Anúncio

Com tumor cerebral, morador de Guarapari precisa de ajuda para seguir com o tratamento

Breno Castro é de Guarapari e precisa de auxílio para pagar a condução até Vitória, onde todo tratamento é realizado

Por Aline Couto

Publicado em 4 de agosto de 2021 às 11:15
Atualizado em 5 de agosto de 2021 às 10:19

Anúncio

Fotos: arquivo pessoal.

No final do ano passado, Breno Castro de Moura descobriu que estava com um tumor raro e maligno no cérebro. O guarapariense, de 32 anos, foi diagnosticado com um *tumor pineal.

Em fevereiro de 2020 eu perdi minha audição de um dia para outro, sem que nada tivesse acontecido. Depois de meses sendo investigado pelo otorrino, até o mês de outubro os inúmeros exames que fiz sempre apontavam para a audição perfeita, sendo que eu não estava escutando praticamente nada, em torno de 10%, o médico me encaminhou para um neurologista”, contou Breno.

Doença

Em dezembro do mesmo ano, após uma ressonância, veio o diagnóstico de nódulo ou tumor. “Naquele momento, além da falta de audição, já estava com a vista bastante cansada”, disse Breno que após o resultado do exame precisou passar por duas cirurgias no cérebro em fevereiro deste ano.

Havia sido detectado um acúmulo de líquido no cérebro dele, hidrocefalia, e foi necessária a intervenção. Mais tarde foi a vez de fazer a biópsia para a confirmação do diagnóstico pela oncologista, um tumor raro e maligno na glândula pineal, mas que é tratável.

Com o diagnóstico confirmado, o tratamento foi iniciado em março com 20 sessões de quimioterapia. A cada 15 dias, Breno fazia uma sessão por dia durante toda a semana. “Eram cinco horas por dia de medicamentos bem agressivos, mas consegui passar por essa etapa, que finalizou no mês passado, a ainda recuperei minha audição”, comemorou.

Na próxima terça-feira (10), uma nova etapa se inicia no tratamento dele. “Vou começar as sessões de radioterapia. Serão 25 sessões e precisarei ir de segunda-feira a sexta-feira para Vitória durante cinco semanas”, explicou.

Ajuda

Com essa nova fase do tratamento, Breno, já debilitado por conta da quimioterapia e diante da atual pandemia da Covid-19, não poderá usar o transporte público como condução por conta da imunidade baixa e a constante aglomeração nos ônibus.

Por conta disto, amigos estão fazendo a divulgação de um banner com o número do Pix de Breno para quem puder e quiser ajudar. Pode ser qualquer valor.

Soube da necessidade financeira dele para os custos durante a radioterapia e decidi ajudar. Foi conseguido um motorista de Uber que fará R$ 100 por dia, para levar a Vitória, aguardar e retornar com ele para Guarapari, durante as cinco semanas de tratamento. Apesar do valor ser muito bom, ainda não temos o suficiente para cobrir todos os dias. Precisamos da ampliação desse ciclo de ajuda. Ele é uma excelente pessoa e está lidando com a situação de uma forma incrível. Sempre de bem com a vida, alegre e confiante”, relatou Adriana Bechepeche que descobriu sobre o pedido de ajuda nas redes sociais e, por uma coincidência, a filha já conhecia Breno.

Batalha

Confiante na resposta do tratamento, Breno se diz feliz apesar do diagnóstico, tem fé que vai ficar tudo bem após as sessões e não se acha um guerreiro, mas sim um batalhador.

Mesmo com câncer coisas boas aconteceram comigo! Conheci pessoas e histórias maravilhosas que me proporcionaram muitos ensinamentos. Não me sinto um guerreiro por estar lutando contra a doença, mas um batalhador. Guerreiro é quem enfrenta o câncer sem nenhum apoio e ajuda. Eu, graças a Deus, conto com muitos me apoiando e ajudando. Acho que tudo nessa vida tem um propósito de Deus e ninguém sabe o dia de amanhã. Acredito que o meu seja passar alegria para as pessoas. Sou muito grato por ele ter me feito desta forma e o que peço a todos é muito oração”.

Após as sessões de radioterapia, será necessário que Breno aguarde alguns meses para que possa ser reavaliado para saber os próximos passos a serem dados no tratamento.

*Tumor da Glândula Pineal é uma formação rara que acontece na glândula pineal, responsável pela produção de melatonina, localizada no meio do cérebro na porção traseira de cima da orelha. Pode causar hidrocefalia, uma quantidade excessiva de LCR (líquido cefalorraquidiano) dentro das cavidades do cérebro, conhecidas como ventrículos.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

vacinacao-2021-09-16-1

Desencontro de informações causa aglomeração em vacinação de adolescentes de Guarapari

Ação de vacinação contra a Covid-19 aconteceu no Complexo Esportivo Maurice Santos, em Muquiçaba

IMG-3566

Economia e PIB capixaba apontam crescimento; Casagrande aposta em novos investimentos no Estado

“São fatos que dão ao Estado a capacidade de continuar atraindo investimentos e ter recursos para fazer outros importantes”, disse o governador

Anúncio

Anúncio

Sempre-tem-supermercado-foto-Antônio Ribeiro

Atacado oferta vagas de emprego em Guarapari

Além das ofertas de vagas em Guarapari, grupo também aceita currículos de moradores do município para vagas na Grande Vitória

exposicao-de-quadros-pmg-2021-09-16-1

Guarapari 130 anos: exposição de quadros ressalta belezas naturais do município

Evento integra celebração dos 130 anos da Emancipação Política do município

Anúncio

IMG_20210910_164037

Liquida Guará: semana de descontos de Guarapari tem apoio do Sicoob Sul Litorâneo

Jovens-1536x1025

Guarapari inicia a 1° Semana das Juventudes

Anúncio