Anúncio

Reunião Pública apresenta estudos que buscam a verdadeira idade de Guarapari

Por Sara de Oliveira

Publicado em 28 de agosto de 2019 às 12:30
Atualizado em 28 de agosto de 2019 às 11:58
Anúncio

O encontro acontece nesta quarta-feira (28) na Câmara Municipal e foi proposta pelo vereador Thiago Paterlini (MDB).

Foto: Divulgação.

Uma reunião pública será realizada nesta quarta-feira (28), em Guarapari, com o objetivo de divulgar o projeto “Conheça, Valorize e Apaixone-se”, idealizado por educadores e alunos da Escola Estadual Doutor Silva Melo. A iniciativa busca documentos sobre a origem da cidade, com o objetivo de comprovar que o  município contabiliza 434 anos, desde os primeiros vilarejos.  O encontro, apoiado pelo vereador Thiago Paterlini (MDB), acontece às 18h na Câmara Municipal.

A reunião contará com a presença das professoras Fernanda Geraldo e Aline Brandão, responsáveis pelo projeto, que apresentarão todos os documentos que comprovam a idade da Cidade Saúde. Na reunião, trabalhos sobre os monumentos históricos da cidade, realizados pelos estudantes do ensino médio, também serão apresentados. Além disso, estarão presentes no encontro o historiador José Amaral Fernandes Filho, o turismólogo Emir Prates Conceição e a escritora Beatriz Bueno, autora do livro “Guarapari: muito mais que um sonho lindo”.

Para o vereador Thiago Paterlini, essa será uma oportunidade de discutir a cultura local que, de acordo com ele, é um tema pouco abordado. “Além de enriquecedor, é uma grande chave para o turismo cultural, já que temos tantos monumentos esquecidos e que merecem atenção. O resultado dos estudos irão refletir diretamente em diversos quesitos de interesse de todos”, declarou.

Violência Contra a Mulher

Amanhã (29), a Câmara de Guarapari recebe mais uma reunião pública. Dessa vez o objetivo é discutir sobre a violência contra a mulher.  O seminário “Agosto Lilás” tem como proponente a vereadora Fernanda Mazzelli (PSD) e acontece a partir das 18h no Plenário Ewerson de Abreu Sodré.

Anúncio
Anúncio

Veja também

corona

Coronavírus: Guarapari registra 12º óbito e mais 10 casos da doença

A vítima fatal da doença residia no Centro

CTA

Centro de Testagem e Aconselhamento vira alvo de denúncias em Guarapari

Anúncio
Anúncio
Lucineia Santos de Souza. Foto: Arquivo Pessoal

Moradora de Guarapari já produziu e doou mais de 500 máscaras para famílias carentes

Com um saco de retalhos e um rolo de elástico, Lucineia Santos resolveu ajudar pessoas em situação de vulnerabilidade social a se protegerem da Covid-19

homicidio

Número de homicídios no ES reduz em maio e atinge melhor número dos últimos 24 anos

Anúncio
abertura de em presas

ES está entre os 12 estados com menor tempo de espera para abertura de novas empresas

cão4

Pandemia faz número de adoção de cães e gatos crescer em Guarapari