Anúncio

Marinha do Brasil se manifesta sobre a interrupção das obras da Prainha em Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 22 de fevereiro de 2018 às 08:56
Atualizado em 22 de fevereiro de 2018 às 08:58
Anúncio

Após as publicações sobre o embargo das obras de revitalização da Prainha, em Muquiçaba, Guarapari, no dia de ontem (21), a Marinha do Brasil enviou uma nota com as explicações sobre o ocorrido.

As obras foram paradas no dia de ontem sem data definida para retornar.

“A Marinha do Brasil (MB), por meio do Comando do 1º Distrito Naval, informa que tomou conhecimento, no dia 21 de fevereiro, que a Prefeitura de Guarapari iniciou as obras para revitalização da Prainha, no bairro de Muquiçaba incluindo a Praça João Guilherme Greenhalgh, localizada em frente à Divisão Operacional da Capitania dos Portos do Espírito Santo (CPES), em Guarapari. 

A MB esclarece, ainda, que a CPES solicitou à Prefeitura de Guarapari mais informações sobre o projeto para avaliar se os trabalhos trariam impacto às atividades da Organização Militar. Diante disso, a Prefeitura interrompeu a obra até passar mais detalhes do projeto.”

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

loja-davino-matos-frente-extrabom-santo-antonio

Vias do centro de Guarapari serão parcialmente interditadas a partir de amanhã (2)

Interdição acontecerá devido às obras de novo supermercado

carnaval

Sem vacina, Guarapari passará “longe de show e carnaval”, segundo prefeito

Queima de fogos no réveillon está garantida, no entanto

Anúncio
Anúncio
edson-tartaruga-assinatura-bairro-pavimentacao-drenagem

Prefeito de Guarapari autoriza obras em estrada do bairro Tartaruga

Na ocasião, Edson Magalhães também citou os planos futuros para a região

voz-denuncia-barulho-moradora-praia-do-morro-madrugada

Moradora de Guarapari reclama de aglomeração e som alto na orla da Praia do Morro

A confusão aconteceu de madrugada e a aposentada tentou contato com o Disque-Silêncio e com a Polícia Militar, mas não conseguiu

Anúncio
pesca-camarao-proibida-nordeste-oleo-mar-litoral-governo-defeso-730x400

Dezembro inicia defeso de camarão e lagostas no ES

reveillon_guarapari

Municípios capixabas suspendem queima de fogos no réveillon; Guarapari segue sem definição

Vitória e Vila Velha suspenderam a queima de fogos no réveillon nas praias depois da entrevista do subsecretário Estadual de Vigilância em Saúde

Anúncio