Anúncio

Ex-prefeito de Alfredo Chaves morre nesta terça-feira (26)

Por Aline Couto

Publicado em 26 de fevereiro de 2019 às 18:04
Atualizado em 26 de fevereiro de 2019 às 18:46
Anúncio

Roberto Fiorin (PSB) foi eleito por dois mandatos, 1997 e 2012

Foto: Divulgação/Comunicação.

Faleceu nesta tarde o ex-prefeito de Alfredo Chaves, Roberto Fiorin. O político tinha 61 anos e estava internado em Vitória, desde domingo (24), com fortes dores no abdômen. Houve um agravamento do caso que evoluiu para uma infecção generalizada, causando a morte de Roberto.

O ex-prefeito era natural do distrito de Ibitiruí, interior da região de Alfredo Chaves. Foi eleito por dois mandatos, 1997 e 2012. O político também era servidor aposentado do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) e deu aulas na rede pública por muitos anos.

O governador do Espírito Santo, Renato Casagrande emitiu nota de pesar sobre a morte de Fiorin. “O Estado perde um grande líder regional, mas ficam as boas lembranças de nosso correligionário. Nossos sentimentos à família e aos amigos neste momento de tanta dor”.

O velório será a partir das 22h na casa da irmã de Roberto, Rogéria Lucia Fiorin Gaigher, em Ibitirui. Amanhã (27), às 8h, o corpo será levado para casa onde o político residia, na mesma localidade, e o velório seguirá até às 15h. Depois o corpo será levado para a comunidade de Santa Maria do Êngano, onde haverá o sepultamento às 16h.

*Com informações: Comunicação/Clóvis Rangel

Anúncio
Anúncio

Veja também

O projeto também divulgará o trabalho de artistas locais, que encontram dificuldades em manterem-se durante a pandemia. Foto: Divulgação

Coletivo transforma rede social em vitrine para pequenos negócios de Guarapari

O Sinestesia – Criatividade Coletiva decidiu usar o próprio perfil no Instagram, que conta com mais de mil seguidores, para evidenciar artistas e pequenos empreendimentos locais afetados pela pandemia

Foto: Reprodução

Coronavírus: Guarapari registra 10 novos casos e mais 5 curados

Ao todo, o município contabiliza 161 infectados; Desses, 116 já estão curados

Anúncio
Anúncio
Foto: Reprodução

Profissional da saúde com Covid-19 é encontrada trabalhando em Guarapari

Descumprir o isolamento é infração sanitária e pode ser enquadrado como crime contra a saúde pública

civilpm

Policiais prendem um suspeito de assalto e outro de tentativa de homicídio em Guarapari

wendel1

Vereador de Guarapari poderá ser condenado a devolver dinheiro e a pagar multa

MPC pede condenação de Wendel Lima, então presidente da Câmara em 2017, por autorizar despesas sem interesse público

capa jose luiz

Médico que mora em Guarapari vence a Covid-19 e compartilha luta contra o vírus

“A gratidão é por uma nova chance da vida. A missão dele como médico ainda não acabou”, declarou a esposa e aliada de batalha