Anúncio

Vereadores protestam, mas Projetos de Lei do executivo vão para votação na Câmara de Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 4 de abril de 2018 às 17:42
Atualizado em 4 de abril de 2018 às 17:55
Anúncio

A 10 ª Sessão Ordinária na tarde de ontem (03), na Câmara de Vereadores de Guarapari, contou com vários reveses. O presidente da Câmara, Wendel Lima (PSD), colocou em votação o pedido do vereador Clebinho Brambati (PTB), dos expedientes oriundos do executivo, que pediu dispensa de interstício, regime de urgência e primazia para o Projeto de Lei Complementar 003/2018 e os Projetos de Leis 027, 028 e 031/2018, mesmo após discordância de alguns vereadores, como Thiago Paterlini (PMDB) e Marcos Grijó (PDT).

Os vereadores falaram no parlamento que a votação em regime de urgência iria contra o regimento da própria Casa de Leis de acordo com o artigo 133 do mesmo. Paterlini solicitou o encaminhamento contrário à votação, para que a comissão tenha tempo hábil de exarar o parecer das matérias apresentadas.

A 10ª Sessão Ordinária da Câmara teve votação polêmica. Foto: Aline Couto.

“Tem matéria que não tem a cópia da ata e não sabemos quem enviou e nem do que se trata. Temos que ter conhecimento amplo antes de votar. Além de não caber pedido de urgência nestas votações, por não causarem prejuízos a populações, se forem adiadas”, pontuou Thiago

O vereador Grijó endossou a fala de Paterlini. “Tem quer haver debate das comissões para conhecermos os projetos antes das votações, para que não aconteça nenhum equívoco”

O parlamentar acrescentou que uma das matérias, o Projeto de Lei 031/2018, referente ao Consórcio das Políticas em Nível dos Municípios da Região Sul (CONDESUL), não veio com informações completas. “Estamos indo contra a Lei e o regimento interno da Câmara, é incabível que estes projetos sejam colocados em votação. Temos que manter a validação do regimento”.

Vereador Marcos Grijó discursando na Sessão de ontem. Foto: Aline Couto.

Apesar dos pedidos e discursos dos parlamentares, o presidente da Câmara decidiu por colocar em votação as matérias do executivo. “O líder frisa e destaca a necessidade desta votação, portanto, vou acatar o pedido dele”.

A votação foi aprovada por 10×5, Fernanda Mazzell (PSD), Wendel Lima (PSD), Oziel de Souza (PSC), Sandro Bigossi (PDT), Dito Xaréu (SDD), Paulina Aleixo (PP), Kamilla Rocha (DEM), Gilmar Pinheiro (PSDB), Clebinho Brambati (PTB) e Zé Preto (PODEMOS) votaram a favor, e, Thiago Paterlini (PMDB), Marcos Grijó (PDT), Lennon Monjardim (PODEMOS), Denizart Zazá (PSDB) e Dr. Rogério Zanon (PRP) votaram contra.

Em resposta, Thiago voltou ao púlpito dizendo que estava ali para preservar os direitos de todos os vereadores do parlamento. “O plenário só é soberano quando o regimento é omisso. Uma vez que está no regimento, ele tem que ser respeitado e o plenário deixa de ser soberano. Se tiver dúvidas quanto a isso, melhor desconsiderar o regimento”.

Vereador Thiago Paterlini em suas considerações finais. Foto: Aline Couto.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Divulgação

Reconstrução de ponte de Alfredo Chaves deve ser concluída até março de 2021

A principal ponte do município foi uma das 23 estruturas destruídas pela enchente, em janeiro deste ano

casagrande

Apenas um município do ES não está no “Risco Baixo”, no 29° Mapa de Gestão

Apenas o município de Ecoporanga segue em Risco Moderado; Não há nenhum município em Risco Alto

Anúncio
Anúncio
apae-guarapari

Apae Guarapari arrecada alimentos para almoço solidário

O dinheiro da venda das refeições será destinado à manutenção da estrutura da instituição, que sofreu alguns danos devido às últimas chuvas

supermercado_0_0-550x366

Morador de Guarapari cria plataforma para consulta de supermercados

A ideia surgiu durante a pandemia com a intenção de ajudar as pessoas na consulta de preços e produtos sem sair de casa

Anúncio
Foto: Arquivo/Folha

Alerta de chuvas intensas e vento forte para fim de semana em Guarapari

O alerta emitido pelo Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) abrange todos os municípios do Espírito Santo

motoclube5

Mulheres Motociclistas de Guarapari organizam motociata em prol de crianças com câncer

A ação é de conscientização da doença e arrecadação de gelatinas para os pequenos

Anúncio