Anúncio

Oficinas promovem novo contato com a arte circense em Guarapari

Projeto conta com aulas voltadas para crianças e adultos

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 3 de abril de 2022 às 12:00

Anúncio

Oficinas promovem novo contato com a arte circense em Guarapari
Aulas são realizadas na Casa Sinestésica, localizada no Centro de Guarapari. Fotos: Divulgação.

Marcando o início dos trabalhos no Espírito Santo, a Uli Produções Artísticas chega a Guarapari promovendo uma nova experiência com a arte circense. A companhia realiza oficinas de circo para crianças e adultos, ensinando técnicas que são conhecidas e admiradas desde a antiguidade. As aulas são realizadas na Casa Sinestésica, centro cultural criado pelo coletivo Sinestesia, no Centro da cidade.

Nas oficinas, os alunos são apresentados a diversas disciplinas circenses, como solo, malabares, equilíbrio e aéreo. As técnicas, que antes só podiam ser vistas nos espetáculos que passavam pela cidade, agora também podem ser aprendidas e praticadas até pelas crianças.

“Eles vão ter, primeiro, um contato com o próprio corpo. O que é o meu corpo, o que eu faço com ele e o que eu posso fazer com ele. O objetivo é criar uma consciência de estrutura. A partir disso, a gente começa a implementar a coordenação motora, por meio de objetos de malabares, por exemplo. Isso faz com que esse corpo comece a ganhar uma memória ULI Produções Artísticas muscular e desenvolva a percepção de ritmo, tempo e espaço”, explica Ulisses Nogueira, formado pela Escola Nacional de Circo (ENC-RJ), e responsável por ministrar as aulas.

Com o tempo, o aluno pode escolher a técnica que mais se identifica e melhor se adapta. No caso dos adultos, as aulas contam também com um exercício de posturas corporais, além de estratégias para fortalecimento das articulações e de algumas partes do corpo, como o abdômen.

Ulisses destaca que um dos benefícios das atividades é fazer com que esse corpo se movimente e permaneça focado. “É importante porque nós estamos falando sobre prevenção de dores corporais. Com o passar dos anos, nosso corpo vai envelhecendo e, com eles, nossos tendões e articulações vão tendo menos mobilidade. Diante disso, começamos a valorizar um bom alongamento e uma correção postural”, aponta Ulisses.

Oficinas promovem novo contato com a arte circense em Guarapari
Exercícios proporcionam novas experiências para adultos e crianças.

Além de todos os benefícios físicos, o contato com uma atividade diferente faz com que a autoestima dos alunos seja desenvolvida a cada obstáculo superado nas aulas, resultando também em um bem-estar mental. “Você aprende a ter paciência, aprende a controlar a sua ansiedade, e isso acaba trabalhando muito com a sua autoestima, com a sua aceitação porque você vai entendendo sua limitação. Os alunos acabam saindo muito satisfeitos porque aprendem se divertindo e, a cada aula, surgem novos desafios para serem superados no desenvolvimento e evoluções das técnicas circenses. Uma higiene mental, semanalmente, se faz muito necessária e, através das modalidades de circo, temos mais uma possibilidade de realizarmos isso, cuidando do corpo e da mente”, ressalta.

A advogada Simone Zani participou das aulas realizadas na Casa Sinestésica no último mês e, junto com os três filhos, percebeu os benefícios da nova atividade. “Foi uma experiência maravilhosa (…) Gostei dos desafios de equilíbrio e força para o nosso corpo, a parte de coordenação. O que mais gostei foi como as atividades reforçaram o sentimento de parceria, união e confiança mãe e filho, irmão e irmã”, conta.

Erika Santa Resende levou a pequena Maria, de quatro anos, para conhecer o mundo circense. Ela conta que um dos benefícios foi poder vivenciar, junto com a filha, essa arte que está no imaginário, mas é bem distante da realidade do próprio dia a dia. “As descobertas e o aprendizado, mesmo que simples, foram muito enriquecedores (…) achei fantástico”, conta.

O professor

As aulas são ministradas pelo professor Ulisses Nogueira, especialista em linguagens artísticas como o circo, a dança e o teatro. Com uma trajetória de 25 anos nas artes circenses, o artista é formado pela Escola Nacional de Circo (ENC-RJ), tendo passado por circos como o Orlando Orfei e Marcos Frota. Ulisses também integrou companhias de dança consagradas em São Paulo, Rio de Janeiro e Mato Grosso do Sul, além de ter trabalhado com nomes de peso da cena teatral brasileira.

Oficinas promovem novo contato com a arte circense em Guarapari
Ulisses Nogueira é formado pela Escola Nacional de Circo (ENC-RJ).

A Companhia

A Uli Produções Artísticas é uma companhia voltada para a promoção de eventos e projetos artísticos no Espírito Santo. Com atuação em diversas cidades capixabas, a organização presta serviços como oficinas, palestras, workshops, montagem de espetáculos, coreografias, números circenses, bem como performances nas linguagens de circo, teatro e dança.

Serviço – Oficinas de circo

Local: Casa Sinestésica;
Endereço: Avenida Davino Mattos, nº 14, Centro de Guarapari;
Turma infantil: 8 a 13 anos| Segunda e Quarta 19h;
Turma adulta: 14 a 60 anos| Terça e Quinta 19h;
Mensalidade: R$ 150;
Contato para inscrições: 27 99812-4870; [email protected];
Mais informações: @uliproducoes

*Com informações de Assessoria de Imprensa.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

frio-temperatura-alerta-cover-2022-05-21-inmet

Instituto alerta para nova onda de frio em Guarapari e demais cidades do ES

Segundo Inmet, onda pode registrar queda de 5°C em média e durar entre 3 e 5 dias

Manifestação Colorindo Sonhos

Guarapari: mães do Colorindo Sonhos manifestaram pelos direitos dos filhos especiais

As mães se reuniram no Centro da cidade e foram caminhando até a Câmara Municipal

Anúncio

Anúncio

crime-assassinato-empresario_hugo-jose_ramos-2022-05-17-Moment-cover-2

Polícia investiga imagens que mostram morte de empresário em Guarapari

Empresário Hugo José Ramos foi morto a tiros em frente à própria casa

audiencia-cmg-centropop-2022-05-17

Audiência apresenta reclamações de moradores da região norte de Guarapari sobre o Centro Pop

Moradores apontam aumento da insegurança após instalação do Centro de Referência da População de Rua na região

Anúncio

Fogo Boião

Incêndio destrói cerca de 45 mil metros quadrados de vegetação em Guarapari

300d0ed0-d7b4-11ec-9901-75f920446a17--minified

Vídeo: fogo atinge casa em Guarapari e assusta moradores da Praia do Morro

Anúncio