Anúncio

Câmara de Guarapari 2021/2024: Rodrigo Borges

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 23 de dezembro de 2020 às 17:00
Atualizado em 24 de dezembro de 2020 às 16:13

Anúncio

Foto: arquivo pessoal.

O folhaonline.es iniciou uma série de entrevistas com os vereadores recentemente eleitos para atuarem na Câmara de Guarapari – 2021/2024. Hoje (23), o entrevistado é Rodrigo Borges (Republicanos). Amanhã (24), será a vez de Dudu Corretor (Cidadania).

A trajetória de Rodrigo Borges, 41 anos, com a política começa desde os 16 anos de idade, quando atuou no movimento estudantil, construindo a setorial de juventude do PMDB. Anteriormente, foi candidato a vereador por duas vezes, chegando a perder a eleição por apenas um voto, até conseguir ser eleito em 2020, para seu primeiro cargo eletivo. 

A influência da família nessa aproximação da vida pública também é clara. A família Borges carrega uma história de tradição na política guarapariense e capixaba: Rodrigo é filho de Huguinho Borges (que foi vereador e presidente da Câmara de Vitória), neto de Hugo Borges (deputado por cinco vezes, chegou a ser Governador, e foi prefeito de Guarapari) e sobrinho de Paulo Borges (que foi deputado e também prefeito de Guarapari). 

Rodrigo acredita que como vereador, deve se fazer presente no cotidiano da população para representar de fato as demandas dela. “O vereador precisa ser acessível. O legislativo é o elo entre o cidadão e o poder público. Só estando presente nos bairros e nas comunidades a gente pode garantir que vai reivindicar o que realmente reflete a necessidade do cidadão”, explica.  

O vereador eleito também destaca que é preciso estar atento às mudanças do cotidiano que impactam nas demandas da população. “Tudo é muito dinâmico, os anseios mudam. O que estamos pensando para o verão de 2021, por exemplo, é diferente do que pensamos para o ano passado e do que vamos precisar pensar para o verão seguinte. A gente nunca sabe o que vai acontecer. Estar acessível para a população é que vai garantir que a realidade das pessoas seja representada. E são os vereadores que precisam estar atentos a isso para direcionar os investimentos do poder executivo”. 

*Texto: Gislan Vitalino.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

casagrande_governador_mapa_de_risco-2021-05-07

54° Mapa de Risco: Governo do Estado divulga novo Mapa e anuncia volta às aulas no Espírito Santo

As cidades de Guarapari e Anchieta seguem classificadas como de Risco Alto; Alfredo Chaves retorna a Risco Moderado

ocupação leitos

Quase dois meses depois, ES volta a ter menos de 80% de leitos de UTI contra Covid-19 ocupados

Índice representa um alívio na pressão sofrida pelos hospitais do estado, já que, durante pouco mais de um mês, entre março e abril, a taxa ficou acima de 90%

Anúncio

Anúncio

atendimento-computador-mulher-secretaria

Guarapari abre seleção para psicólogo e assistente social

coronavac-vacina_covid

Casagrande anuncia a chegada de 20 mil novas doses da Coronavac no ES

Anúncio

setur01-2

Equipe da Secretaria de Turismo do Estado visita atrativos turísticos de Anchieta

prainha_obra_edificacao_construcao

Câmara aprova Projeto de Lei que viabiliza regularização de edificações em Guarapari

Por meio do Programa de Regularização de Edificações (PRE), moradores poderão tirar o ‘Habite-se’ e regularizar suas edificações

Anúncio