Anúncio

Cinco mil profissionais de saúde recebem treinamento para os Jogos Olímpicos

Por Hamilton Garcia

Publicado em 27 de julho de 2016 às 12:01
Atualizado em 28 de julho de 2016 às 11:11

Anúncio

estácio treinamento rio 2016Responsável pelo treinamento dos profissionais de saúde que atuarão nos Jogos Olímpicos Rio 2016, a instituição de ensino Estácio está realizando a capacitação de 5 mil profissionais da área. Ao todo, são 1.200 médicos, mil enfermeiros, 400 fisioterapeutas e dentistas, além de 2.400 socorristas, que prestarão os primeiros socorros e cuidados avançados aos atletas, comissões técnicas e espectadores durante o maior evento esportivo do mundo.

Os treinamentos estão ocorrendo desde o início deste ano no Rio de Janeiro. Cerca de quinze professores da instituição estão envolvidos na capacitação. O conteúdo foi idealizado pela Estácio e está dividido em quatro módulos práticos, que variam de 4 a 16 horas de duração cada.

Há simulações de reanimação cardiopulmonar, uso de desfibrilador externo automático, intubação, imobilização e transporte com prancha rígida, reconhecimento dos principais agravos críticos como infarto, acidente vascular cerebral, feridas, hemorragias, crises convulsivas entre outros. Nos módulos mais avançados, os voluntários vivenciam cenários realísticos no simulador (robô) e pacientes simulados (atores).

“Os principais objetivos do treinamento são dar suporte à vida e garantir o correto atendimento para que riscos maiores sejam evitados. Desenvolvemos um conteúdo com alto grau de customização para o Comitê Rio 2016 e tivemos a preocupação de criar uma dinâmica motivadora para atrair e manter a atenção desse grupo de voluntários”, conta o Dr. Silvio Pessanha Neto, coordenador da Estácio para o treinamento de profissionais de saúde dos Jogos Rio 2016.

estácio treinamento rio 2016 2O nível de complexidade desse treinamento é inédito em eventos de grande porte. Pela primeira vez os voluntários da área de saúde estão tendo acesso a laboratórios com tecnologia de última geração em simulação médica, sendo submetidos a treinamentos com simuladores, que reproduzem com alta fidelidade as condições de pacientes reais. Por meio da metodologia desenvolvida pela Estácio, os voluntários podem praticar repetidas vezes os mais recentes protocolos de urgência e emergência, para que possam atuar nos Jogos Olímpicos com mais segurança e qualificação técnica.

Os voluntários serão divididos, de acordo com a sua formação e experiência, no field of play (área de jogo), nos postos médicos de espectadores, postos médicos de atletas, na Policlínica Olímpica, na Vila Olímpica, nas arquibancadas, prestando atendimento a atletas, delegações, família olímpica, espectadores e força de trabalho voluntária.

Com informações da Estácio.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Foto: Reprodução

Samarco ajuíza Recuperação Judicial para manter suas atividades de produção

Objetivo é equacionar endividamento financeiro para garantir proteção para ativos e postos de trabalho após retomada da produção em dezembro de 2020

Como-Montar-Uma-Clinica-Medica

Câmara de Guarapari aprova contratação de médicos e pagamento de auxílio aos profissionais de Saúde

Ambos projetos foram aprovados em unanimidade pelos vereadores presentes e seguem para sanção do Prefeito

Anúncio

Anúncio

policia_civil-delegacia-GRI

Polícia Civil prende em Guarapari suspeitos de roubo a postos de gasolina

O crime teria ocorrido no dia 7 de dezembro de 2021

kettle-bell-592905_640

TJES concede liminar para suspensão de Lei que considera atividades físicas como essenciais em Guarapari

Liminar visa suspender Lei Municipal nº4435/2021, que estabelece atividades ligadas à educação física como essenciais

Anúncio

50º-MAPA-DE-RISCO---12.04-a-18.04

Mapa de Risco: 42 cidades em Risco Extremo, incluindo Guarapari e Anchieta

Apenas dois municípios (Conceição da Barra e Ibitirama) estão classificados como de risco moderado

vacina 65 69 2

Agendamento para vacinar idosos de 60 a 64 anos contra Covid-19 abre segunda-feira (12) em Guarapari

Anúncio