Anúncio

CPI leva para clínica animais de mulher suspeita de espancar cachorro em Guarapari

Mulher negou agressões registradas em vídeo que circulou nas redes sociais, mas CPI vai seguir investigando o caso

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 12 de abril de 2022 às 17:45

Anúncio

Mulher agredindo espancando cachorro em Guarapari violência vídeo
Equipe realizou resgate na manhã desta terça-feira (12). Fotos: divulgação.

Na manhã desta terça-feira (12), uma equipe especializada realizou uma diligência na residência de uma mulher denunciada nas redes sociais por maus-tratos a cachorros em Guarapari. A equipe enviada ao local contou com a participação da presidência da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Maus-Tratos Contra os Animais da Assembleia Legislativa do Espírito Santo (Ales), policiais civis da 5ª Delegacia Regional em Guarapari e profissionais do Centro de Zoonoses do município.

Em vídeos que circularam nas redes sociais na última semana, a mulher aparecia agredindo um cachorro de pequeno porte com tapas, enquanto o animal chorava. Na ocasião, a CPI informou que já havia identificado a pessoa que aparece nas imagens, alvo de denúncia.

Na casa da denunciada, localizada em condomínio na Praia do Morro, a CPI encontrou dois cachorros da raça Spitz Alemão. A tutora autorizou a entrada das equipes na residência. Um dos animais estava com alopecia (perda do pelo). A tutora apresentou as carteiras de vacinação em dia mas não comprovou ter feito nenhum tratamento para a doença.

Mulher agredindo espancando cachorro em Guarapari violência vídeo
Um dos animais estava com alopécia, doença que causa a queda dos pelos.

“A aposentada, desmentiu as acusações de espancamento mas a CPI decidiu encaminhar compulsoriamente os animais a uma clínica veterinária para avaliação e tratamento enquanto se desdobram as investigações”, declarou a presidente da CPI, deputada estadual Janete de Sá (PSB).

A parlamentar ressaltou ainda que o caso teve grande repercussão nas redes sociais e a CPI vai continuar apurando a veracidade dos fatos. “É muito importante que a população fique atenta e denuncie casos de maus-tratos para que os agressores não fiquem impunes. O primeiro passo é fazer um boletim de ocorrência na Polícia Civil e encaminhar o documento, além de, se possível, fotos e vídeos para o e-mail da CPI: [email protected]”.

Após os cuidados em clínica veterinária, a mulher em questão retomou a tutoria dos animais, já que não houve flagrante de crime na ocasião. A acusada segue sob investigação da CPI.

O crime de maus-tratos contra cães e gatos, prevê pena de prisão de dois a cinco anos, multa e proibição da guarda do animal, conforme dispõe a Lei 14.064/2020.

*Com informações de Assessoria – Deputada Estadual Janete de Sá.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

WhatsApp-Image-2024-05-21-at-16.23.48

Supermercado Perim divulga detalhes da primeira loja em Guarapari

Empreendimento ocupa 2 mil metros quadrados

processo_seletivo-2021-04-01

Com vagas em Guarapari, empresa abre processo seletivo para contratação de assistente administrativo

Oportunidades são para prestação de serviços terceirizados no Estado do Espírito Santo

Anúncio

Anúncio

HQF_3440

Governo do ES envia militares para auxiliar na proteção de abrigos no Rio Grande do Sul

Os militares da devem chegar ao Sul e se apresentarem para iniciar os trabalhos na quarta-feira (22)

abuso-infantil

Prefeitura de Guarapari realiza 3º Encontro para Prevenção do Abuso e Exploração Sexual Infantil

Objetivo é conscientizar a população sobre a proteção das crianças e adolescentes

Anúncio

caminhada_luminosa_ubu-1

Tradicional Romaria Luminosa dá início à Festa Nacional de Anchieta; veja como participar

Fiéis caminharão de Ubu até o Santuário Nacional

arte-com-viver-08

Crescer Arte Viver: projeto oferece oficinas gratuitas para todas as idades em ONG de Guarapari

As inscrições podem ser realizadas diretamente na secretaria da ONG Crescer com Viver

Anúncio