Anúncio

Governo se reúne com novas empresas de gás que vão operar no Espírito Santo

Representantes das empresas 3R Petroleum e DBO Energia se reuniram com o Governador no Palácio Anchieta na última quarta-feira (24)

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 28 de fevereiro de 2021 às 12:00
Atualizado em 1 de março de 2021 às 16:45

Anúncio

Foto: divulgação.

O governador do Estado, Renato Casagrande, se reuniu, na quarta-feira (24), com representantes das empresas 3R Petroleum e DBO Energia. As empresas assumiram as áreas de produção de petróleo e gás do Polo Peroá, composto pelos campos de Peroá e Cangoá, localizados na região norte do Espírito Santo, adquiridas por meio do processo de desinvestimento da Petrobras. Na ocasião, foi apresentado ao Governo o plano de redesenvolvimento para campos maduros.

“As empresas assumiram as áreas de produção de gás no norte do Estado e estamos realizando a primeira roda de conversa com essas empresas. A Petrobras está com a política de fazer a transferência de área de produção de gás e petróleo em terra para as empresas que se especializaram nessa área”, disse o governador.  

Casagrande ainda ressaltou a importância dos investimentos para geração de oportunidades: “a Petrobras entende ser fundamental sua presença em outras áreas de maior investimento e, nas áreas de menor investimento, a estatal está fazendo a transferência para empresas especializadas. Temos diversas empresas que já adquiriram essas áreas e, hoje, estamos dando as boas-vindas às empresas que estão chegando. Investimentos a mais no Estado do Espírito Santo para que possamos gerar mais oportunidades aos capixabas.”

Também presente na reunião, o secretário de Estado de Desenvolvimento, Marcos Kneip, frisou que receber novas empresas, o Espírito Santo estimula o desenvolvimento regional, oxigena o mercado e oferece a oportunidade de acesso a novas visões do segmento. 

“A 3R é a terceira maior produtora de petróleo e gás terrestre do Brasil, atrás apenas da Petrobras e da Eneva. Com o incremento da produção de petróleo e gás no Estado, cresce a nossa expectativa de que estamos no caminho certo para cada vez mais promover o desenvolvimento, gerando oportunidades a partir do cenário favorável para negócios. Queremos ter um relacionamento próximo com as empresas e destravar investimentos, pois nossa intenção é manter um diálogo produtivo, republicano e transparente. O Estado tem um grande potencial, um ambiente de negócios que desperta segurança nos investidores, bem como bons indicadores e estabilidade fiscal”, afirmou Kneip.

A 3R Petroleum é a companhia brasileira que, junto com a DBO, adquiriu da Petrobras a concessão para operação do Polo Peroá-Cangoá, no Espírito Santo. “Estamos muito otimistas em poder gerar valor para a região, a sociedade e o País a partir da nossa operação no Espírito Santo, grande produtor de gás no Brasil. Nosso objetivo é trazer as melhores tecnologias e práticas da indústria para nossas operações”, informou  Ricardo Savini, CEO da 3R Petroleum.

Sobre a 3R

A 3R foi criada em 2014 e tem grande experiência na revitalização e redesenvolvimento de campos maduros. O modelo de negócios da empresa é comprar ativos em declínio, investir, recuperar e incrementar essas reservas. A empresa, de capital aberto, adquiriu os campos de Peroá e de Cangoá, localizados em águas rasas, que registraram produção, em novembro de 2020, de aproximadamente 900 mil metros cúbicos/dia de gás natural. O Polo é operado remotamente por meio de uma plataforma não habitada e sua produção é escoada através de dutos para unidade de tratamento de gás de Cacimbas. A empresa detém, ao todo, a concessão 36 campos de óleo e gás, 29 deles ainda em fase de transição com a Petrobras.

Sobre a DBO

A empresa é formada por um grupo experiente de executivos brasileiros e noruegueses, que têm adquirido, desenvolvido e operado em campos de descomissionamento no Brasil. A DBO Energia é pioneira no mercado brasileiro de ativos maduros e se dedica à criação de valor por meio do aumento do fator de recuperação e de operações eficientes.

Plano Espírito Santo — Convivência Consciente

É um conjunto de ações envolvendo órgãos do poder público e do setor produtivo para promover o desenvolvimento econômico, priorizando as pessoas, com o objetivo de reduzir os impactos sofridos pela população capixaba em decorrência da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19). São previstos mais de R$ 32 bilhões em investimentos dos Governos Federal e do Estado e do setor privado até o final de 2022. A estimativa é de que sejam criadas mais de 100 mil vagas de emprego.

O Plano apresenta sete eixos de atuação: Desburocratização; Medidas Tributárias; Crédito e Financiamento; Monitoramento dos Impactos na Economia; Aceleração dos Investimentos Públicos e Privados; Inovação e Tecnologia e Geração de Emprego e Renda.

O Conselho Gestor do Plano Espírito Santo — Convivência Consciente é formado pelas Secretarias de Economia e Planejamento (SEP); Mobilidade e Infraestrutura (Semobi); Fazenda (Sefaz); Governo (SEG), Ciência, Tecnologia, Inovação e Educação Profissional (Secti) e Desenvolvimento (Sedes), que vão acompanhar de perto a implementação das medidas previstas no Plano. O Conselho será responsável ainda pelas orientações a serem seguidas conforme as prioridades do Governo, propondo ações de rearranjo da conjuntura econômica e potencializando a recuperação da economia do Estado.

Também estiveram presentes na reunião, o CEO da DBO Energia, Kjetil Solbraekke; sócios no projeto; o diretor executivo de Relacionamento Institucional e Sustentabilidade da Petrobras, Roberto Ardengy; e o diretor de Governança e Conformidade da Petrobras, Marcelo Zenkner.

*Com informações de Assessoria de Comunicação – Sedes.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

RISA_cerimonia_lancamento_site_2021-04-14

Guarapari: Recanto dos Idosos celebra novo site que divulgará trabalho da instituição

Segundo Irmã Marilza, coordenadora da instituição, site vai dar transparência ao trabalho da instituição

secretária turismo

Pasta do turismo em Guarapari tem nova secretária

Anúncio

Anúncio

Centro-Social-Santa-Mônica

Centro Social em Guarapari mobiliza doações para bazar em prol das famílias atendidas

antígeno es

Covid-19: ES recebe 190 mil testes para identificar rapidamente novos casos positivos

Anúncio

valter_valentim_rifa_celular

Após amputação, morador de Guarapari realiza rifa para iniciar reabilitação física

A venda das rifas vai até o dia 5 de maio

baiano_destaque-edit-2021-04-14

Conhecido como Baiano, dono de restaurante em Guarapari perde a vida para a Covid-19

Ornélio da Silva Santos foi uma das 273 vítimas da doença no município

Anúncio