Anúncio

Dobra o número de jovens internados por Covid-19 no ES

O alerta foi feito pelo secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes. Apesar do aumento, o secretário disse que maioria dos leitos ainda é ocupado por idosos

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 19 de abril de 2021 às 15:51
Atualizado em 20 de abril de 2021 às 15:20

Anúncio

Foto: Diego Simão/TV Vitória.

O perfil de pessoas internadas nas UTIs e enfermarias do Espírito Santo vem sofrendo modificações. O secretário estadual de Saúde, Nésio Fernandes, disse durante uma coletiva de imprensa na tarde de sexta-feira (16), que a proporção de jovens internados dobrou no Estado. Além disso, a carga de infectados atingiu marcas nunca vividas desde o início da pandemia. 

“Temos um aumento de infecção em jovens e de internações de jovens, no entanto não são em proporções equivalentes a Estados com a variante P1 como predominante”, afirmou o secretário. 

Ainda segundo Nésio, os jovens representam, em média, 15% ou 16% das internações. Nesse número são incluídas pessoas de 18 a 44 anos. “Em outros momentos, esse número chegou a 8% ou 9%”, detalhou o secretário.

Apesar do aumento expressivo, a maioria dos internados ainda é formada por pacientes idosos. “Temos ainda uma proporção maior de pacientes longevos e com comorbidades, com um comportamento de aumento no tempo médio nas UTIs”, concluiu. 

Procura por leitos deve ser menor nas próximas semanas

Na avaliação do secretário, o fechamento e interrupção das atividades sociais estabelecidos pelo Governo do Estado, no mês passado, também tem começado a provocar efeito na pressão hospitalar do Estado.

A tendência é de que haja uma redução na procura por novos leitos para Covid-19 nas próximas duas a três semanas. O que repercutirá em uma redução do número de mortes pela doença.

“Dado a amplitude da quarentena, podemos viver uma queda de número de casos mais rápida e consolidada que anteriormente. Por isso é importante que a população compreenda as restrições impostas a mais de três quartos da população capixaba”, reforçou.

Com vacinação, número de mortes começa a cair

Nésio explicou também que a vacinação contra a Covid-19 foi responsável por uma queda de 33% no número de mortes de pacientes com mais de 80 anos que estão internados em hospitais públicos no Espírito Santo. 

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

vacina_covid_19

Guarapari esclarece diferença entre número de doses recebidas e aplicadas de vacina da Covid-19

Agendamento será reaberto nos próximos dias para a população com idade entre 60 e 64 anos

zaine_e_ricardo_conde-2021-04-05

“É como ter uma arma apontada para a família, sem defesas” alerta jornalista de Guarapari, recuperado da Covid-19

Ricardo e a esposa, Zaine Conde, contraíram a doença. O jornalista se recuperou e a esposa ainda está na UTI, mas apresentando melhoras

Anúncio

Anúncio

coronavac-instituto-butantan

Guarapari: 2ª dose da vacina contra Covid-19 para idosos de 65 a 69 anos ainda não tem data

A maioria dos idosos desse público recebeu a primeira dose há cerca de um mês

aumento efetivo111

Casagrande anuncia aumento do efetivo da Polícia Militar do Espírito Santo

Anúncio

upaa-550x413

Câmara derruba veto do Prefeito e estende Auxílio Funcional aos demais servidores da Saúde de Guarapari

O veto restringia o pagamento do auxílio apenas aos profissionais lotados na UPA 24h

Bobó Brisamare-Risa

Semana das Mães: restaurante de Guarapari vai doar parte das vendas ao Recanto dos Idosos

Anúncio