Anúncio

Deputado debate questão de consumo de drogas

Por Glenda Machado

Publicado em 28 de maio de 2009 às 00:00
Atualizado em 22 de novembro de 2016 às 20:17

Anúncio

A sociedade tem unido forças para combater o tráfico de drogas em todo o país. Os Poderes Públicos, entidades religiosas, associações, empresas privadas tem se voltado para essa questão que preocupa a todos. Em maio, o vice-presidente da Assembleia Legislativa, o deputado Rodrigo Chamoun, chamou atenção para outra vertente do assunto, os usuários de drogas.
Foi em busca de ajuda, que o deputado estadual marcou reunião com pastores de Guarapari para discutir e buscar alternativas que solucionem, ou reduzam esse problema. “A questão das drogas muito se debate no Senado, na Assembleia e no Congresso e são traçadas estratégias para conter a violência urbana. Mas, percebi que pouco se fala sobre o “combustível” que move a violência que é o dependente químico”, ressaltou Chamoun.
O deputado criou a Frente Parlamentar no Combate ao Consumo de Drogas, que tem o objetivo de estudar e apresentar aos capixabas e ao Congresso Nacional, uma posição clara do que se refere ao consumo de entorpecentes. De acordo com Chamoun, a Assembleia adotou a postura de nunca fugir de assuntos polêmicos. Na reunião com os pastores, foi apresentado o Programa Educacional de Resistência às Drogas e à Violência (Proerd) executado pela Polícia Militar, nas escolas do estado. Dentre os objetivos do Proerd está o da prevenção ao uso de drogas e da prática de violência nas escolas.
Chamoun ressaltou o trabalho que as igrejas evangélicas e católicas desenvolvem na recuperação do dependente químico e que é feito sem a ajuda do Estado. “Vou tentar conseguir aliados na Assembleia para mostrarmos ao governo que a única saída para tratar da questão do usuário é criar uma rede, mapear e fazer uma matriz dessas obras sociais, independente de qual seja a igreja”, contou.
O deputado foi enfático ao afirmar que é preciso estabelecer elos para que haja sucesso no tratamento dos dependentes químicos como tirar, de acordo com a lei, os traficantes dos bairros; prevenção qualificada (oferecer oportunidades como a prática de esportes, etc); resgatar os valores de família, quebrar a relação legalmente facilitada entre traficante e usuários.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

Anchieta-Credito-da-Foto-Andrews-Quinteiro_

Pelo quarto ano consecutivo, Anchieta recebe nota A do Tesouro Nacional

pfizer

Guarapari: ação de vacinação sem agendamento para adolescentes com comorbidades

Anúncio

Anúncio

ameazul-praia

Moradores da Enseada Azul, em Guarapari, realizam ação de limpeza neste sábado (18)

Ação é uma adesão ao Dia Mundial da Limpeza

Comunicado - 17-09-2021

Comunicado – 17/09/2021

Anúncio

pfizer

Vacinação dos adolescentes é mantida no Espírito Santo

O Ministério da Saúde suspendeu a imunização do público de 12 à 17 anos sem comorbidades

afrochaves-estacao-da-cultura-2021-09-16-4

Resistência preta marca abertura do Estação da Cultura em Alfredo Chaves

Anúncio