Anúncio

Polícia prende quarto envolvido em crime contra empresário assaltado no Centro de Guarapari

Dessa vez, a polícia deteve o suspeito de ceder máquinas de cartão para assaltantes realizarem compras simuladas

Por Gislan Vitalino

Publicado em 16 de fevereiro de 2022 às 18:00

Anúncio

Polícia prende quarto envolvido em crime contra empresário assaltado no Centro de Guarapari
Foto: arquivo/divulgação PCES.

Na sexta-feira passada (11) os policiais civis da Delegacia Especializada de Investigações Criminais (Deic) de Guarapari prenderam um comerciante de 38 anos suspeito de ceder máquinas de cartão de crédito para que um comparsa efetuasse compras simuladas, utilizando um cartão de crédito roubado.

De acordo com as informações divulgadas pela Polícia Civil do Espírito Santo (PCES), as investigações levaram até o comerciante, que foi detido no bairro Kubitschek, em Guarapari, como suspeito pelo crime de estelionato e receptação.

Anteriormente, a Polícia já havia detido três envolvidos no crime, que se iniciou com um assalto realizado no dia 05 de julho de 2021. Na ocasião, o dono de um restaurante e a esposa foram assaltados no Centro de Guarapari, por um ex-funcionário do restaurante de 26 anos e outro indivíduo de 25 anos que já sabia que o dia seria de pagamento dos empregados do restaurante e conhecia a rotina do empresário.

Em entrevista anterior ao Folhaonline.es, o delegado titular do Deic de Guarapari, Guilherme Eugênio, explicou que os criminosos levaram um cordão de ouro, carteira com R$ 3.000,00 em dinheiro que seria utilizado para o pagamento de funcionários, cartões de crédito e celulares das vítimas.

De posse dos cartões e conhecendo as senhas utilizadas pelo ex-patrão, o ex-funcionário, já no estabelecimento do suspeito preso nesta sexta-feira (11), combinou uma transação simulada no valor aproximado de R$ 26 mil. “Eles combinaram com um dono de uma açaiteria para utilizar o cartão, e 80% do valor seria devolvido aos autores do roubo. Também começaram a combinar com outros criminosos que qualquer um poderia usar o cartão da vítima, desde que retornasse 50% do valor gasto em dinheiro”, explicou o delegado titular da Deic Guarapari, Dr. Guilherme Eugênio.

Os dois suspeitos do assalto e um terceiro envolvido que também utilizou do cartão roubado para efetuar compras foram detidos no dia 13 de janeiro. Segundo a Polícia Civil, um outro suspeito de 22 anos, que teria emprestado a motocicleta para o roubo, segue foragido.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

moto-rock-2022-4-1

Moto Rock agita Guarapari com o primeiro dia de sua 8ª edição

WhatsApp-Image-2022-08-01-at-13.22.36

Artigo: “Pais de Pet” – A tutela dos animais de estimação

Anúncio

Anúncio

ap22217686674430

Pesquisa Ipec revela a intenção de voto dos eleitores do ES para presidente

WhatsApp-Image-2022-09-21-at-20.11.11

AfroChaves conclui projeto com percussão, capoeira e show em Alfredo Chaves

Anúncio

WhatsApp Image 2022-09-23 at 15.40.48

Atletas de Guarapari garantem vagas para o Pan-Americano e Mundial de Canoa Havaiana

Conquista veio após vitória no campeonato nacional da modalidade

Moto Rock 2022 (9)

Guarapari: tudo pronto para a 8ª edição do maior evento motociclístico do Espírito Santo

O Moto Rock acontece durante este final de semana e tem expectativa de público de 30 mil pessoas

Anúncio