Anúncio

Atividades complementares: Morador de Guarapari reclama da falta de acesso dos alunos para seguir estudando em casa

Por Aline Couto

Publicado em 24 de abril de 2020 às 16:57
Atualizado em 24 de abril de 2020 às 16:57
Anúncio

Foto: Reprodução.

Um morador do bairro Jabaraí, em Guarapari, Nilton Pikira gravou um vídeo nesta manhã (24) reclamando da forma como está sendo disponibilizada as atividades complementares para os alunos da Rede Municipal de Ensino de Guarapari.

Com a suspensão das aulas na rede municipal, no dia 23 de março, devido ao isolamento social em decorrência da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), a Secretaria Municipal da Educação (Semed) começou a disponibilizar semanalmente atividades complementares para todas as disciplinas e anos escolares através de um link.

Segundo Nilton, muitos alunos não tem acesso a computador e internet e nem condições financeiras de imprimir as atividades para seguir com os estudos. “Tem Lan House cobrando R$ 1 por folha de impressão. As crianças aqui da comunidade estão ficando sem aulas e atividades. Porque a prefeitura não disponibiliza as cartilhas já impressas e as famílias buscam nas escolas? Fica mais justo e as crianças não saem prejudicadas”.

Diante do fato, enviamos questionamentos a Prefeitura de Guarapari:

Como fica a situação desses alunos? Não ficam prejudicados? Vão continuar sem a rotina diária dos estudos? As escolas não podem disponibilizar o contudo impresso para ser buscado no local?

O órgão respondeu através de nota:

“A Secretaria Municipal da Educação esclarece que, inicialmente, foram disponibilizadas as atividades de forma on-line para garantir o distanciamento social recomendado pela Organização Mundial da Saúde.

Essas atividades on-line não são obrigatórias, são complementares e podem ser realizadas no caderno do aluno, não havendo necessidade de impressão. No entanto, considerando que muitos alunos não têm acesso aos meios digitais, as escolas já iniciaram a oferta das atividades no formato impresso. Essa impressão ocorre à medida em que as famílias procuram a escola, não havendo, assim, prejuízo para os alunos.

Informamos que, para esse atendimento, todas as escolas municipais estão mantendo atendimento às quartas-feiras, das 8h às 15h”.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

Foto: Reprodução

Covid-19: Mais 49 pacientes infectados em Guarapari

Ao todo, o município registra 3.281 casos da doença; Destes, 2.945 estão curados

arvore1

Dia da árvore: Guarapari e Anchieta promovem ação conjunta de plantio de espécies nativas

Essa ação é fruto de uma parceria entre a Secretaria de Meio Ambiente e Agricultura, de Guarapari, e Secretaria de Meio Ambiente, de Anchieta

Anúncio
Anúncio
Imagem 04 (1)

PM apreende armas, munição e drogas durante fim de semana em Guarapari

Uma das apreensões ocorreu no bairro Bela Vista, nas proximidades de um baile funk denominado “Baile da Baixada”

escola

Ideb: Escola de Alfredo Chaves alcança segundo melhor índice do Espírito Santo

Para o diretor da EEEFM Camila Motta, o bom desempenho da instituição se deve ao trabalho alinhado entre administração pública, gestão, educadores e famílias

Anúncio
desaparecido3

Família busca por jovem desaparecido em Guarapari

Guilherme foi visto pela última vez na quarta (16) no bairro Aeroporto

Covid

Guarapari: vira lata salva avó e neto de ataque de pitbull

Chamado de Covid, por aparecer no bairro durante a pandemia, o cachorro ficou muito machucado e ficará com sequelas; avó e neto saíram ilesos

Anúncio