Anúncio

Sem repasse da prefeitura, APAE vai mudar para nova sede ainda em obras

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 3 de julho de 2017 às 11:25
Atualizado em 3 de julho de 2017 às 11:42

Anúncio

Há 20 anos a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (APAE) atua em Guarapari levando educação e serviços para crianças, adolescentes e adultos especiais e desde o terceiro ano de existência, sempre recebeu ajuda da prefeitura para pagar o aluguel da atual sede e com funcionários. Mas há pelo menos cinco anos a entidade tem passado por problemas sérios, causado pelo atraso no repasse financeiro.

Agora a APAE Guarapari se vê em uma situação crítica. Desde o ano passado esperando pelo repasse na ajuda para pagar o aluguel do imóvel onde funciona, a entidade vai ter que se mudar para a nova sede antes mesmo de ficar pronta.

Sem receber o repasse da prefeitura para pagar aluguel, entidade vai ter que mudar para a nova sede que ainda está em obras.

“Foi a única saída que encontramos. A sede própria ainda não está terminada, mas como não temos mais como esperar a prefeitura para repassar o valor do aluguel, vamos mudar para o prédio novo. Vamos terminar de pintar a área do primeiro piso e nos mudarmos porque não temos condições de ficar esperando a prefeitura”, explica a presidente da APAE Guarapari, Luciane Cerutti Pádua.

A presidente da APAE contou que a Campanha do Cimento, criada para arrecadar doações para o término da sede própria da entidade conseguiu cerca de 30 sacos de cimento. Mas ainda não é o suficiente para terminar completamente a obra.

Pádua explicou ainda que além do atraso no repasse do aluguel, outros valores, incluindo uma verba federal que é distribuída pela Secretaria de Trabalho, Assistência e Cidadania, ainda não foi entregue para a APAE. Esta verba é de 2015 e deve ser aplicado em realização de oficinas e contratação pessoal especializado.

Um terceiro valor, que é de um repasse feito pelo Banestes anualmente para três entidades da cidade, incluindo a APAE, também se encontra retido. Luciane explicou que tudo isso é por causa da alteração da Lei que regula os convênios entre entidades e município, mas também por conta da morosidade da prefeitura.

“Os processos estão todos encaminhados e parados nas mesas de quem deveria resolver o problema. Só precisa de uma assinatura e estes valores seriam liberados, mas acaba se perdendo na burocracia”, lamenta Luciane.

Prefeitura de Guarapari

A prefeitura de Guarapari confirmou que os valores não foram repassados por causa das alterações na Lei Federal 13019 que regula dos convênios entre entidades e município. Confira a resposta da prefeitura na íntegra:

A Secretaria Municipal de Trabalho Assistência e Cidadania (Setac) informa que em Janeiro deste ano entrou em vigor a Lei Federal 13019/2015, que deve ser regulamentada pelos municípios. A municipalidade já fez a regulamentação e agora está realizando o processo de convênios que deve ser realizada para a liberação do repasse do aluguel e da Campanha do Banestes.

Em se tratando da verba federal para despesa de consumo e pagamento de pessoal, o repasse dos valores estão sendo feitos. Em 2013 ocorreu um atraso na verba, mas isso já foi reajustado e em 2016, a entidade recebeu a verba referente a 2015 através do convênio 01/2016. Este ano a Apae irá receber a verba refente a 2016″.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

violao_e_cordas_reproducao-2021-06-12

Beatles é repertório para concerto de violão e cordas em Guarapari na noite de hoje (12)

Concerto acontece na antiga Igreja Matriz, às 18h

arrtigo_direito-2021-06-12-1

Artigo: a atuação de pessoas negras no judiciário brasileiro

Anúncio

Anúncio

recanto_da_sereia-2021-06-12-1

Cansados de ver lixo, moradores de Guarapari limpam rua por conta própria

Moradores do bairro Recanto da Sereia realizaram mutirão para limpar local de descarte inadequado de lixo

Praia do Morro em tarde nublada. Previsão de chuva.

Fim de semana dos namorados seguirá frio em Guarapari

Anúncio

expresso_lorenzutti-onibus_saude

Sindicato afirma: 100% dos ônibus voltam a circular em Guarapari na segunda-feira (14)

vacinacao_50-mais-gri2021-06-12

Covid-19: Guarapari abre agendamento para pessoas acima de 50 anos e profissionais da educação

Anúncio