Anúncio

Rotativo vai expandir para Muquiçaba e Parque Areia Preta

Por Glenda Machado

Publicado em 3 de maio de 2016 às 18:10
Atualizado em 3 de maio de 2016 às 20:57

Anúncio

Mais 17 ruas terão rotativo a partir de junho além das 19 no Centro. Isso porque a cobrança pelo estacionamento será expandida para os bairros Muquiçaba e Parque Areia Preta. A ampliação foi divulgada em reunião pública realizada no dia 2 de maio na Câmara dos Vereadores. Embora seja um assunto de interesse público, não houve participação massiva da população. Cerca de 30 pessoas compareceram entre vereadores e representantes da sociedade civil organizada.

Mapa-Muquiçaba

VEJA as ruas que vão ter a cobrança em Muquiçaba.

Em Muquiçaba, as 12 ruas contempladas são: Av. Jones dos Santos Neves, Rua Santana do Iapó, Rua Santo Antônio, Rua José Araão Jorge, Av. Camilo Gianordoli, Rua Lúcio Maia, Rotatório do Itapemirim, Av. Ewerson de Abreu Sodré, Rua Alexandre Grande Ribeiro, Rua Antônio Lino Bandeira, Rua Batista Gotardo e Av. Francisco Vieira Passos. No Parque Areia Preta, serão cinco ruas: Rua Carlos Santana, Rua Paulo Soares de Aguiar, Rua Epaminondas de Almeida, Rua Jacinto de Almeida, Rua José Barcelos de Matos.

Mapa-PqAreiaPreta

VEJA as ruas onde vai ter cobrança no Parque Areia Preta.

“Nos próximos trinta dias vamos fazer a sinalização horizontal e vertical. Depois teremos uma semana para a educação e conscientização da população. São ruas comerciais e que foram diagnosticadas no plano de mobilidade com dificuldades em estacionamento. No Parque Areia Preta, por exemplo, a situação se agravou ao se tornar ruas de escape ao rotativo do Centro”, explica o secretário de Fiscalização, Danilo Bastos.

rotativo

Dos 17 vereadores, nove marcaram presença: Wanderlei Astori, Oziel de Sousa, Rogério Capistrano, Ronaldo Gomes, Manoel Ferreira Couto, Sérgio Ramos, Germano Borges, Jair Gotardo e Thiago Monjardim.

Voltar com o tempo de tolerância de 5 minutos para 15 minutos foi um dos pedidos da presidente da Associação dos Moradores de Jabaraí, Luciana Gonçalves.  A VGN – Vista Group Netwoork explicou que segue decreto municipal onde consta tolerância de 5 minutos. “No início, trabalhamos com um tempo maior para que as pessoas se acostumassem com o processo. Mas desde o início, a tolerância seria de 5 minutos”, disse a assessora de Comunicação, Érika de Carvalho.

Já o presidente do Sindilojas, Carlos Hoffmann, questionou a possibilidade de adiar essa expansão tendo em vista a crise econômica. Mas para o secretário, o rotativo vai impulsionar o comércio. “A rotatividade das vagas será benéfica ao comércio, porque é uma ilusão achar que os carros que hoje estão lotando as ruas de Muquiçaba são de clientes. É preciso tirar a sobrecarga das vias principais”.

rotativo 2

CERCA de 30 pessoas participaram da reunião pública entre vereadores, líderes de bairros e imprensa.

Outro morador da cidade também perguntou sobre as vagas prioritárias aos deficientes físicos e idosos. José Amaral está temporariamente com problemas na perna e diante da dificuldade de se locomover quis saber quais os direitos garantidos com o selo de deficiente físico. “A VGN cumpriu a legislação federal, sendo 2% das vagas para deficientes e 5% para idosos. Mas é preciso cumprir a rotatividade, mantendo-se no máximo 4 horas na mesma vaga e não existe gratuidade em Guarapari”.

Quanto à sobretaxa de R$ 10,00 para os veículos notificados que não adquirem os tíquetes ou que não renovam o tempo, empresa e prefeitura explicaram que o motorista fica irregular no sistema.  Assim que o convênio com o Banestes e o Detran for concluído, eles podem ser multados pois a pena será retroativa.

Os próximos bairros que podem receber o rotativo são: Praia do Morro, Aeroporto, Santa Mônica, Setiba, Meaípe e Nova Guarapari. O secretário informou que em alguns casos, a cobrança poderá ser diferenciada. “A Praia do Morro, por exemplo, pode ter a cobrança apenas na alta temporada quando o problema de estacionamento se agrava. Mas toda expansão passará por reunião pública para esclarecer as dúvidas da população”, disse Danilo.

Outra novidade é que algumas bancas e lojas estão sendo credenciadas para também vender os tíquetes além dos agentes da Vaga Ativa. A medida é uma alternativa proposta aos problemas relatados por alguns motoristas da dificuldade em encontrar os agentes para efetuar o pagamento do tíquete. Já o parquímetro, que foi uma das reivindicações dos presentes, não está previsto para o momento.

 

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Praça Virtudes4

“É um faz e refaz, desperdício de dinheiro público”, diz moradora de Guarapari sobre a Praça das Virtudes

operações PM

PM detém suspeito que fugiu de acidente de trânsito em Guarapari

Anúncio

Anúncio

familia-acolhedora

Guarapari realiza formação para quem deseja participar do Programa Família Acolhedora

montagem terreno Ipiranga2

Guarapari: dona de imóvel no Ipiranga reclama da falta de ordenamento público no bairro

De acordo com o relato, no local há um terreno abandonado acumulando lixo, um ônibus estacionado na rua com uma família morando e calçada sendo usada como varal de roupa

Anúncio

frio-inverno

Inverno começa com alerta de queda de até 5°C nas temperaturas em Guarapari

O alerta emitido pelo Inmet aponta frio intenso em 35 cidades do Estado

vacina_covid_19

Pessoas acima de 40 anos já podem agendar a imunização contra Covid-19 em Guarapari

A vacinação acontecerá na quarta (23), no Complexo Esportivo, em Muquiçaba.

Anúncio