Anúncio

Guarapari: Pesquisa aponta empate técnico entre Edson Magalhães e Carlos Von

Gedson Merízio (PSB) aparece em terceiro com 19,4%

Por Redacão Folha Vitória

Publicado em 13 de novembro de 2020 às 15:18
Atualizado em 14 de novembro de 2020 às 16:03

Anúncio

Foto: Reprodução

O atual prefeito de Guarapari e candidato à reeleição Edson Magalhães (PSDB) tem concorrência acirrada na disputa das eleições 2020. Ele aparece na terceira pesquisa Rede Vitória/Futura* no município com 37,6% dos votos válidos (quando são descontados, não sabe, não respondeu, indecisos, brancos e nulos) enquanto o deputado Carlos Von (Avante) aparece com 31,3%. Considerando a margem de erro da pesquisa, de 4,9 pontos percentuais para mais ou para menos, os dois aparecem tecnicamente empatados na disputa.

Em seguida aparece Gedson Merízio (PSB), com 19,4%. Mais atrás estão Fernanda Mazelli (Republicanos) com 3,1%; Oziel de Souza (PSC), com 2,8%; Coronel Ferrari (PSD), com 2%; Maria Helena (PP), com 2%; Bárbara Hora (PT), com 0,9%; e Cláudio Paiva (PRTB), com 0,9%.

Na pesquisa de intenção estimulada de voto, quando são apresentados os nomes dos candidatos aos entrevistados, o prefeito aparece com 33%. Carlos Von novamente vem em seguida, dessa vez com 27,5%. Gedson Merízio está em terceiro com 17%.

Na sequência aparecem Fernanda Mazelli, com 2,8%; Oziel de Souza, com 2,5%; Maria Helena, com 1,8%; Coronel Ferrari, com 1,8%; Cláudio Paiva, com 0,8%; e Bárbara Hora também com 0,8%; Não sabe, não respondeu, indeciso tem 8,5%. Ninguém, branco e nulo aparece com 3,8%.

Na intenção espontânea de votos, quando o entrevistado responde livremente o nome do candidato, Edson Magalhães aparece com 31,8% das intenções de voto. Logo depois, mais uma vez está Carlos Von, com 22,8% e Gedson Merízio segue em terceiro com 13,3%.

Oziel de Souza aparece com 1,5%; Coronel Ferrari tem 1,3%; Bárbara Hora tem 0,8%; Fernanda Mazelli tem 0,8%; Cláudio Paiva aparece com 0,3%; e Maria Helena tem 0,3%. Não sabe, não respondeu e indeciso ficou com 22,3% e ninguém, branco e nulo tem 5,3%.

Quando o eleitor foi perguntado em quem não votaria, em nenhuma hipótese, 33,5% responderam o nome do prefeito Edson Magalhães. Logo em seguida, o segundo mais rejeitado é Carlos Von, que tem 16,3%. Bárbara Hora é a terceira, com 10,8%.

Na sequência aparecem Fernanda Mazelli, com 10,5%; Oziel de Souza, com 9,8%; Coronel Ferrari, com 9%; Fredson (PL) com 7,3%; Maria Helena, com 6,8%; Gedson Merízio, com 6,5%; e Cláudio Paiva, com 6,5%. Rejeita todos tem 2,5%. Não rejeita nenhum fica com 17%. Não sabe, não respondeu tem 9,3%.

Na evolução do comportamento dos eleitores, o primeiro colocado Edson Magalhães tinha na primeira pesquisa, divulgada no dia 13 de outubro, 29,3% de intenção estimulada de voto. No dia 28 de outubro, ele passou a 33,8% e agora estaciona em 33%. Ao mesmo tempo Carlos Von tinha 22,3% no primeiro levantamento, passou a 24,3% no segundo e agora tem 27,5%. O terceiro colocado, Gedson Merízio, foi o que mais cresceu em pontos percentuais. Foi de 8% na primeira para 24,3% na segunda e agora tem 27,5%.

Em relação aos números do levantamento de intenção espontânea, o prefeito passou de 21,5% na primeira pesquisa para 29,5% na segunda e agora tem 31,8%. Carlos Von foi de 12,8% para 18,5% e agora tem 22,8%. Já Gedson Merízio começou com 3,8%, passou a 10% e agora tem 13,3%. Os três primeiros tiveram crescimento parecido em pontos percentuais. Entre 9 e 10 cada um.

Edson Magalhães também teve um crescimento na rejeição, na comparação com as três pesquisas Rede Vitória/ Futura. Na primeira aparecia com 27,3%. Na segunda, foi a 31%. Agora, 33,5% dos eleitores disseram que não votam no prefeito atual em nenhuma hipótese. Carlos Von tinha 9,5%, foi a 11,5% e agora tem 16,3%.

*A pesquisa foi realizada pela Futura para a Rede Vitória e contemplou 400 entrevistas, com margem de erro de 4,9 pontos percentuais para mais ou para menos e confiabilidade de 95%.As entrevistas foram realizadas no dia 11 de novembro de 2020, face a face com o eleitor, respeitando as determinações sanitárias das autoridades de saúde. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral sob o número ES-01992/2020.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

detonação rochas

Detonação de rocha interdita trecho da BR-101 nessa terça-feira (09) em Guarapari

Midsection of working mother using technologies while daughter sitting in background at dining table

Sebrae/ES com Elas: Rodada on-line de networking só para mulheres

Evento, que integra a programação especial para o Mês da Mulher, está com inscrições abertas para empresárias

Anúncio

Anúncio

Portrait of happy woman at beach during dusk

Especial Mulher: saúde e sexualidade

chuva_tempestade_final_de_semana

Previsão de mais chuva com trovoadas em Guarapari

Anúncio

desaparecido Gri1

Família de Guarapari procura parente com problemas mentais que fugiu do hospital

folhaonline-background-dia-das-mulheres-intro

Especial Dia Internacional da Mulher

Anúncio