Anúncio

Vereadora pede que prefeito autorize reabertura de academias em Guarapari

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 23 de abril de 2020 às 15:24
Atualizado em 23 de abril de 2020 às 15:42
Anúncio

O pedido encaminhado por Fernanda Mazzelli ao Executivo indica normas que as academias devem cumprir para que sejam evitadas aglomerações

Vereadora Fernanda Mazzelli. Foto: Reprodução

Ontem (22), a vereadora Fernanda Mazzelli encaminhou ao Poder Executivo o Ofício 017/2020, em que solicita que o prefeito reavalie a abertura de academias e áreas de atividades físicas no município. Para que sejam evitadas aglomerações e, assim, contenha-se o novo coronavírus (Covid-19), a parlamentar propôs normativas que devem ser seguidas pelos estabelecimentos e profissionais autônomos. 

De acordo com Fernanda Mazzelli, a reabertura das academias não apenas contribuiria para a melhoria da saúde da população, como seria um estímulo à economia local, visto que o não funcionamento das academias trouxe um grande prejuízo econômico ao setor. 

A parlamentar explica ainda que Guarapari conta com cerca de 50 empresas prestadoras de atividade física e 400 Profissionais da Educação Física registrados que, com a proibição do funcionamento dos estabelecimentos, encontram-se sem qualquer subsídio. “Muitos precisam pagar seus aluguéis, ou até mesmo se alimentar, então estamos pedindo que seja reavaliada a abertura”, afirma. 

Para que a reabertura das academias não coloque em risco a saúde da população, a vereadora sugere que os estabelecimentos sigam as normas propostas pela Comissão Regional do CREF Espírito Santo em Guarapari, que visam evitar aglomerações. Entre as normativas, estão a definição um limite de alunos por m²/hora, o uso obrigatório de máscaras por colaboradores e a orientação para que os clientes frequentem o espaço com o equipamento de proteção individual. 

Buscamos a Prefeitura de Guarapari para confirmar o recebimento do pedido feito pela vereadora Fernanda Mazzelli. Por meio de nota, o Executivo reforçou a determinação estabelecida pelo Decreto 253/2020, publicado na última quarta-feira (22): 

“Conforme Decreto 253/2020, publicado na edição do diário oficial dos municípios, o funcionamento de academias de esporte de todas as modalidades, continuam suspensas até o dia 30 de abril.

A prática de caminhada ou corrida na orla das praias está permitida, desde que realizada de maneira individualizada e com máscara de proteção, no horário compreendido entre 5h às 11h”.

Texto: Nicolly Credi-Dio

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

Imagem artigo

Artigo: O uso indevido da Lei Maria da Penha

E o reflexo prejudicial às mulheres que de fato precisam da proteção legal

Foto: Reprodução

Grupo de doadores de sangue de Guarapari convoca voluntários para ação

O Projeto Esther-Doe Sangue Salve Vidas realiza doação pelo menos duas vezes por mês com transporte gratuito para os voluntários

Anúncio
Anúncio
AfroChaves

Alfredo Chaves: associação recolhe óleo usado para fabricar sabão e doar

classroom-2093743_1280

Governo do ES autoriza aulas presenciais a partir de 05 de outubro

A suspensão das aulas foi uma das primeiras medidas de enfrentamento à pandemia tomadas em março.

Anúncio
Parque de Itaúnas - Paulo Sena - Seama

Parques estaduais abrirão neste final de semana

EscolaAlfredo

Em meio a aulas online, escola de Alfredo Chaves inova e cria atividades práticas a distância

Anúncio