Anúncio

Passageiros reclamam da demora e da falta de ônibus para a Praia do Morro em Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 17 de outubro de 2019 às 14:03
Atualizado em 17 de outubro de 2019 às 14:09
Anúncio

Foto: Arquivo/Folha.

Por duas semana consecutivas, a redação do folhaonline.es vem recebendo reclamações a respeito da quantidade de ônibus que fazem o itinerário para o bairro Praia do Morro.  Os passageiros também externaram sobre a troca constante de horários sem aviso prévio e a demora entre um veículo e outro.

Segundo o que foi relatado, os carros costumam demorar entre 30 a 40 minutos e são poucos comparados aos ônibus que passam em outros bairros. Também recebemos o relato da demora excessiva do último dia (09), no fim da tarde, onde alguns passageiros esperaram cerca de uma hora pelo veículo.

“O horário que o ônibus passa normalmente é 17h20, mas na quarta-feira (09) ele só passou às 18h. O motorista e o trocador não souberam explicar o motivo do atraso”, contou uma passageira que pediu anonimato e aguardava o ônibus no ponto da Avenida Davino Mattos, no Centro da cidade.

Ainda de acordo com a passageira, algumas pessoas, inclusive idosos, estavam no ponto desde antes das 17h e nenhum outro veículo havia passado.

A empresa Expresso Lorenzutti foi questionada sobre as reclamações e respondeu em nota que não há alteração de horários sem prévia autorização do município e comunicação aos usuários.

Quantos aos horários dos ônibus para a Praia do Morro, a empresa afirmou que estão previstos no site da Lorenzutti e que são devidamente cumpridos, a não ser que haja obras ou interdições de vias que ocasionem atraso no cumprimento. “Em caso de reclamação de não cumprimento de horário, estas devem ser encaminhados especificamente informando a empresa qual horário deixou de ser cumprido, para averiguação e resposta ao caso específico, também podem ser feitas através do site da empresa”, diz parte da nota.

A Lorenzutti finalizou explicando que a quantidade de viagens para Praia do Morro são dimensionadas de acordo com estudos de demanda de passageiros.

Anúncio
Anúncio

Veja também

marmita santa arinda

Comunidade de Santa Arinda pede doações para obra da associação do bairro em Guarapari

financiamento-habitacional

Advogada de Guarapari orienta sobre financiamento de imóveis diante da Covid-19

A despesa está entre as que podem ficar comprometidas pela diminuição ou ausência de renda

Anúncio
Anúncio
Foto: Divulgação / Hélio Filho (Secom)

Coronavírus: ES ultrapassa marca de mil leitos exclusivos para tratamento de infectados

Ao todo, são 1.065 leitos disponíveis, sendo 490 de UTI e 575 de Enfermaria

O projeto também divulgará o trabalho de artistas locais, que encontram dificuldades em manterem-se durante a pandemia. Foto: Divulgação

Coletivo transforma rede social em vitrine para pequenos negócios de Guarapari

O Sinestesia – Criatividade Coletiva decidiu usar o próprio perfil no Instagram, que conta com mais de mil seguidores, para evidenciar artistas e pequenos empreendimentos locais afetados pela pandemia

Anúncio
Foto: Reprodução

Coronavírus: Guarapari registra 10 novos casos e mais 5 curados

Ao todo, o município contabiliza 161 infectados; Desses, 116 já estão curados

Foto: Reprodução

Profissional da saúde com Covid-19 é encontrada trabalhando em Guarapari

Descumprir o isolamento é infração sanitária e pode ser enquadrado como crime contra a saúde pública