Anúncio

Após 10 dias internado, morador de Guarapari vence a Covid-19

Por Aline Couto

Publicado em 29 de julho de 2020 às 09:28
Atualizado em 30 de julho de 2020 às 09:49

Anúncio

Fotos: Arquivo Pessoal.

Morador de Guarapari há 35 anos, Alsir Monteiro da Costa, natural de São José do Calçado, foi uma das pessoas que contraíram o novo Coronavírus (Covid-19) no município. O gerente de banco aposentado, atualmente consultor no ramo de seguros, passou 10 dias internado e hoje está curado. Além de Alsir, a esposa, Eliane Zanchetta da Costa, e o filho, Bruno Zanchetta da Costa, também foram acometidos pela doença. Mas não necessitaram de internação e estão bem.

“Comecei a sentir sintomas de gripe no início deste mês, dia 07. Fiz consulta online com otorrinolaringologista e fui diagnosticado, através de exame facial, com faringite e sinusite. No dia 13 fui consultado via online pelo pneumologista que de imediato solicitou uma tomografia do tórax. No dia seguinte, 14, fui submetido ao exame. Com o resultado em mãos, o médico solicitou internação imediata pela gravidade da situação”, relatou Alsir.

O consultor foi internado no dia 14 com pneumonia e no hospital foi realizado o exame para a confirmação da Covid-19, o resultado foi positivo. “Apesar de internado, fiquei sempre no quarto e não houve necessidade de ir para UTI ou CTI. Também não precisei ser entubado, tive auxílio apenas de oxigênio para ajudar a respiração”.

Após 10 dias no hospital, ele teve alta na última sexta-feira (24), Alsir faz questão de enfatizar que em nenhum momento nesses dias internado se sentiu desamparado. “Sentia a presença de Deus e a solidariedade de incontáveis pessoas que ficaram durante todo esse tempo rezando, orando e intercedendo por mim. Me agarrei na minha confiança e fé em Deus, minha devoção na Maria Santíssima, mãe de Jesus e na força das orações de todas as pessoas que tomaram conhecimento da minha enfermidade e consequente internação”.

Alsir com a esposa, o filho e os netos.

Agora curado, Alsir aproveitou para fazer um apelo. “Peço que as pessoas continuem se cuidando, que sigam usando máscaras, fazendo a higiene pessoal rigorosa e que não fiquem expostas a aglomerações. Essa doença é perigosa, não é uma gripezinha”.

Ele também fez um alerta. “Cuidado com a alto-medicação, em cada organismo a Covid-19 se manifesta de uma forma. O remédio que me curou é diferente do que foi ministrado a outra pessoa e vice versa. Atendam as autoridades competentes da área da saúde e da ciência e não pessoas leigas que acham que podem indicar remédios milagrosos sem quaisquer comprovações científicas”.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Anchieta-Credito-da-Foto-Andrews-Quinteiro_

Pelo quarto ano consecutivo, Anchieta recebe nota A do Tesouro Nacional

pfizer

Guarapari: ação de vacinação sem agendamento para adolescentes com comorbidades

Anúncio

Anúncio

ameazul-praia

Moradores da Enseada Azul, em Guarapari, realizam ação de limpeza neste sábado (18)

Ação é uma adesão ao Dia Mundial da Limpeza

Comunicado - 17-09-2021

Comunicado – 17/09/2021

Anúncio

pfizer

Vacinação dos adolescentes é mantida no Espírito Santo

O Ministério da Saúde suspendeu a imunização do público de 12 à 17 anos sem comorbidades

afrochaves-estacao-da-cultura-2021-09-16-4

Resistência preta marca abertura do Estação da Cultura em Alfredo Chaves

Anúncio