Anúncio

Período de defeso do caranguejo-uça começa amanhã (01) em Anchieta

Por Aline Couto

Publicado em 30 de setembro de 2019 às 12:13
Atualizado em 30 de setembro de 2019 às 12:13
Anúncio

A temporada de defeso começa nessa terça-feira e vai até 31 de dezembro

Foto: Prefeitura de Anchieta.

A partir de amanhã até o dia 31 de dezembro acontece à temporada de defeso do caranguejo-uçá em Anchieta. Esse é o momento dos crustáceos trocarem de carapaça ou casco para crescerem. Por isso, nesse período é proibida a captura, a manutenção em cativeiro, o transporte, o beneficiamento, a industrialização, o armazenamento e a comercialização da espécie Ucides cordatus, conhecido popularmente por caranguejo-uçá.

De acordo com informações da Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Anchieta (Seman), durante o crescimento o caranguejo é conhecido como ‘caranguejo de leite’, em virtude de seu casco ficar amolecido e com uma substância esbranquiçada. Se o crustáceo for ingerido pelo ser humano nessas condições, pode provocar fortes dores abdominais e diarreia.

O período de defeso é dividido em duas fases: 01/10 a 30/11 para todos os indivíduos (machos e fêmeas) e de 01/12 a 31/12 somente para as fêmeas. E, segundo técnicos do Ibama, o defeso do caranguejo é necessário para garantir a manutenção das espécies do crustáceo e preservação dos manguezais e todo estuário responsável pela renovação da fauna marinha.

Durante a temporada, os catadores de caranguejo têm direito a um seguro da Previdência Social. O benefício é concedido durante o defeso (outubro e novembro), quando é proibido pescar ou catar o crustáceo.

Temporada de defeso

A Seman informou que durante esse período será realizada uma intensa fiscalização, com rondas (diurnas e noturnas) pela equipe de Fiscalização Ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, da Polícia Militar Ambiental e do Ibama. Além da realização de campanhas itinerantes de educação ambiental a fim de sensibilizar de informar à população e aos catadores sobre a importância do defeso para a existência da espécie.

A Secretaria ainda orienta que mesmo em períodos que a cata é liberada é preciso observar o tamanho mínimo da espécie comercializada. O defeso do Caranguejo-uçá (Ucides cordatus) foi estabelecido pela portaria estadual (IEMA) e municipal (SEMAN), e pela portaria N° 52 de 30 de Setembro de 2003 e N° 52 de 30 de Setembro de 2003 do Ibama.

Denuncie a venda irregular da espécie:

(28) 3536-1867 – Secretaria Municipal de Meio Ambiente

(28) 3536-1355 – Guarda Municipal

(28) 99939-5281

 

*Com informações: Prefeitura de Anchieta.

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

e39d896a-88d6-4014-a632-46f2afd7a5d5

Grupo promove ação de limpeza do Rio Una em Guarapari e convida voluntários

Há 16 anos o “S.O.S Rio Una” coleta lixo sólido das margens do Rio Una, além de promover ações de conscientização

Foto: Reprodução

Covid-19: mais 27 pessoas se curam da doença em Guarapari

Anúncio
Anúncio
PM GRI

PM de Guarapari faz sucesso na internet e tem mais de 80 mil seguidores

Raphael Santana também faz faculdade de direito e trabalhos como modelo

Foto: Arquivo/Folha

INMET emite alerta de chuva forte e ventos intensos em Guarapari

Ao todo, 50 municípios capixabas podem ser afetados pela mudança climática; Há risco de alagamentos, deslizamentos e transbordamentos de rios

Anúncio
HFA_fachada_tratada-1024x778

Votação popular: Hifa Guarapari pode ser contemplado com emenda parlamentar

A proposta consiste na renovação do Parque Tecnológico da Unidade Hospitalar do Centro Cirúrgico com aquisição de novos equipamentos

nesio

Covid-19: Secretário diz que número de casos deve aumentar nos próximos dias, mas não é ‘nova onda’

Nésio Fernandes explicou os fatores que vão influenciar no aumento de casos

Anúncio