Anúncio

Operação Estado Presente prende suspeito de duplo homicídio em Anchieta

Homem detido é suspeito do assassinato de mãe e filho, no bairro Jerusalém

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 14 de maio de 2021 às 08:49
Atualizado em 15 de maio de 2021 às 09:01

Anúncio

Foto: divulgação.

Um homem de 27 anos, investigado por um duplo homicídio em Anchieta, foi detido em cumprimento ao mandado de prisão, nessa quarta-feira (12), em uma casa na Praia de Ubu, em Anchieta. O adolescente de 14 anos, alvo dos suspeitos, e a sua mãe de 43 anos foram mortos na madrugada do dia 20 de abril, no bairro Nova Jerusalém, também no município. 

A prisão aconteceu durante a Operação Estado Presente, após um cerco realizado por policiais civis da 10ª Delegacia Regional (DR) de Anchieta e policiais militares da Força Tática. 

Segundo a delegada Maria da Glória Pessotti, chefe da 10ª DR de Anchieta, os corpos das vítimas foram encontrados onde residiam abraçados embaixo da cama. “Na ocasião, os criminosos arrombaram a porta da residência e executaram mãe e filho. A mãe foi atingida por sete disparos, sendo quatro deles na perna esquerda, os demais nas nádegas, na região pélvica, e outro na cabeça. O filho foi atingido por um único disparo de arma de fogo em sua nuca”, detalhou.

As investigações apontaram que o crime foi motivado pela disputa de traficantes da região. “O adolescente também tinha envolvimento com o tráfico de drogas e roubos. Durante as investigações, foi possível identificar que o homem de 27 anos era um dos autores do crime, razão pela qual representei pela prisão cautelar do suspeito”, disse a delegada.

Nessa terça-feira (11), equipes das Polícias Civil e Militar realizaram buscas nas residências dos investigados, sem sucesso. “A equipe cumpriu mandados de buscas nas residências do principal suspeito de 27 anos. Ele não foi encontrado em sua residência e quando soube da ação da Polícia procurou o imóvel na Praia de Ubu para se esconder. Possivelmente, iria fugir nesta quinta-feira (13)”, relatou Maria da Glória Pessotti.

O suspeito ainda será ouvido no inquérito policial do duplo homicídio. Segundo a delegada, ele já respondeu a processos por prática de crime de homicídio nas cidades de Iconha e Anchieta, além de estar sob investigação em outros crimes de homicídio e tráfico de drogas nas cidades de Anchieta e Guarapari.

As investigações continuam. O suspeito foi encaminhado para o Centro de Detenção Provisória de Guarapari, onde permanece à disposição da Justiça e da autoridade policial.

Operação Estado Presente 

Policiais militares e civis realizaram, nessa quarta-feira (12), mais uma fase da Operação Estado Presente, desta vez na região sul do Estado. As ações ocorreram nos municípios de Guaçuí, Cachoeiro de Itapemirim, na região litorânea de Itapemirim e em Anchieta.  

As equipes cumpriram mandados de busca e apreensão, de prisão, realizam pontos base, pontos de bloqueio, abordagens e a verificação de registros do Disque-Denúncia 181.

“Conseguimos retirar armas de fogo, homicida e outros criminosos de circulação. Esse é o objetivo da Operação Estado Presente e também do Programa Estado Presente em Defesa da Vida, que no seu eixo policial faz o monitoramento constante da criminalidade. Esperamos aumentar ainda mais essa sensação de segurança das pessoas que residem nessa área e empenho não vai faltar desses excelentes policiais que ali atuam”, afirmou o secretário de Estado da Segurança Pública e Defesa Social, coronel Alexandre Ramalho. 

A operação já aconteceu nas regiões sul, norte, noroeste e na Grande Vitória e tem como objetivo aumentar a ostensividade e visibilidade policial, com o intuito de auxiliar na redução e controle dos principais indicadores criminais. 

*Com informações de Olga Samara/PC ES.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

rambutan-1

Rambutan: fruta exótica no Brasil é produzida em Guarapari

De origem asiática, o fruto é encontrado na propriedade do José Antônio Ofrante, em Rio Claro

Crimes virtuais

Artigo: crime virtuais; como se proteger e denunciar

Anúncio

Anúncio

guara-de-ouro-gri-2021-09-18-2

Guará de Ouro: solenidade homenageia lideranças locais e do ES que trabalham por Guarapari

capa_Medidor-de-velocidade-radar-FernandoMadeira-ales

Assembléia aprova lei que proíbe radares ocultos em estradas do ES

Anúncio

73o-MAPA-DE-RISCO-20.09-a-26.09

Governo do Espírito Santo divulga 73º Mapa de Risco Covid-19

vacina_es

Guarapari abre novo agendamento para terceira dose de vacina da Covid-19

Serão atendidos idosos com 60 anos ou mais que tomaram segunda dose de qualquer vacina da Covid-19 há cinco meses ou mais

Anúncio