Anúncio

Suspeito de mandar matar um homem e uma criança no Rio de Janeiro é preso em Guarapari

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 21 de novembro de 2019 às 10:18
Atualizado em 21 de novembro de 2019 às 10:46
Anúncio

Investigações apontam que o detido integra uma facção criminosa do Rio

Eraldo foi preso em casa, na Praia do Morro. Foto: Divulgação/PC

A equipe da Delegacia de Investigações Criminais (Deic) de Guarapari, com o apoio da Delegacia Especializada de Narcóticos (Denarc) e da Polícia Militar (PMES), prendeu Eraldo da Silva Leite, de 32 anos, suspeito de integrar uma facção criminosa e ser o mandante dos homicídios de um vigilante, de 37 anos, e do neto dele, de quatro anos, ocorridos no Estado do Rio de Janeiro, no início deste mês. O foragido encontrava-se morando no bairro Praia do Morro, em Guarapari, onde foi preso, na última terça-feira (19).

De acordo com o titular da Deic, delegado Guilherme Eugênio, a Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro (PCERJ) soube do paradeiro do  detido e fez contato com os policiais civis do Espírito Santo em busca de apoio. “Analisamos as informações que nos enviaram e, no final da tarde, as equipes de polícia se deslocaram até a residência do suspeito, vigiaram a chegada e efetuaram a prisão”, relatou.

Guilherme Eugênio afirmou que o detido integra uma facção criminosa muito conhecida no Rio. “O crime teria sido motivado por conflitos entre narcotraficantes. Na ocasião, um homem e o neto foram brutalmente mortos, uma vez que, o alvo da ação criminosa, era o pai da criança, que não estava no local. A companheira do vigilante, também com 37 anos, foi atingida por disparos de arma de fogo, mas sobreviveu”, disse.

Além de Eraldo, outros cinco suspeitos de participar do crime foram identificados e presos por policiais civis do Rio. Ao ter ciência do mandado de prisão, o detido fugiu e, juntamente com a família, instalou-se em Guarapari, onde estava vendendo salgados. O investigado foi recambiado ao Estado do Rio de Janeiro, onde as investigações prosseguem na 146ª Delegacia de Polícia.

  • Com informações da Assessoria de Comunicação da Polícia Civil ES

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

estágio

Instituto do ES está com mais de 50 vagas para estágio na Grande Vitória

As bolsas variam entre R$450 e R$994, podendo ser complementadas com benefícios como Auxílio ou Vale Transporte e Alimentação na empresa

foto-vacina-Agencia-Brasil_

Vacinação contra a Poliomielite e Sarampo é prorrogada até final de novembro

Anúncio
Anúncio
Foto: Reprodução / Agência Brasil

Polícia Militar abre vagas com salários superiores a R$ 4 mil

Para concorrer às vagas, os candidatos precisam ter formação e experiência na área da saúde

artista

Prefeitura realiza eleição para composição do Conselho de Políticas Culturais de Guarapari

As inscrições são gratuitas e devem ser feitas, pessoalmente ou por procuração, até o dia 13 de novembro

Anúncio
meaipe_foto_folha_vitoria

Região de Meaípe registra novos óbitos por Covid-19, em Guarapari

cão e gatp

Prefeitura de Guarapari promove castração gratuita de cães e gatos

Serão atendidos moradores dos bairros Itapebussu, Camurugi, Recanto da Sereia, Andana e Jaboticaba

Anúncio