Anúncio

Na Bahia, presos dois por roubo em Guarapari; Há outro foragido e indícios de um quarto participante

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 9 de abril de 2019 às 13:23
Atualizado em 9 de abril de 2019 às 13:34
Anúncio

Segundo a Polícia Civil, as ligações ao Disque-Denúncia 181 foram fundamentais para a localização dos indivíduos.

Jhonatan de Souza Chagas (esq) e Douglas Silva dos Santos. Fotos: Divulgação

Jhonatan de Souza Chagas, de 25 anos, e Douglas Silva dos Santos, de 21, suspeitos de participarem de roubos ocorridos na zona rural do município, foram presos na última sexta-feira (05), na Bahia (BA). De acordo com a Delegacia Especializada em Investigações Criminais (Deic) de Guarapari, a prisão contou com o apoio da Delegacia Especializada de Crimes Contra os Transportes de Cargas (DCCTC) e da Delegacia de Itamaraju/BA, e foi resultado de informações passadas através do Disque-Denúncia 181, após divulgação dos nomes e das imagens. Um terceiro suspeito, Deivid de Souza Dias, de 22 anos, também teve a prisão preventiva decretada e está foragido. Todos eles são moradores da mesma rua, no bairro Bela Vista, em Guarapari.

Deivid de Souza Dias, FORAGIDO.

Nessa segunda feira (08), as investigações revelaram a participação de um quarto indivíduo, que não teve a identidade revelada para não atrapalhar o andamento do caso. “Nós acreditamos que ele tenha sido responsável pelas informações necessárias para a prática dos roubos, uma vez que é o único que reside em área rural e, além disso, possui todo um histórico de roubos”, explicou o delegado titular do Deic de Guarapari, Guilherme Eugênio. Dos pertences roubados, apenas um aparelho celular foi localizado.

Dr. Guilherme destacou a importância do Disque-Denúncia. Foto: Carolina Brasil

Os crimes, ocorridos em dezembro de 2018 e fevereiro deste ano, chamaram a atenção pela intensidade e teor da violência utilizada. “As vítimas eram intensamente ameaçadas sob a alegação de que caso algum objeto de valor não relatado voluntariamente fosse entrado, elas seriam mortas, e também que caso a polícia soubesse da ocorrência do crime, eles voltariam para matar as pessoas”, lembrou Dr. Guilherme.  Ao todo foram 13 vítimas, incluindo idosos de 62 e 79 anos, e crianças, a mais nova com quatro anos. Em um dos casos as vítimas foram amarradas, com exceção da criança, e no outro, a todos foi imposto à ordem de ficarem deitados no chão de barriga para baixo.

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Reprodução

Serão proibidas caminhadas na orla das praias de Guarapari durante fins de semana

A medida restritiva será válida, excepcionalmente, nos dias 06, 07, 13 e 14 de junho; Confira outras determinações divulgadas nesta quarta-feira (03)

Da esquerda para a direita: Tenente Coronel Caus, da Polícia Militar; Prefeito de Guarapari, Edson Magalhães; Tenente Coronel Bruno, do Corpo de Bombeiros. Fotos: Folhaonline.es

Apenas comércios essenciais poderão funcionar nos fins de semana em Guarapari

A medida, que tem por objetivo reduzir a taxa de circulação no município, valerá a partir deste sábado (06); Comerciantes que desobedecerem as restrições poderão ter alvará de funcionamento cassado

Anúncio
Anúncio
comercio1-550x309

Guarapari terá nove dias de isolamento total a partir das 19h

A partir do dia 06 até o dia 14 de junho não será permitido permanecer nas ruas após as 19h e os comércios não essenciais devem permanecer fechados nos finais de semana

covid-19-drive-thru-teste-coronavirus-teste-rapidos-titri-foto-Flávio-Tin-_MG_8593-15042020-scaled

Estudo aponta mais de 200 mil capixabas infectados; Guarapari participará da próxima etapa

A partir do levantamento, o ES poderá reconhecer com mais precisão o padrão de comportamento da Covid-19 em solo capixaba

Anúncio
fiscais

Ação da fiscalização da prefeitura de Guarapari provoca reação do setor turístico

Foto: Divulgação

Guarapari: Obras de extensão da Avenida Paris estão em fase final