Anúncio

Polícia Civil do ES orienta sobre registro de ocorrências na Delegacia Online

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 28 de março de 2020 às 09:00
Atualizado em 27 de março de 2020 às 16:55
Anúncio

O recurso é opção segura durante isolamento social provocado pela pandemia do coronavírus

Foto: Divulgação

Com as novas orientações de isolamento social, a Delegacia Online (DeOn) passou por mudanças e pode ser utilizada para registrar quase todos os casos, sem a necessidade de ir até uma delegacia física. Esta é uma das medidas de segurança que Polícia Civil do Espírito Santo tem adotado em prol de policiais e cidadãos, durante este período de restrição, devido à pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). 

O cidadão que precisar registrar um Boletim de Ocorrência deve acessar o site, clicar no botão vermelho à esquerda da tela, com a inscrição “Registre sua Ocorrência”, preencher os dados e seguir o passo a passo. Após o registro, o Boletim Eletrônico de Ocorrência será analisado e o cidadão recebe um número de protocolo por e-mail, com as orientações para validar o Boletim, junto à delegacia que ficará responsável pela investigação.

No entanto, alguns casos não podem ser registrados on-line, são eles: homicídios, sequestros, estupros e furtos e roubos de veículos. Para todos os outros registros, é necessário ser maior de 18 anos e possuir um e-mail válido. A Delegacia On-line só aceita registros de fatos que aconteceram no Espírito Santo.

Além disso, é importante lembrar que o computador usado para o registro do Boletim pode ser rastreado e a comunicação falsa é crime, previsto no Artigo 340 do Código Penal Brasileiro. O valor do Boletim Eletrônico de Ocorrência é o mesmo do Boletim de Ocorrência registrado em uma delegacia física, pois se trata de um documento oficial.

“As Delegacias físicas continuam funcionando e atendendo à população, mas a orientação é que as pessoas só se dirijam até uma unidade policial em casos de extrema necessidade e respeitando as regras de prevenção, como evitar contato físico e higienizar as mãos. Além disso, se houver um crime em andamento, ou situação de flagrante, o correto é acionar a Polícia Militar, por meio do Ciodes 190”, afirmou o delegado geral da Polícia Civil, José Darcy Arruda.

  • Com informações da Polícia Civil do Espírito Santo

 

 

Anúncio
Anúncio

Veja também

corona

Guarapari deve ser classificado com risco “Alto” em Mapa de Gestão da Covid-19 amanhã (06)

O Mapa de Gestão de Risco atualizado será divulgado nesse sábado (06) pelo Governo do Estado, contudo, prévia exibida hoje (05) por Renato Casagrande durante coletiva de imprensa classificava o município desse modo

coronavírus-550x309-1

Coronavírus: Guarapari registra 20 novos casos; 11 pacientes estão hospitalizados

Ao todo, o município contabiliza 326 casos confirmados da Covid-19

Anúncio
Anúncio
gente pensando

Instrutor de Guarapari promove torneio online de xadrez e alcança participantes de 5 países

Claudio Ferreira promove competições presenciais de xadrez há mais de 15 anos e, com a pandemia, viu na plataforma online uma alternativa para continuar realizando torneios

comercio1-550x309

Covid-19: Decreto oficializa medidas restritivas em Guarapari

Saiba como funcionará o comércio a partir deste sábado (06) até o dia 14 de junho

Obra sede prefeitura4

Obras da nova sede da Prefeitura de Guarapari causam transtornos a morador

Manilha Setiba

Guarapari: Moradores de Setiba reclamam de ruas alagadas no bairro