Anúncio

Pedágio da Rodosol fica mais caro a partir de sábado

Por Glenda Machado

Publicado em 28 de outubro de 2016 às 11:59
Atualizado em 28 de outubro de 2016 às 12:04
Anúncio

pedagio rodosolDepois de 44 dias com tarifa reduzida, o pedágio da Rodosol em Guarapari vai voltar ao valor antigo a partir de 29 de outubro. No dia 16 de setembro, a tarifa havia sido reduzida mediante decisão judicial expedida pela 10ª Vara Cível de Vitória. Mas o Tribunal de Justiça do Estado (TJES) suspendeu a liminar. Com isso, os carros voltam a pagar R$ 8,50 ao invés de R$ 7,70 e as motos, R$ 4,25 e não mais R$ 3,80.

A Rodosol publicou os novos valores hoje seguindo a decisão da desembargadora Eliana Junqueira Munhós Ferreira, da 3ª Câmara Cível do Tribunal de Justiça. Ela alegou a incompetência do juiz da 10ª Vara Cível de Vitória, que acolheu o pedido de redução da tarifa feito pelo Ministério Público Estadual (MPES).

Na decisão consta que “a providência imposta pelo magistrado não poderia ser determinada em caráter liminar em razão de sua irreversibilidade e do risco de lesão grave à economia pública, vez que a administração pública deverá suportar despesas que estavam a cargo da concessionária”.

A 35ª Promotoria de Defesa do Consumidor e da 1ª Promotoria de Justiça Cível de Guarapari pediam que fossem retirados os valores relativos à despesa contratual denominada “conserva especial” e que a tarifa fosse recalculada apenas com o necessário para manutenção da via. A Justiça havia acatado, inclusive com multa de R$ 60 mil por dia em caso de descumprimento.

Mas o TJES explicou na decisão que “conservação especial não se confunde com a conservação de rotina ou permanente, competindo à Agência de Regulação de Serviços Públicos (Arsp) exigir a execução das obras e serviços para recomposição dos parâmetros do pavimento definidos no Programa de Exploração de Rodovias (PER), entidade que também possui competência para aplicar as sanções em caso de descumprimento”.

[box style=”0″]

CONFIRA OS NOVOS VALORESAGORAANTES
Automóvel, caminhonete e furgãoR$ 8,50R$ 7,70
Caminhão leve, ônibus, caminhão-tratorR$ 17,00R$ 15,40
Automóvel com semi-reboque e caminhonete com semi-reboqueR$ 12,75R$ 11,50
Caminhão, caminhão-trator com semi-reboque, caminhão-trator e ônibusR$ 25,50R$ 23,10
Automóvel com reboque e caminhonete com reboqueR$ 17,00R$ 15,40
Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque (4 eixos)R$ 34,00R$ 30,80
Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque (5 eixos)R$ 45,50R$ 38,50
Caminhão com reboque e caminhão-trator com semi-reboque (6 eixos)R$ 51,00R$ 46,20
Motocicleta, motoneta e bicicleta a motor (2 eixos)R$ 4,25R$ 3,80

[/box]

 

Anúncio
Anúncio

Veja também

remedio

Prefeitura de Guarapari formaliza pedido para uso da cloroquina

A cloroquina é distribuída pelo Estado aos municípios após verificação do protocolo, para regulamentação do uso

Foto: Reprodução

Laboratório de Guarapari é notificado pelo Procon por cobrar taxa em exame de Covid-19

Agência Nacional de Saúde (ANS) incluiu o exame de detecção do coronavírus na lista de procedimentos obrigatórios para os beneficiários de planos de saúde

Anúncio
Anúncio
virginia_gotardo

Aniversariante opta por cestas básicas como forma de presente em Guarapari

O que for arrecadado será entregue à algumas instituições de idosos e crianças, em Guarapari.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Bolsonaro testa positivo para o novo coronavírus

Desde a noite da última segunda-feira (06), quando apresentou os primeiros sintomas, o chefe do executivo cancelou a agenda da semana

Anúncio
óbitos covid

Guarapari perto dos 5% de óbitos por Covid-19

Dos 1.117 casos confirmados na cidade, 50 chegaram ao óbito.

Anúncio