Anúncio

Operação das polícias civil e militar prende quadrilha acusada de roubos em Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 11 de maio de 2018 às 10:20
Atualizado em 11 de maio de 2018 às 12:13
Anúncio

Os três indivíduos foram detidos e o material dos roubos recuperado

Uma ação conjunta entre a Polícia Civil e a Polícia Militar, na noite de ontem (10), terminou na prisão de três homens procurados por um grande número de roubos no comércio de Guarapari. O material dos roubos foi recuperado e ainda foram apreendidos dois simulacros de arma de fogo com os acusados.

Os detidos, Anderson Gil da Silva, 26 anos, Jeferson Gil da Silva de 24 e Kerison Gil da Silva, 18, são irmãos e dois deles, Anderson e Jeferson, já tinham mandato de prisão expedido, sendo Jeferson considerado foragido.

Os irmão (Anderson de azul, Jeferson de branco e Keirrison de amarelo) foram presos por roubar comércios em Guarapari. Foto:Divulgação.

Os irmãos roubaram aparelhos eletrônicos, perfumes, roupas e celulares e de acordo com o delegado da Delegacia de Crimes Contra o Patrimônio (Depatri), Marcos Nery, eles estavam se escondendo no bairro Portal Club, no próprio município. “Descobrimos o local onde se encontravam e quando Jeferson foi buscar um lanche no comércio local, estávamos lá esperando”, contou o delegado.

Jeferson levou os policiais a casa onde ele e os irmãos estavam residindo, e no momento da chegada dos policiais, Anderson pulou o muro na tentativa de fuga. “Nós o capturamos em uma mercearia perto da casa dele”, relatou Marcos Nery.

Na casa ainda se encontravam os pais do acusados, Luciene Gil e Waldecir Bernardo, além da namorada de Anderson, Tailana. Segundo Nery, os pais contaram que estavam de passagem para uma visita e que moram no bairro Adalberto Simões Nader.

Nery ainda acrescentou que o irmão mais novo falou que na casa dos pais havia mais material proveniente dos roubos. “Os policiais foram até o local e acharam perfumes em uma sacola no quarto da mãe dos acusados”, pontuou.

“Achamos que Luciene sabia dos crimes dos filhos, por isso será investigada para sabermos se tinha alguma participaram nos roubos”, concluiu o delegado.

 

 

 

 

 

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

rebocador

Encontrado corpo do tripulante do rebocador que afundou em Guarapari

O corpo de Eric Barcelos Rangel, de 57 anos, foi localizado no mar de Aracruz, na última segunda-feira

Fabio-Novaes-Sicoob

O que é e o que muda com Pix

Anúncio
Anúncio
nova loja EPA

Nova unidade do supermercado EPA é inaugurada em Guarapari

edital cultura Alfredo Chaves

Alfredo Chaves e Guarapari lançam Edital Emergencial para o setor cultural

Anúncio
Doação sangue Hifa2

HIFA Guarapari cria campanha de doação de sangue entre os funcionários

Por conta da pandemia, a campanha que abrangia a população está suspensa para evitar aglomeração

eleições2020

Eleições 2020: Não conseguiu votar? Veja como justificar a ausência

O prazo para justificativa de voto é 60 dias após o término de cada turno

Anúncio