Anúncio

O que cabe ao síndico em meio à pandemia? Advogada de Guarapari explica

Para a Dra. Maieli Marques de Oliveira, é preciso muita atenção ao determinar as medidas restritivas no condomínio

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 2 de junho de 2020 às 10:46
Atualizado em 3 de junho de 2020 às 12:00

Anúncio

Imagem ilustrativa | Reprodução: Pixabay

Em mais um conteúdo da série “Aspectos jurídicos, direitos e deveres em meio à pandemia”, o assunto são os reflexos projetados em relação aos moradores de um condomínio e até onde vão os limites do síndico, o que ele pode ou não determinar.

O síndico pode impedir a entrada e a circulação das pessoas em áreas comuns como escadas e corredores? O acesso e a permanência em áreas comuns não essenciais, como piscina e parquinho, por exemplo, podem ser proibidos?

Essas e outras questões quem responde é a Dra. Maieli Marques de Oliveira. Os detalhes estão no vídeo da advogada e pós-graduanda em Direito Imobiliário e em Processo Penal:

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

vacinas es

Espírito Santo recebe primeiro lote da Coronavac adquirido com recursos próprios

vacina-astrazeneca-868x644

Nesta segunda (20) tem agendamento para segunda dose de AstraZeneca em Guarapari

Anúncio

Anúncio

praça virtudes1

Após mais de um ano de reforma, Praça das Virtudes é inaugurada em Guarapari

As obras iniciaram em julho de 2020 com a promessa de entrega até o final do ano corrente

Muda-de-planta-shutterstock_302422220

Guarapari inicia neste domingo (19) uma semana comemorativa pelo Dia da Árvore

Anúncio

Família nômade (4)

Guarapari 130 anos: família nômade se encanta com as belezas da “Cidade Saúde”

guara-de-ouro-gri-2021-09-18-2-1

Artigo: ser cidadão guarapariense; uma honra e um privilégio!

Anúncio