Anúncio

Sítio em Alfredo Chaves abre para visitação durante colheita de pitayas

Por Aline Couto

Publicado em 14 de janeiro de 2020 às 10:30
Atualizado em 12 de maio de 2020 às 15:54

Anúncio

Durante à visitação será possível conhecer a plantação e a cultura da fruta

Foto: Reprodução.

A colheita das frutas pitaya já começou e um sítio na localidade de Cachoeira Alta, interior de Alfredo Chaves, abriu a propriedade para visitação. É preciso agendar o passeio para conhecer a fruta exótica e o visitante pode escolher as próprias pitayas que deseja comprar.

Durante a visita, é possível ver de perto a cultura de pitayas, uma fruta ainda exótica e pouco conhecida no Espírito Santo. Os visitantes poderão conhecer a plantação, degustar e escolher as próprias frutas que desejam levar para casa. No sítio, que fica a 4 km do Centro de Alfredo Chaves, há cerca de 10 espécies da fruta em produção. Há plantas originárias da Colombia e de outros países da América Central.

Pitaya

A fruta tem benefícios como: proteger as células do organismo, pois é rica em antioxidantes que protegem contra o câncer; ajudar na digestão devido à presença de sementes na polpa; combater doenças cardiovasculares, pois as sementes contêm ácidos graxos essenciais como os ômega 3; regular o intestino pois tem oligossacarídeos, que são fibras que combatem a prisão de ventre; regular a pressão arterial, por ser uma fruta bastante rica em água que estimula a produção de urina, reduzindo o acúmulo de líquidos no organismo; e combater a anemia e osteoporose por conter vitaminas e minerais importantes como ferro, fósforo, vitaminas B, C e E.

A pitaya, também conhecida como a fruta do dragão por causa da aparência de sua casca, tem três variações, branca e vermelha, encontradas no Brasil e a amarela.

Informações/Agendamento de visitas: (27) 99945-1288 (Eloilson).

*Com informações: Dirceu de Souza Cetto.

 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

crime em Gri

Crime em Guarapari: mulher foi amarrada e torturada antes de ser assassinada

Ana Paula da Silva Barbosa, de 52 anos, foi morta na noite de domingo (1); o marido dela também foi agredido e teve ferimentos na cabeça

Obras-orla-de-meiape-2021-08-03 (4)

Guarapari: carta aberta cobra respostas em relação a atraso de obra na Orla da Praia de Meaípe

Documento foi protocolado na Prefeitura de Guarapari pela Associação de Moradores do Bairro Meaípe

Anúncio

Anúncio

Tempo Integral ES1

Programa Capixaba incentiva implantação de Tempo Integral em escolas municipais

xepa vacina

Guarapari realiza ações de vacinação contra a Covid-19 e a gripe (Influenza)

As segundas doses de AstraZeneca e Coronavac serão aplicadas na quarta-feira (04) e as da gripe, na quarta e na quinta-feira (05)

Anúncio

revsol1

Parceria entre empresa e prefeitura beneficia estradas e ruas de localidades em Guarapari

A ArcelorMittal doará toneladas de Revsol para o município; as primeiras contempladas serão as localidades de Santa Arinda, Limão e Limãozinho

redução homicídios ES

Sete primeiros meses do ano acumulam redução de 5,7% nos homicídios no Espírito Santo

Anúncio