Anúncio

Após reajuste na tarifa do Transcol, usuários questionam sobre aumento na passagem em Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 19 de janeiro de 2022 às 13:00

Anúncio

transcol cartao gv transporte onibus 1 - Após reajuste na tarifa do Transcol, usuários questionam sobre aumento na passagem em Guarapari
Fotos: reprodução.

Divulgada pelo Governo do Estado do Espírito Santo, a nova tarifa do Sistema Transcol, transporte público que funciona dentro da Região Metropolitana da Grande Vitória, que passou de R$ 4,00 para R$ 4,20, um reajuste de 5%, está sendo cobrada desde o último dia 09. No domingo, quando a tarifa é cobrada com desconto, o valor mudou de R$ 3,50 para R$ 3,65 e o Bike GV sai de R$ 2,00 para R$ 2,10.

De acordo com informações do Governo do Estado, o realinhamento de preços é necessário para cumprir o contrato de concessão do sistema, assinado em 2014, que prevê reajustes anuais no mês de janeiro.

Preocupação

Desde o anuncio do aumento da passagem no sistema Transcol, e diante das dificuldades entre os funcionários e a empresa Expresso Lorenzutti, responsável pelo transporte coletivo em Guarapari, de entrarem em acordo com relação a pagamentos de salários, moradores do município questionam sobre a possibilidade de reajuste no valor das passagens dos ônibus na cidade e de quanto seria esse aumento. Atualmente, o valor da tarifa é de 3,80.

Segundo a Lorenzutti, uma das dificuldades em manter os pagamentos dos funcionários em dia é que a empresa vem passando por dificuldades financeiras tendo em vista que o custo operacional do sistema é superior a receita auferida em decorrência da concorrência com as vans, que realizam o transporte clandestino no município, e a falta de reequilíbrio econômico e financeiro do contrato de concessão.

onibus lorenzutti guarapari 1 - Após reajuste na tarifa do Transcol, usuários questionam sobre aumento na passagem em Guarapari

Respostas

A Prefeitura de Guarapari, a Expresso Lorenzutti e o Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários de Guarapari (Sintrovig) foram procurados para se manifestarem a respeito da possibilidade de acontecer o reajuste na tarifa dos coletivos em Guarapari neste início de ano.

Prefeitura

A Prefeitura de Guarapari, através da Secretaria de Postura e Trânsito (Septran), informou que até a presente data não há decreto municipal de aumento da passagem.

Sintrovig

Segundo um representante do Sindicato, todo início de ano tem o reajuste tarifário como o realizado em Vitória. Mas que até o momento não houve nenhuma reunião do Conselho Municipal de Transportes (Comutran) sobre o assunto.

Lorenzutti

A empresa também informou que ainda não soube a respeito de reunião do Comutran para tratar do reajuste anual da tarifa nos ônibus.

Comutran

O Conselho Municipal de Trânsito é formado por representantes do poder público, dos sindicatos de empresas e trabalhadores, e da sociedade civil organizada. Anualmente, o Conselho é convocado para a votação do reajuste anual da tarifa dos ônibus, conforme previsto na Lei Complementar Nº 002/2006.

Mas vale ressaltar que um possível reajuste, caso aprovado pelo conselho, só é válido após publicação, em Diário Oficial, de Decreto do Prefeito que estabelece a nova tarifa. Tal medida do Executivo leva em consideração a resolução do Comutran, que também passa por publicação.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

WhatsApp Image 2024-03-22 at 11.35.14

Sicoob amplia acesso a bens e serviços através de consórcios

Os consórcios do Sicoob abrangem uma gama diversificada de categorias, incluindo imóveis, veículos, serviços e até mesmo equipamentos

20240422_181007582_iOS

OAB Guarapari e Faculdade Anhanguera reforçam vínculos em encontro institucional

Novo diretor da instituição de ensino foi recebido pela presidente da 4ª Subseção da OAB/ES

Anúncio

Anúncio

4-20240410_192004

Celebração e gratidão: Sabor do Frango completa 15 anos de história em Guarapari

Equipe comemorou a marca com encontro especial

Habitação 5 - Carlos Eugênio Alves

Espírito Santo registra redução nas taxas de pobreza e extrema pobreza

Ainda de acordo com o estudo a taxa de pobreza do ES foi de 22,8%, percentual abaixo da média registrada pelo Brasil (27,5%)

Anúncio

capa_43544_RotadaFerraduraManoellvesDivulgacao3

Último dia para se inscrever na Corrida Rota da Ferradura 12 Milhas; entrega dos kits começa na quarta-feira (24)

A 1ª edição do evento acontece no próximo domingo (28) na Rota da Ferradura (Buenos Aires, Boa Esperança e Jaboti)

os-sao-joao-jaboti-04-2024-001

Prefeitura de Guarapari anuncia obras de drenagem e asfaltamento em São João do Jabuti

Comunidade é vista como região de potencial para o agroturismo

Anúncio