Anúncio

ES: Secretaria de Saúde realiza ações em alusão ao Outubro Rosa

Segundo o Painel de Oncologia Brasil, no Espírito Santo foram registrados em 2022, 1.443 casos de mulheres com câncer

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 4 de outubro de 2023 às 13:57

Anúncio

305274 3 beneficios da campanha do outubro rosa para sua empresa - ES: Secretaria de Saúde realiza ações em alusão ao Outubro Rosa
Foto: reprodução

A Secretaria Estadual de Saúde (Sesa), por meio da Gerência de Políticas e Organizações de Redes de Atenção à Saúde (Geporas), iniciou a campanha “Outubro Rosa – Se ame, Se toque, Se cuide”. O objetivo é conscientizar as mulheres para a importância de adotar medidas preventivas contra o câncer de mama.

A referência técnica da Geporas, Joszilene Teodoro de Jesus, ressalta a importância dos cuidados com o corpo para a prevenção do câncer. “Como medidas que podem contribuir para a prevenção da doença, é importante que a mulher seja estimulada e empenhada em praticar atividade física regularmente, manter o peso corporal adequado, adotar uma alimentação mais saudável e evitar ou reduzir o consumo de bebidas alcóolicas, outro fator de proteção importante é a amamentação”, disse.

Estudos indicam que o câncer de mama, quando identificado em estágios iniciais, apresenta prognóstico mais favorável no tipo de tratamento a ser adotado, o que possibilita 95% de cura, nas pacientes.

Segundo o Painel de Oncologia Brasil, no Espírito Santo foram registrados em 2022, 1.443 casos de mulheres com câncer. Em 2023, de janeiro a 15 de setembro, foram 676 casos registrados. Conforme o Núcleo Especial de Programação de Serviços de Saúde (Nepss), de janeiro a 28 de setembro deste ano, foram registradas 8.399 internações. Já durante todo o ano de 2022, foram 14.752 internações. Ainda segundo o Nepss, o Estado registrou o quantitativo de 175.475 procedimentos realizados em 2022 e 124.469, realizados de janeiro a 28 de setembro de 2023.

Já em relação à realização de mamografias, foram realizados 81.465 exames, em 2022, e 49.525 de janeiro a julho deste ano, conforme informações do Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS (SIA/SUS) – Ministério da Saúde.

Quanto aos óbitos por câncer de mama feminino, segundo o Sistema de Informações de Mortalidade (SIM), foram registrados no Estado em 2022, 369 mortes. E de janeiro a setembro deste ano, foram 244 óbitos em decorrência da doença.


Sinais e sintomas:

– Qualquer nódulo mamário em mulheres com mais de 50 anos;

– Nódulo mamário em mulheres com mais de 30 anos, que persistem por mais de um ciclo menstrual;

– Nódulo mamário de consistência endurecida e fixo ou que vem aumentando de tamanho, em mulheres adultas de qualquer idade;

– Saída espontânea de secreção unilateral (um dos mamilos);

– Lesão de pele na mama que não responde aos tratamentos tópicos;

– Homens com mais de 50 anos com tumoração palpável unilateral;

– Presença de linfadenopatia axilar;

– Aumento progressivo do tamanho da mama, com a presença de sinais de edema, como pele com aspecto de casca de laranja;

– Retração na pele da mama;

– Mudança no formato do mamilo.

Como e onde buscar tratamento:

Toda mulher, em qualquer faixa etária, deve conhecer seu corpo e estar atenta a qualquer alteração. Caso detecte algo, deve buscar orientação e ajuda em uma Unidade Básica de Saúde (UBS).

Uma das medidas instituídas dentro da política pública para a detecção precoce do câncer de mama está no rastreamento por mamografia. O exame deve ser feito por mulheres, na faixa etária dos 50 aos 69 anos, a cada 2 anos, mesmo que não apresentem sinais ou sintomas da doença e a porta de entrada dessa paciente é a Unidade Básica de Saúde (UBS), onde o médico da família faz a solicitação do exame. A partir do resultado, a paciente é encaminhada para uma unidade de referência para tratamento.

A possível cura da paciente pode ser avaliada após cinco anos de tratamento e acompanhamento das mulheres devido à complexidade da doença. Os tratamentos podem ser alternativos entre a quimioterapia, radioterapia e a hormônio terapia, de acordo com o tratamento adotado pelo fármaco, da conduta terapêutica adotada pelo oncologista e da resposta do organismo da paciente.

O Espírito Santo tem hospitais qualificados para a realização do tratamento de câncer de mama. Entre eles estão:

Hospital classificado como Centro de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (CACON)

– Hospital Santa Rita de Cássia (HSRC-AFECC) – instituição filantrópica conveniada ao Sistema Único de Saúde (SUS);

Hospitais classificados como Unidade de Assistência de Alta Complexidade em Oncologia (UNACON)

– Hospital Evangélico de Cachoeiro de Itapemirim (HECI) – instituição filantrópica, conveniada ao SUS;

– Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes (Hucam) – instituição pública federal, vinculada à Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes);

– Hospital Santa Casa de Misericórdia de Vitória (HSCMV) – instituição filantrópica, conveniada ao SUS, vinculada à instituição de ensino Emescam;

– Hospital Evangélico de Vila Velha (HEVV) – instituição filantrópica, conveniada ao SUS, vinculada à instituição de ensino Univix;

– Hospital Maternidade São José (HMSJ) – instituição filantrópica, vinculada ao SUS;

– Hospital Rio Doce – instituição filantrópica, vinculada ao SUS;

*Com informações do Governo do Estado.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

WhatsApp-Image-2023-10-10-at-16.24.33-1024x768

Incubadora do IFES Guarapari oferta últimas vagas para curso gratuito de Impressão 3D

Inscrições podem ser realizados on-line e vão até dia 23

casa-sinestescia-2024

Seminário debate cultura e inteligência para o turismo de Guarapari

Evento acontece nesta quarta (19) na Casa Sinestésica

Anúncio

Anúncio

WhatsApp-Image-2024-06-18-at-10.47.46

Polícia prende suspeito de estuprar criança de 9 anos em Guarapari

Crime aconteceu no dia 15 de maio

whatsapp-image-2024-06-14-at-16-37-17

Guarapari conquista bronze na premiação Cidade Empreendedora do Sebrae

Reconhecimento premia cidades que incentivam o empreendedorismo

Anúncio

WhatsApp-Image-2024-06-17-at-10.47.38

Polícia prende dois empresários por suspeita de envolvimento com comércio clandestino de carnes em Guarapari

Ação também interditou duas empresas

ce70bba0-29c7-11ef-895e-9d65eb610057-minified

Remoção das cabines de pedágio da Terceira Ponte começam nesta segunda (17)

Segundo o governador, em breve as cabines da Rodovia do Sol, em Guarapari, também serão removidas

Anúncio