Anúncio

Vacinação contra o sarampo começa segunda-feira (10) em Guarapari e em todo o Estado

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 8 de fevereiro de 2020 às 12:00
Atualizado em 8 de fevereiro de 2020 às 12:17

Anúncio

O município irá aderir à campanha nas Unidades Roberto Calmon, Caic, Setiba e Centro Municipal de Saúde, das 8h às 16h

A campanha segue até o dia 13 de março, com o Dia D marcado para 15 de fevereiro. Foto: Divulgação

Na próxima segunda-feira (10), se inicia a Campanha Nacional de Vacinação contra o sarampo, uma doença viral de elevada contagiosidade, cuja transmissão ocorre por meio de secreções expelidas ao tossir, espirrar e falar. A campanha segue até o dia 13 de março, com o Dia D marcado para 15 de fevereiro. Durante esse período, vacinas estarão disponíveis em 493 salas de vacinas, de norte a sul do Espírito Santo. Em Guarapari, as vacinas serão aplicadas nas Unidades de Saúde Roberto Calmon, Caic, Setiba e no Centro Municipal de Saúde, das 8h às 16h.

Conforme o público-alvo definido pelo Ministério da Saúde, serão imunizadas crianças e jovens, dentro da faixa etária de 5 a 19 anos, que não tenham recebido nenhuma ou apenas uma dose da vacina tríplice ou tetra viral, que tenham perdido o cartão de vacinação ou não saibam se estão com esquema vacinal completo.

De acordo com a coordenadora do Programa Estadual de Imunizações e Vigilância das Doenças Imunopreveníveis da Secretaria da Saúde (Sesa), Danielle Grillo, a estimativa é que 39.927 crianças e jovens sejam imunizados no Espírito Santo. Contudo, ela enfatiza que a estimativa de não vacinados se encontra em atualização, portanto os dados podem estar superestimados e devem ser avaliados com cautela.

Os principais sintomas do sarampo são febre acompanhada de tosse persistente, irritação ocular, coriza, congestão nasal e mal-estar intenso. Após estes sintomas, há o aparecimento de manchas avermelhadas no rosto, que progridem em direção aos pés, com duração mínima de três dias. Casos graves da doença podem levar a óbito, por isso, a imunização é imprescindível.

Febre amarela

Outra estratégia definida pela Secretaria da Saúde (Sesa), em conjunto com os municípios, será a intensificação da vacinação contra a febre amarela em crianças de 4 a 7 anos, durante esta primeira etapa da campanha contra o sarampo. Segundo Danielle Grillo, a decisão se deu pela similaridade do público-alvo e a mudança no calendário nacional, que ocorreu em 2020.

  • Com informações do Governo do Estado do Espírito Santo

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Anchieta-Credito-da-Foto-Andrews-Quinteiro_

Pelo quarto ano consecutivo, Anchieta recebe nota A do Tesouro Nacional

pfizer

Guarapari: ação de vacinação sem agendamento para adolescentes com comorbidades

Anúncio

Anúncio

ameazul-praia

Moradores da Enseada Azul, em Guarapari, realizam ação de limpeza neste sábado (18)

Ação é uma adesão ao Dia Mundial da Limpeza

Comunicado - 17-09-2021

Comunicado – 17/09/2021

Anúncio

pfizer

Vacinação dos adolescentes é mantida no Espírito Santo

O Ministério da Saúde suspendeu a imunização do público de 12 à 17 anos sem comorbidades

afrochaves-estacao-da-cultura-2021-09-16-4

Resistência preta marca abertura do Estação da Cultura em Alfredo Chaves

Anúncio