Anúncio

TJES apresenta cinco irmãos que aguardam adoção e grupo de Guarapari reforça importância da ação

Para Virgínia Silva, presidente do grupo de apoio à adoção "Gerando com Coração", a campanha "Esperando Por Você", do TJES, revela a realidade das instituições de acolhimento

Por Nicolly Credi-Dio

Publicado em 29 de setembro de 2020 às 08:49
Atualizado em 30 de setembro de 2020 às 09:02
Anúncio
Stephany (16 anos), Bianca (14), Miguel (9), Davi Lucas (4) e João Emanuel (3). Foto: Divulgação / TJES

Recentemente, o Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) divulgou mais um vídeo da campanha de adoção “Esperando Por Você”, onde apresenta o grupo de irmãos Stephany (16 anos), Bianca (14), Miguel (9), Davi Lucas (4) e João Emanuel (3), que esperam por um lar em uma instituição de acolhimento do Estado. “A campanha é importante porque mostra que essa é a realidade, as adoções necessárias”, diz Virgínia Silva, fundadora e presidente do grupo de apoio à adoção “Gerando com Coração”, de Guarapari.

A campanha

A campanha “Esperando Por Você”, do TJES, pretende oferecer um futuro melhor a crianças e adolescentes que aguardam, há anos, por uma família em instituições de acolhimento do Espírito Santo, em especial aquelas que estão fora do perfil geralmente estabelecido para adoção: crianças mais velhas, com condição especial de saúde e grupos de irmãos.

A campanha permite que esses meninos e meninas, que já estão prontos para a adoção, compartilhem qualidades, habilidades, potencialidades e sonhos por meio de vídeo. Foi assim que o grupo de irmãos Stephany (16 anos), Bianca (14), Miguel (9), Davi Lucas (4) e João Emanuel (3) apresentaram-se.

Confira o vídeo:

Importância

Para Virgínia Silva, fundadora e atual presidente do grupo de apoio à adoção “Gerando com Coração”, de Guarapari, a campanha revela a realidade das instituições de acolhimento e incentiva as adoções necessárias. “A campanha é importante porque o perfil mais procurado para adoção é de crianças com menos de 3 anos, brancas e sem deficiência, mas a campanha mostra que essa não é a realidade das instituições de acolhimento. A maior parte das crianças disponíveis para adoção no país são negras, tem mais de 7 anos e muitos possuem irmãos ou são portadores de deficiência”, afirma.

De acordo com dados apresentados pelo TJES, hoje, no Espírito Santo, das cerca de 150 crianças acolhidas prontas para adoção, 86% têm mais de 08 anos de idade, 49% fazem parte de grupos de irmãos e 23,5% possuem alguma necessidade especial. “Essas são as adoções chamadas ‘adoções necessárias’, as de crianças mais velhas, com deficiência ou com grupo de irmãos”, explica Virgínia.

A mãe de Gabriel e Rafaela conta ainda que o desconhecimento dessa realidade é comum. “Eu mesma adotei o Gabriel aos três meses de vida porque era a única que queria um menino negro com uma doença. É importante mostrar que essas crianças existem. Quem sabe os conhecendo, vendo seus rostos, os ouvindo falar, as pessoas não percebam que são os filhos pelos quais esperaram?”.

Virgínia Silva e os filhos Gabriel e Rafaela. Foto: Arquivo Pessoal

Mais informações:

Campanha ‘Esperando Por Você’

http://www.tjes.jus.br/esperandoporvoce/

Grupo de Apoio à Adoção ‘Gerando com Coração

Facebook: https://www.facebook.com/Gerando-com-coracao

Instagram: https://www.instagram.com/gaa_gerando_com_coracao

Contato: (27) 99928-8311

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio
Anúncio

Veja também

valentina

Com apenas 4 anos, menina de Guarapari lança canal no Youtube

Valentina Zanon tem o canal há cerca de três semana e a audiência está crescendo

prf explosivo

PRF apreende artefatos explosivos, pistolas e prende dois homens em Guarapari

No interior veículo foram encontradas bananas de dinamite que seriam utilizadas em tentativa de assalto a carros de transporte de valores e caixas eletrônicos

Anúncio
Anúncio
Edital de Convocação de Ata de Reunião da Assembleia Geral Extraordinária do Recanto dos Idosos Santo Antônio

Edital de Convocação de Ata de Reunião da Assembleia Geral Extraordinária do Recanto dos Idosos Santo Antônio

paulo victor

Jovem cria projeto social que ajuda pessoas carentes em Guarapari

Paulo Victor, de 18 anos, é o idealizador do “Amando e Ajudando”, projeto que realiza ações beneficentes em toda a Grande Vitória

Anúncio
Foto: Reprodução

Covid-19: Guarapari registra mais um óbito e ultrapassa os 3.700 casos

A vítima residia no bairro Lameirão; Com isso, o município totaliza 123 mortes

121740251_182044693423136_8328537616745789090_n

Batalhão da Polícia Militar de Guarapari recebe sargentos recém formados

Devido à pandemia, a solenidade foi restrita aos oficiais e familiares dos formandos

Anúncio