Anúncio

Quinzenalmente, Dra Aline Rodrigues escreve para o folhaonline.es passando informações e esclarecendo dúvidas sobre cuidados com as crianças.

Coluna Papo de Pediatra: acidentes domésticos aumentam 25% durante férias escolares

Saiba como preveni-los

Por Aline Rodrigues

Publicado em 30 de novembro de 2023 às 14:04
Atualizado em 30 de novembro de 2023 às 14:04

Anúncio

270320191937300000000
Foto: reprodução.

De acordo com dados da Sociedade Brasileira de Pediatria, os acidentes domésticos aumentam cerca de 25% durante as férias escolares, incluindo casos que envolvem mortes. Queimaduras, quedas e afogamentos estão entre os acidentes mais frequentes.

Por isso, vamos focar em medidas de proteção para esses tipos de acidentes:

Prevenção de queimadoras – a cozinha é o local mais perigoso da casa, dificulte o acesso da criança a esse ambiente. Nunca cozinhe ou mexa com líquidos quentes com bebê no colo. Ao cozinhar prefira usar as bocas de traz do fogão por serem mais difíceis de serem alcançadas e deixe os cabos das panelas virados para dentro. Mantenha utensílios como isqueiros e fósforos em locais altos e trancados.

Prevenção de quedas – instale redes ou grades de proteção em janelas e varandas. Não deixe móveis embaixo ou próximos as janelas, para evitar que a criança tente escalar. Nunca deixe bebês sozinhos em lugares altos como camas, trocadores e sofás.

Prevenção de afogamentos – evite deixar baldes e bacias com água, ou mantenha fora do alcance das crianças, pois poucos centímetros de água podem causar afogamento em questão de minutos. Nunca deixe crianças sozinhas em banheiras e piscinas, por mais baixo que seja o nível da água, um adulto deve estar sempre junto supervisionando de forma atenta. Se tiver piscina em casa, instale cerca de proteção no entorno. Não confie completamente em boias, a presença de um responsável junto é imprescindível para a supervisão.

Aline Rodrigues de Souza, 33 anos, é médica emergencista e intensivista pediátrica. Trabalha como coordenadora da Unidade de Terapia Intensiva Neonatal - UTIN pediátrica e neonatal - do Hospital Materno Infantil Francisco de Assis – HIFA, e atende em consultório próprio.

Mais de Aline Rodrigues

1024

Coluna Papo de Pediatra: filhos na escola – como minimizar infecções

pneumonia-em-criancas-o-que-e-e-como-identificar

Coluna Papo de Pediatra: Filho doente?  Não leve para escola

img_b7v0cwwbvp

Coluna Papo de Pediatra: crianças seguras nas praias

um-menino-perto-do-mar-examina-uma-crianca-de-agua-viva-descansando-na-praia_186673-6401

Coluna Papo de Pediatra: acidentes com águas-vivas no verão

As informações e/ou opiniões contidas neste artigo são de cunho pessoal e de responsabilidade do autor; além disso, não refletem, necessariamente, os posicionamentos do folhaonline.es

Anúncio

Anúncio

Veja também

SpeedFestival_02

Speed Festival: Guarapari recebe 3ª edição do evento automobilístico

Além das corridas, o evento contará com atividades para fãs de automobilismo

policia-civil_pc_viatura

DHPP Guarapari prende irmão de um dos traficantes mais procurados do Estado

O indivíduo, que foi detido em Anchieta, atuava como gerente do tráfico e é irmão de Willian Zanoli, vulgo “Terceirão”

Anúncio

Anúncio

WhatsApp Image 2024-02-27 at 09.39.591

Aluno da APAE Guarapari conquista 3º lugar em Olimpíada de Matemática

Com o diagnóstico de autismo, Adrian é assistido pela APAE Guarapari e estuda no EMEIEF Zilnete Pereira Guimarães

Janelas - Foto Telma Amaral

Grupo de teatro de Anchieta leva espetáculo ‘Janelas’ para outros municípios capixabas

Peça foi contemplada no edital de Artes Cênicas da Secretaria de Estado da Cultura

Anúncio

20240226110635_IMG_2837

Guarapari é destaque no Plano de Expansão da ES Gás, que investirá R$ 100 milhões no Estado

O município será o 14º a receber gás natural no ES. Outras cidades contempladas serão Linhares, São Mateus e a Região Metropolitana da Grande Vitória

Navios de Cruzeiros. Foto Fernando Frazão -Agência Brasil

Governo do Estado quer cruzeiros marítimos de volta ao ES; Guarapari pode estar na rota

Estudos realizados na USP apontam parecer positivo para retomada de roteiro turístico no litoral capixaba

Anúncio