Anúncio

Polícia Civil procura por suspeitos de renderem pessoas dentro da própria casa na zona rural de Guarapari

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 16 de março de 2019 às 08:47
Atualizado em 16 de março de 2019 às 08:51
Anúncio

Jhonatan de Souza Chagas, Deivid de Souza Dias e Douglas Silva dos Santos tiveram a prisão preventiva decretada, mas estão foragidos.

Os suspeitos moram no bairro Bela Vista. Foto: Divulgação/Polícia Civil.

A Polícia Civil procura por três suspeitos de assaltarem duas propriedades localizadas na zona rural de Guarapari. Jhonatan De Souza Chagas, Deivid De Souza Dias e Douglas Silva Dos Santos  são moradores do bairro Bela Vista, e suspeitos de realizarem os crimes que aconteceram nos dias 2 de dezembro de 2018 e 2 de fevereiro deste ano. A prisão preventiva já foi decretada, mas eles se encontram foragidos.

O primeiro roubo, em dezembro, aconteceu em Vila de Andana, na casa de um militar aposentado de 79 anos, uma professora aposentada, de 66, um casal que trabalhava na residência e a filha de seis anos. A família foi rendida por Douglas e Jhonatan e foi mantida na sala, sob a mira de uma arma, enquanto o criminoso procurava por objetos de valor pela casa. O sequestro durou cerca de duas horas e meia.

O Delegado Guilherme Eugênio, titular do Deic de Guarapari, informou que foram roubados um cordão de ouro de 80 cm, um par de brincos, R$ 300, um notbook, uma mochila, uma pistola de chimbinho com cano longo, quatro celulares, um aparelho de massagem, cinco pendrives, dentre outras coisas. “Foi uma ação extremamente violenta, que choca ainda mais por causa da idade das vítimas, que são idosos e crianças”, declarou.

Ao deixarem o local, os indivíduos amarraram o militar e a esposa junto a uma grade e exigiram que o filho do casal os acompanhasse durante uma parte do trajeto que percorreram. “Eles sabiam que se tratava da casa de um militar aposentado, tinham o objetivo de conseguir encontrar armas de fogo”, explicou.

Buenos Aires

Já no dia 02 de fevereiro, outro roubo com sequestro foi registrado em Guarapari. Dessa vez, Deivid e Douglas teriam rendido um casal com seis filhos. Os investigados abordaram a família por uma das janelas da residência e exigiram que todos se deitassem com os rostos virados para o chão, enquanto procuravam por itens de valor pela casa.

Ameaçando a família de morte a todo momento, conseguiram levar três celulares, uma televisão, uma caixa de som, um Playsation II, joias, carregadores dos celulares, perfumes, dentre outras coisas. A ação começou por volta de 00 h, a polícia civil foi acionada as 3h37 da manhã.

A justiça decretou a prisão preventiva de Douglas, Deivid e Jhonatan. De acordo com o Delegado Guilherme Eugênio, a família estava receosa, pois no assalto, os indivíduos disseram que, caso acionassem a polícia, eles voltariam para mata-los. “Apesar do medo imposto às vítimas, conseguimos identificar os três indivíduos e produzir provas robustas do envolvimento deles nas duas ações”, enfatizou.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

antonio capa

Guarapari: Família pede doações de sangue para idoso de 81 anos que está na UTI

Renato Antônio Massad Vieira foi internado ontem (22) e, com a escassez de sangue nos bancos, precisa de doadores

chuva

Após forte chuva, Defesa Civil identifica dois pontos de deslizamento de terra em Guarapari

Apesar disso, não há registros de famílias desabrigadas em decorrência da chuva no município

Anúncio
Anúncio
Foto: Reprodução

Sine Anchieta: Mais de 90 vagas abertas com oportunidades na área da Samarco

Há oportunidades para moradores de Guarapari, Anchieta e Piúma

dna (5)

Chuva e vento destroem refeitório de fábrica, em Guarapari

Anúncio
e39d896a-88d6-4014-a632-46f2afd7a5d5

Grupo promove ação de limpeza do Rio Una em Guarapari e convida voluntários

Há 16 anos o “S.O.S Rio Una” coleta lixo sólido das margens do Rio Una, além de promover ações de conscientização

Foto: Reprodução

Covid-19: mais 27 pessoas se curam da doença em Guarapari

Anúncio