoje (15) a única coisa que consta na orla é a placa anunciando a reforma e nenhuma movimentação por parte da empresa para o início da construção. Na última sexta-feira (09), durante a solenidade de assinatura da ordem de serviço para a construção do Centro Turístico e Cultural na Praia do Morro, o prefeito falou sobre este atraso.

“A revitalização da Prainha devia ter começado há algum tempo, estamos conversando com a empresa que ganhou a licitação e se não entrarmos em um acordo vou chamar a que ficou em segundo lugar para que a obras comecem o mais rápido possível”, explicou Edson.

Anúncio
Anúncio

Veja também

covid-19-drive-thru-teste-coronavirus-teste-rapidos-titri-foto-Flávio-Tin-_MG_8593-15042020-scaled

Estudo aponta mais de 200 mil capixabas infectados; Guarapari participará da próxima etapa

A partir do levantamento, o ES poderá reconhecer com mais precisão o padrão de comportamento da Covid-19 em solo capixaba

fiscais

Ação da fiscalização da prefeitura de Guarapari provoca reação do setor turístico

Anúncio
Anúncio
Foto: Divulgação

Guarapari: Obras de extensão da Avenida Paris estão em fase final

Foto: Reprodução

Guarapari já registra 13 mortes por Covid-19; 160 pessoas estão curadas

Anúncio
Samarco-1-1024x683

Vagas de emprego na Samarco motivam manifestações em Anchieta

quintuplos

Quíntuplos de Guarapari completam um ano

Os pequenos Jayme, Bella, Benício, Laís e Beatriz comemoram o primeiro aniversário na próxima quinta-feira (04)