Anúncio

Câmara oficializa número de vereadores de 15 para 17

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 22 de dezembro de 2014 às 00:00

Anúncio

Agora é oficial. Em 2016, na próxima eleição para vereador serão disputadas 17 vagas na Câmara de Guarapari. O projeto que oficializa a alteração de 15 para 17 parlamentares foi aprovado na manhã de hoje, por unanimidade, em sessão extraordinária.

Na última eleição, em 2012, foram eleitos 15 parlamentares. Mas mediante ação judicial, mais dois vereadores conseguiram direito às vagas na Casa de Leis. Jair Gotardo e Sérgio Ramos Machado assumiram posse em outubro de 2013.

Na época, o Tribunal de Justiça do Espírito Santo (TJES) derrubou a emenda à Lei Orgânica Municipal de 2012, que reduzia de 17 para 15 vereadores na Câmara de Guarapari. A emenda foi considerada inconstitucional por ter sido aprovada fora do prazo.

De acordo com a legislação eleitoral, alterações na lei orgânica devem ser aprovadas com pelo menos um ano antes da eleição e a emenda foi aprovada em maio de 2012, sendo que a eleição é realizada em outubro.

Veja como é na Grande Vitória

A quantidade de vereadores é definida de acordo com o número de habitantes:

Município

Nº de vereadores

Nº de habitantes

Quantidade permitida

Guarapari

17

116.278

de 80 mil a 120 mil habitantes = até 17

Vitória

15

348.268

de 300 a 450 mil habitantes = até 23

Vila Velha

17

458.489

de 450 a 600 mil habitantes = até 25

Serra

23

467.318

de 450 a 600 mil habitantes = até 25

Cariacica

19

375.974

de 300 a 450 mil habitantes = até 23

 

Mudanças também no recesso parlamentar

O recesso parlamentar também foi alvo de mudanças. Em sessão na quinta-feira passada, um projeto de resolução, de autoria da vereadora Paulina Aleixo Pinna, retirou 15 dias de recesso de dezembro e passou para o mês de fevereiro. Antes, os vereadores saiam de recesso no dia 15 de dezembro e só voltavam no dia 1º de fevereiro. Com a alteração, no próximo ano, eles vão paralisar as sessões no dia 28 de dezembro e retornarão no dia 16 de fevereiro.

O recesso no meio do ano não sofreu mudança, continua sendo do dia 16 a 31 de julho. O tempo continua sendo o mesmo: 60 dias. “Achamos melhor, porque em dezembro, há muito trabalho. É quando votamos orçamento. Então, nunca conseguimos parar antes do dia 15”, disse a vereadora Paulina. Lembrando, que no período do recesso, tanto o presidente da Câmara quanto o prefeito podem solicitar sessão extraordinária, sem remuneração.  

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

falta-de-agua-e-um-problema-politico-2-1024x683-1024x585

Governo do Estado declara Estado de Atenção para situação hídrica no ES

Medida foi tomada devido à falta de chuvas e estiagem nos últimos meses

Joao-Hadad-em-A-Grande-Conquista-2

Guarapariense João Hadad disputa final de reality show da Record

Final acontece nesta quinta (18)

Anúncio

Anúncio

casa-sinestescia-2024

Casa Sinestésica oferece Oficina de Desenho gratuita nesta quarta (17) em Guarapari

Com o tema Autorretrato, atividade tem vagas limitadas

IMG_9800-1

Terra dos Dinos: Guarapari deve ganhar filial do ‘Jurassic Park brasileiro’ em 2025

Parque temático, no RJ, possui diversas atrações e 40 modelos de dinossauros em tamanho real

Anúncio

20240701_160006

Fios acumulados e pendurados em postes preocupam moradores de Guarapari

Moradores flagraram casos em duas avenidas movimentadas da Praia do Morro

lei-seca_forca-pela-vida-7-1

Blitz Lei Seca flagra 131 motoristas alcoolizados em todo Estado no fim de semana

Ação faz parte do programa “Força pela Vida”, integrando diversos órgãos

Anúncio