Anúncio

Área de lazer do Supermercado Santo Antônio será leiloada em Guarapari

O dinheiro com a venda do imóvel será para o pagamento dos funcionários desligados da Rede

Por Aline Couto

Publicado em 13 de julho de 2020 às 10:19

Anúncio

Abessa - Área de lazer do Supermercado Santo Antônio será leiloada em Guarapari
Foto: Arquivo/Folha.

O local onde se encontra a ABESSA – Associação Beneficente dos Empregados do Supermercado Santo Antônio, no Parque Areia Preta em Guarapari, será leiloada. O centro recreativo está avaliado em R$ 14 milhões e o lance mínimo a ser dado no leilão é de R$ 7 milhões.

De acordo com informações do site onde está sendo realizado o leilão, a área é de 5.738,35 m², composta pelos lotes nº 01 a 18. Da quadra nº 05, loteamento “Bairro Esplanada”, confronta-se pela frente com a Rua Noberto Vassoler e mede 47,60 m, pelo lado direito confronta-se com a Rus José Barcelos de Mattos e mede 120,20 m, pelo lado esquerdo confronta-se com a Avenida Dr. Pedro Ramos e mede 120,15 m, e pelos fundos confronta-se com a Rua Júlio Fabrio e mede 47,90 m perfazendo a área total de 5.738,35 m². Está averbada na matrícula uma edificação comercial (clube) com um pavimento, com área de construção de 240,87 m². Imóvel matriculado no CGRI, 2º ofício, livro 2, sob número 60228.

O centro recreativo ABESSA está avaliado em R$ 14 milhões e o lance mínimo a ser dado no leilão é de R$ 7 milhões. E o incremento de R$ 5 milhões.

A Rede Santo Antônio foi procurada. Segundo o que foi apurado, como forma de honrar o pagamento dos funcionários desligados da empresa o proprietário, Jorge Zouain, indicou o imóvel da ABESSA para uma venda direta.

Em tempo

Depois da retomada judicial da Rede Santo Antônio pelos antigos proprietários/fundadores, após venda para a DX Group, duas unidades foram fechadas. Uma no bairro Aeroporto, em Guarapari, no final de 2019, e outra no início do ano, a única loja no município vizinho de Anchieta. Na ocasião, cerca de 80 trabalhadores foram demitidos.

Recentemente, mais três filiais da rede, em Guarapari, foram fechadas. As lojas um, localizada na Rua Davino Mattos, Centro; dois, na Rua Getúlio Vargas, também no Centro; e a três, no bairro Muquiçaba. E mais de 100 funcionários forma demitidos.

Com mais de meio século de atuação em Guarapari, em princípio, a rede continua com duas lojas abertas na cidade.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Crescer Com Viver1

ONG Crescer com Viver prepara mais uma edição do ‘Sertanejo Solidário’ em maio

Noite será de muita diversão, comida gostosa e solidariedade

20240418_162847

Espírito Santo vai receber primeira Usina de Biometano para uso industrial e residencial

Assinatura da parceria aconteceu na quinta (18), no Palácio Anchieta

Anúncio

Anúncio

Pastor Raphael

Coluna Palavra de Fé: Parte do remanescente

“Assim, pois, também agora, no tempo de hoje, sobrevive um remanescente segundo a eleição da graça.” Romanos 11:5

motor-home

Coluna Dom Antônio: Guarapari na contramão do turismo de bom nível tem lei proibindo motor homes

Anúncio

01.FOTO-DO-TEMA.jpeg

Coluna Entenda Direito – Seletividade penal e encarceramento: ‘Cadeia guarda o que o sistema não quis’

iriri_letreiro

Com arte e gastronomia, Iriri Paixão Capixaba segue até amanhã (21) em Anchieta

Programação começa sempre às 17h com shows e outras apresentações artísticas

Anúncio