Anúncio

Polícia identifica chefes do tráfico de Vila Velha que escondiam drogas em Guarapari

Por Aline Couto

Publicado em 11 de outubro de 2019 às 11:01

Anúncio

Três traficantes ainda estão foragidos. A polícia pede ajuda da população através do número de emergência 190 ou do disque-denúncia, 181

Polícia identifica chefes do tráfico de Vila Velha que escondiam drogas em Guarapari

Da esquerda para a direita, Edmar, Ednilson e Bruno ainda estão foragidos. Foto: Divulgação/PC.

No ano passado, a equipe do Departamento Especializado de Narcóticos (Denarc) de Guarapari apreendeu em um imóvel no Bairro Recanto da Sereia, em Guarapari, 2873 pinos grandes de cocaína, quase 1,5 kg da mesma substância, milhares de pinos plásticos para cocaína e quase 1 kg de crack ainda em estado bruto, suficiente para o preparo de 6000 pedras dessa substância. No imóvel foram encontrados os irmãos Fernando José da Silva, 50 anos e Edmar José da Silva, 47. O local pertence a outro irmão dos indivíduos, Ednilson José da Silva de 54 anos.

Após investigações, foi constatado que os irmãos integravam uma poderosa e tradicional organização criminosa que há muitos anos controla o tráfico de drogas em uma porção do Bairro Boa Vista, em Vila Velha, fornecendo drogas ilícitas em uma área nobre daquela cidade, as imediações da Universidade de Vila Velha (UVV) e do Shopping Vila Velha. O filho de Fernando José, Bruno Soares da Silva, 27 anos, comandava o tráfico de drogas naquela região, com o apoio do pai e dos dois tios.

As investigações iniciais contaram com registros de denúncias anônimas e provas testemunhais por meio das quais esses quatro parentes foram apontados como donos das drogas apreendidas e chefes do tráfico de drogas na referida região canela verde.

Polícia identifica chefes do tráfico de Vila Velha que escondiam drogas em Guarapari

Fernando está preso desde a apreensão das drogas em 2018. Foto: Divulgação/PC.

Ontem (10) policiais civis das delegacias de Guarapari, com o apoio da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP) de Vila Velha, tentaram dar cumprimento aos mandados de prisão preventivos expedidos em face de Bruno, Edmar e Ednílson. Nenhum deles foi encontrado em casa e familiares disseram que se mudaram. Fernando já se encontra preso desde a apreensão das drogas.

Qualquer informação, a polícia solicita entrar em contato por meio do número de emergência 190 ou do disque-denúncia, 181.

*Com informações: Delegacia Regional de Guarapari

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio

Anúncio

Veja também

WhatsApp-Image-2022-08-09-at-13.36.51

Guarapari vai contar com 27 pontos de monitoramento do Cerco Inteligente

Município foi contemplado durante a segunda etapa de implantação do sistema

celulares-roubados

Polícia prende suspeito de roubar celulares e vender a receptadores em Guarapari

Investigações ainda revelaram uma rede de receptação dos smartphones roubados

Anúncio

Anúncio

formacao_cursos_gratuitos-2022-04-07 (1)

Programa Qualificar ES abre vagas para cursos de qualificação profissional em Guarapari

eco101 obras anchieta

Eco101 inicia obras noturnas na BR101 entre Anchieta e Mimoso do Sul

Anúncio

Samarco_pelotas_Jefferson-Rocio

Samarco divulga Relatório de Sustentabilidade de 2021

Documento mostra as ações desenvolvidas para uma mineração mais segura e sustentável

com-quilombola-2

Campanha busca construir poço artesiano em comunidade quilombola de Guarapari

Moradores do local estão há cerca de um mês sem água

Anúncio