Anúncio

Prazo está acabando! Veja o passo a passo para regularizar ou transferir o título de eleitor

Para votar nas eleições em outubro, os cidadãos têm até 04 de maio para regularizar a situação junto ao Tribunal Superior Eleitoral

Por Redação Folhaonline.es

Publicado em 26 de abril de 2022 às 16:41

Anúncio

Prazo está acabando! Veja o passo a passo para regularizar ou transferir o título de eleitor
Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil.

O prazo para emitir, regularizar ou transferir o título de eleitor antes das eleições de outubro deste ano termina no dia 04 de maio. Isso significa que o eleitor tem apenas oito dias para regularizar a situação junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para votar nas eleições para presidente, governador, senador e deputados federais e estaduais.

De acordo com a Constituição, o alistamento eleitoral e o voto são obrigatórios para os maiores de 18 anos e facultativos para aqueles com idade entre 16 e 17 anos e os maiores de 70 anos.

Para agilizar os serviços e facilitar a vida dos brasileiros, o TSE disponibiliza o sistema Título Net, onde é possível regularizar a situação junto ao órgão.

Confira o passo a passo de cada um dos tipos de serviço oferecidos: 

Veja como tirar o primeiro título

Quem vai emitir o primeiro título de eleitor deve acessar o sistema. Em seguida, selecionar a página Autoatendimento do Eleitor por meio da opção “Tire seu título”. Siga todas as instruções indicadas na tela.

Para comprovar a identidade e garantir a segurança, serão solicitados que o usuário tire uma selfie segurando um documento oficial com foto, imagens de frente e verso do documento e um comprovante de residência.

Os homens com 19 anos ou mais e que ainda não tenham título terão de apresentar um comprovante de quitação do serviço militar para o alistamento.

Aprenda a regularizar o título pela internet

Como consultar situação do título?

Antes de regularizar o título, é preciso consultar a situação eleitoral. Para isso, entre no sistema e clique em “Atendimento ao Eleitor”. Em seguida, selecione a opção “Consulte a Situação do Título Eleitoral”.

Uma pequena tela aparecerá e você deve preencher os dados pessoais que serão solicitados. Após o preenchimento, clique em “Entrar”.

Caso esteja em situação irregular, você deverá seguir até a página “Quitação de Multas” e role a tela até “Consulta de débitos do eleitor”. Em seguida, clique em “Consultar”. Todos os seus débitos com a Justiça Eleitoral serão exibidos.

Como fazer o pagamento dos débitos?

Caso haja débitos, você poderá fazer o pagamento por meio da Guia de Recolhimento da União (GRU), que deve ser quitada no Banco do Brasil, ou pela internet. 

Ao escolher a opção da GRU, o documento será gerado automaticamente. Já caso opte pelo pagamento pela internet, você será direcionado para a página do PagTesouro. O pagamento da taxa poderá ser feito por Pix ou por cartão de crédito.

Quem optar pelo pagamento com cartão de crédito será redirecionado para o Mercado Pago ou PicPay. Ao optar pelo Pix, será gerado um QR Code ou um código, que pode ser usado para quitar o débito.

Confira como fazer a regularização do seu título

Caso não haja débito ou ele já tenha sido quitado, acesse a página de Autoatendimento – Atendimento ao Eleitor e selecionar a opção “Regularize seu título eleitoral cancelado ou suspenso”. Clique em “Sim” para prosseguir.

Na página “Atendimento à distância pelo Título Net”, procure o item “Iniciar seu atendimento à distância”, selecione o estado em que você reside e preencha todos os dados pessoais solicitados.

Para confirmar a identidade, será necessário apresentar uma selfie segurando um documento oficial com foto, imagens de frente e verso do mesmo documento e um comprovante de residência.

Saiba como fazer a transferência do local de votação

Para fazer a alteração do domicílio eleitoral, basta acessar a página Autoatendimento do Eleitor. Mas atenção: para pedir a transferência, é preciso atender alguns requisitos. São eles:

– residir na cidade há pelo menos três meses;

– não ter débitos com a Justiça Eleitoral;

– não ter transferido ou tirado a primeira via do título nos 12 meses anteriores. 

Atendendo aos requisitos, clique em “Atualize seu endereço”. Você será redirecionado para a página “Atendimento à distância pelo Título Net”. Procure por “Iniciar seu atendimento à distância” e siga as instruções indicadas pelo sistema.

E-título dispensa uso de título impresso

Após a conclusão de todas as etapas e o processamento dos dados, o e-titulo estará disponível para ser baixado no celular, tablet ou computador. Vale lembrar que caso haja alguma pendência no sistema, o documento não poderá ser baixado.

O uso do e-título dispensa o título em papel. O download do aplicativo é gratuito e pode ser realizado pelo Google Play e pela App Store.

*Com informações do Portal R7.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Rampa-voo-livre-de-Cachoeira-Alta-Alfredo-Chaves_WR-2021-06-08

Campeonato de voo livre começa amanhã (27) em Alfredo Chaves

Atletas disputarão pontos para a 4ª etapa do Capixaba de Parapente 2022

Programa_de_Estágio_Vale_-_foto_Salviano_Machado_1

Vale abre inscrições para estágios com mais de 130 vagas no ES

Os selecionados terão bolsa auxílio que pode passar de R$ 1.300, além de outros benefícios

Anúncio

Anúncio

seminario_sindicig_petroleo_e_gas-2022-05-25-9

Seminário levanta oportunidades e caminhos para integrar Guarapari ao setor de petróleo e gás

A iniciativa do Sindicig reuniu lideranças deo setor, empresários locais e estudantes do Ifes

curso-agentes-da-guarda1

Lei garante Guarda Municipal armada em Anchieta

Anúncio

Brecho-APAE-2-1024x769-cover2

Brechó da Apae Guarapari necessita de doações de roupas masculinas

Os valores arrecadados com as vendas serão revertidos para Apae

print_dyogenes2-2022-04-120cover

Após audiência de custódia, autor de disparos contra motoboy de Guarapari segue em prisão preventiva

Ronny Batista de Almeida chegou a ser liberado entre os dias 13 e 17 de maio, após cumprir prisão temporária

Anúncio