Anúncio

Pandemia muda maneira de vender em Alfredo Chaves

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 2 de novembro de 2020 às 15:00
Atualizado em 3 de novembro de 2020 às 17:37

Anúncio

A pandemia do novo coronavírus impactou fortemente os trabalhadores autônomos, donos de pequenas e médias empresas, especialmente devido ao fechamento do comércio. Foi pensando numa ideia para divulgar esses empreendedores, que os jovens André Delmiro, de 37 anos, e Silvana Caprini, 32 – ambos de Alfredo Chaves, na região Serrana do Estado – criaram um aplicativo gratuito para celular.

“Estávamos amadurecendo essa ideia há mais de um ano, pois Alfredo Chaves é pobre nesse nicho de divulgação. Mas, com a pandemia, nos deparamos com uma das maiores crises financeiras da história.  Diante disso, convidei a minha amiga para ajudar o comércio da nossa cidade usando algo moderno, acessível”, garante André, que é bancário e publicitário.

Foi daí que nasceu o “Aki Alfredo Chaves”, que foi lançado no início do mês de setembro deste ano e já conta com 50 negócios de vários seguimentos do município cadastrados e quase dois downloads. “Usei meus conhecimentos em publicidade para eu mesmo criar o aplicativo. É uma ferramenta sem fins lucrativos; é de graça para quem baixar e para quem comercializa algo e queira mostrar as formas de contatos, endereço, horário de atendimento”, acrescenta.

Na sua avaliação, trata-se de uma ferramenta que vai impactar a vida daquelas pessoas que estão passando necessidades em consequência da quarentena causada pela Covid-19. “Quem quiser divulgar seu serviço ou produto ou souber de alguém que tenha interesse, compartilhe, ajude o pequeno empresário. É hora de nos unirmos em nome da economia”, recomenda o bancário, que tem como parceira no projeto a administradora Silvana Caprini.

A administradora diz que o aplicativo é um canal centralizado, onde cada pessoa que precisar de um serviço ou produto na região possa entrar e encontrar o que precisa. “O Aki foi feito também para divulgar a gastronomia e o turismo de Alfredo Chaves. Temos áreas especificas para ver as nossas pousadas, restaurantes e os horários de ônibus. Além das abas para cada tipo de comércio, utilidades, promoções, joguinhos”.

Qualquer um pode entrar e se cadastrar e em poucos minutos já estará no catálogo on-line. Silvana explicou ainda que, para exibir a sua marca, seus serviços e produtos, o interessado dispõe de um botão para se comunicar com a equipe programadora do aplicativo.

Quem já está confiante nos bons resultados do aplicativo, é o empresário do ramo de supermercados, Valtamir Grassi, de 58 anos, que há 30 anos tem comércio na cidade.

“Quando o isolamento começou, ficamos preocupados. Temos contas para pagar, né? E nós, donos de comércio, temos que nos adaptar a essa modernidade. Gostei dessa ideia deles e estou confiante”, finaliza.

Cabelereiro teve aumento de 25% nos serviços

Mikael de Souza, de 29 anos, é cabeleireiro especializado em tingimento, reposição da massa capilar e proprietário de um salão de beleza localizado no Centro de Alfredo Chaves, município da região Serrana do Estado. O isolamento social causado pela pandemia do novo coronavírus fez com que seus serviços caíssem drasticamente, mas após ele se cadastrar no aplicativo Aki Alfredo Chaves as reservas aumentaram 25%.

Texto e fotos: Clóvis Rangel.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Fachadas Pitágoras.com_

Guarapari: Faculdade Pitágoras disponibiliza mais de 100 cursos de extensão EAD gratuitos

Com inscrições até 10 de março, modalidade UP é direcionada a profissionais e estudantes no último semestre da graduação

guarapari_pesquisa_ouro_preto_pedras

Pesquisa da Universidade de Ouro Preto tem base em Parque de Guarapari

Projeto avalia durabilidade do concreto de escória de aciaria no Parque Morro da Pescaria

Anúncio

Anúncio

dentista-arquivo_folhaOnline

Em grupo prioritário, profissionais de odontologia de Guarapari não têm plano de vacinação contra Covid-19

novo lote vacinas

Novo lote com mais de 48 mil doses de vacina contra a Covid-19 chega ao ES

Doses da Coronavac chegaram na madrugada desta quarta (03). Parte da nova remessa (30,5%) será para idosos de 80 a 84 anos que ainda não foram vacinados

Anúncio

feira2021-02-19-at-15-24-00

Obras do Mercado do Produtor Rural em Guarapari tem previsão de término em maio

Visita Virtual Cheios da Graça1

Guarapari: “Cheios da Graça” oferece visitas virtuais a crianças internadas

Anúncio