Anúncio

Com sequelas devido a uma cirurgia, jovem de Guarapari precisa de tratamento e mãe pede ajuda

Por Aline Couto

Publicado em 28 de setembro de 2021 às 13:39
Atualizado em 1 de outubro de 2021 às 15:58

Anúncio

Fotos: arquivo pessoal.

Em 2016, Daniel Stein Martins, então com 18 anos, tinha uma vida típica para a idade. Saudável, era adepto a prática das artes marciais, seguia estudando e já trabalhava como garçom em um hotel de Guarapari. Mas, neste mesmo ano, um cabelo inflamado que se tornou um *cisto pilonidal mudou a vida do jovem para sempre.

Cirurgia

Diante da situação, os médicos decidiram por operar o cisto e a cirurgia, que deveria durar em torno de 30 minutos, foi de quatro horas.

“Tiveram algumas intercorrências, e, após a anestesia, ele teve um evento cardíaco que ocasionou na hipóxia cerebral, que é a falta de oxigênio no cérebro. Ele saiu do centro cirúrgico com os lábios roxos. Meu filho ficou quase quatro meses internado e foi parar no CTI – Centro de Terapia Intensiva – por duas vezes”, contou Luzinete A. Stein Martins, mãe de Daniel.

Mudanças

Daniel entre os pais, Manoel e Luzinete.

No retorno para casa, Daniel e a família precisaram mudar a vida por completo. A falta de oxigênio durante a operação deixou sequelas na fala, no andar e em toda coordenação motora. Por isso, o jovem, hoje com 23 anos, precisa de vários tratamentos para conseguir uma qualidade de vida melhor.

“Ele precisa de fisioterapia, fonoaudiologia, hidroterapia e terapia ocupacional. O SUS só paga a fisioterapia uma vez na semana durante 30 minutos, não oferece a hidroterapia e não tem aparelho adequado para a terapia ocupacional em Guarapari. E todos esses tratamentos são caros, estamos conseguindo seguir graças a ajuda de amigos e familiares. Mas está bem difícil”, explicou a mãe.

Luzinete cuida em tempo integral do filho e, por isso, teve que deixar o emprego. O pai de Daniel, Manoel Julião Martins, perdeu parte da visão, cerca de 80%, e precisou se aposentar aos 38 anos. “Nós vivemos com R$ 1.470,00 da aposentadoria do Daniel, que na época da cirurgia tinha carteira assinada, e da aposentadoria no meu marido, que é um salário mínimo, mas ele recebe em torno de 700 reais por conta dos empréstimos que tivemos que fazer para ajudar em casa. Além dos tratamentos, temos os gastos com medicamentos, alimentação e fraldas, que mesmo conseguindo de forma gratuita pelo SUS, elas são pequenas para meu filho”.

Evolução

Apesar da previsão dos médicos de que Daniel viveria em estado vegetativo de forma irreversível, a mãe relata que a realidade é outra. “Ele é forte e nos surpreende a cada dia. Está conseguindo ficar em pé por alguns segundos e dar uns passos com auxílio de uma pessoa. Já fala alguma coisa e tem lembranças antigas. Daniel só não tem memória a curto prazo, o que acontece de recente ele não guarda”.

O tratamento tem ajudado na evolução de Daniel.

Descoberta

Há poucos dias, durantes exames de rotina, Luzinete descobriu uma leucemia e no momento está fazendo o tratamento de quimioterapia em casa, via oral. “Foi um susto, mas sigo com fé. Farei novos exames para saber se haverá necessidade de um transplante”.

Ajuda

Para quem deseja colaborar com o tratamento de Daniel Stein, a mãe disponibilizou um número de Pix e uma conta bancária ** para transferência de valores. Mas se a pessoa preferir, pode entrar em contato com Luzinete e ver a melhor forma de ajudar. A família também precisa de alimentos e fraldas extra G.

* Crescimento irregular da pele localizado no cóccix que contém pelo e pele. Normalmente, o cisto fica localizado perto do cóccix e pode ser facilmente infectado. Os sintomas de um cisto infectado incluem dor, pele avermelhada ou drenagem de pus ou sangue. O tratamento envolve drenagem e remoção cirúrgica do cisto.

**Banco: Itaú

Agência: 1609

Conta: 34475-7

Luzinete Amélia Stein Martins

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Anabela, Rizk, Monica e Willian (1)

Evento lança chapa de reeleição à subseção da OAB-ES sediada em Guarapari

mapa de risco-77

Confira os municípios classificados em Risco Moderado no 77° Mapa de Risco Covid-19 do ES

Anúncio

Anúncio

vacina_covid-2021-06-28

Guarapari realiza nova ação de vacinação contra Covid-19 sem agendamento para as três doses

Ação acontece neste sábado (16) para grupos específicos

educação

Municípios capixabas receberão R$ 231 mi para investimentos em educação; R$ 436 mil serão para Guarapari

Alfredo Chaves receberá mais de 2 milhões e 800 mil; Anchieta, 5 milhões e 500 mil

Anúncio

pmg_covid-testeantigeno

Guarapari realiza nesse sábado (16) mais uma ação de testagem da Covid-19

Prisão fornecedores

Polícia prende suspeitos de fornecerem maconha e haxixe para traficante de Guarapari

Anúncio