Anúncio

Audiência apresenta reclamações de moradores da região norte de Guarapari sobre o Centro Pop

Moradores apontam aumento da insegurança após instalação do Centro de Referência da População de Rua na região

Por Gislan Vitalino

Publicado em 20 de maio de 2022 às 13:00

Anúncio

Audiência apresenta reclamações de moradores da região norte de Guarapari sobre o Centro Pop
Audiência ouviu moradores e representantes do poder executivo. Fotos: Folhaonline.es.

Na noite desta quarta-feira (18) a Câmara de Vereadores de Guarapari realizou uma Audiência Pública que debateu o impacto da instalação do Centro de Referência Especializado para População em Situação de Rua (Centro Pop) na região norte do município. A atividade foi convocada pela Comissão de Serviços, Obras Públicas e Fiscalização da Câmara, para ouvir as demandas dos moradores e os posicionamentos de representantes do espaço e do poder executivo municipal.

O presidente da comissão, vereador Denizart Zazá (Podemos), explicou que a ida do espaço para a região causou alguns transtornos para a região. “Nós não estamos conseguindo dar uma resposta concreta. A secretaria não consegue, prefeito não consegue e o Ministério Público também não. Antes dessa mudança acontecer, deveria ter ocorrido um diálogo, mas não houve nada disso”, explicou Zazá.

A vereadora Kamilla Rocha (Dem), também responsável pela convocação da audiência, afirma que uma das soluções propostas é a retirada do Centro Pop da região ou a ampliação do amparo para a presença do equipamento público no local. “A princípio, o Ministério Público sugeriu que o Centro Pop fosse instalado perto do local que essa população estivesse, uma outra região. A Prefeitura tinha um imóvel lá na região norte em que seria feito uma creche e aí eles transferiram a obra da creche para outro local e colocaram o Centro Pop. Ainda que o serviço fique lá, nós precisamos que seja dado um suporte”, explicou a vereadora.

“Nosso bairro é o segundo bairro mais antigo de Guarapari e agora virou um deserto. Os comerciantes estão apavorados, são negócios fechando, ninguém consegue pagar aluguel porque não há clientes e turistas indo para lá por conta do risco de assalto”, pontuou Roberto, o morador de Perocão e representante da associação do bairro, conhecido como Betão.

A titular da Secretaria Municipal de Trabalho, Assistência e Cidadania (Setac), Breila Mardegan, apresentou o trabalho realizado pela pasta e pelo Centro Pop. “A política pública de assistência a pessoa em situação de rua é uma política protetiva, que tem que garantir direitos. Ali nós garantimos o direito a um Centro de Referência, alimentação diária, assistência social e psicológica. Não é um trabalho simples, mas complexo, principalmente porque boa parte da população em situação de rua de Guarapari tem um envolvimento com a dependência química, o que torna a intervenção mais difícil. O que fazemos diariamente é ajudar as pessoas a superarem a situação de rua, mas antes disso, é preciso superar a dependência química”, explicou a secretária.

Audiência apresenta reclamações de moradores da região norte de Guarapari sobre o Centro Pop
“É um trabalho complexo, mas que é executado”, afirmou a secretária Breila Mardegan.

Nas considerações finais, o presidente da comissão, vereador Denizart Zazá (Podemos), frisou que o espaço é resultado das cobranças da sociedade e que cumpriu o papel de alertar ao poder executivo dos problemas enfrentados pela população local após a implantação do equipamento na região. “O que esperamos é dar as respostas da sociedade. Foi alertado que esses impactos são muitos e estão ocorrendo sim”, frisou Zazá ao encerrar a atividade.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

casa-lar-alfredo-chaves

Casa Lar de Alfredo Chaves inicia ação entre amigos para arrecadar recursos

WhatsApp-Image-2022-04-29-at-17.52.45-2

Estado Presente: Centro das Juventudes de Guarapari oferta três oficinas gratuitas

Anúncio

Anúncio

coluna-antonio-25nov

Coluna Dom Antônio: Novidades de Vila Velha podem render um fim de semana com passeio especial

editais-de-cultura-2022

Governo do ES lança Editais da Cultura 2022 com maior investimento de sua história

Anúncio

Paciente cm cancer

Artigo: Conheça os direitos da pessoa com câncer

somos-do-mar

‘Mar de Soluções’: espetáculo sobre poluição no mar chega a Guarapari

Anúncio