Anúncio

Presidente do Bandes, Munir Abud fala sobre lucro histórico alcançado pelo banco em 2021

Banco celebrou 55 anos de existência no último domingo (20), com registro de R$50,1 milhões de lucro, maior desde sua fundação

Por Gislan Vitalino

Publicado em 23 de fevereiro de 2022 às 14:00

Anúncio

Presidente do Bandes, Munir Abud fala sobre lucro histórico alcançado pelo banco em 2021
Munir Abud de Oliveira, diretor-presidente do Bandes. Fotos: divulgação.

No ano de 2021 o Banco de Desenvolvimento do Estado do Espírito Santo (Bandes) alcançou a marca histórica de R$50,1 milhões de lucro, maior valor registrado desde sua fundação em 1967. A cifra representa um crescimento de 77% em relação ao ano anterior. Em entrevista ao Folhaonline.es, o diretor-presidente do Bandes, Munir Abud de Oliveira, destacou os principais pilares a que credita a conquista.

A frente do banco desde 2020, Munir Abud elenca três pilares principais que julga terem sido essenciais para sucesso do banco neste período. “Esse resultado é fruto, em primeiro lugar, das boas operações de crédito que se tornaram mais atrativas e se aproximaram da realidade do empresariado do Estado do Espírito Santo, com produtos mais adaptados à essas condições e mais rentáveis”, destacou o presidente.

Em segundo lugar, Munir falou sobre a redução da taxa de inadimplência junto ao banco, destacando a dedicação dos servidores. “O Bandes convivia com uma alta taxa de inadimplência. E nesse ponto, gostaria de destacar a dedicação da equipe do banco, que trabalhou de forma incansável e não mediu esforços para alcançar esses resultados que mostram a relevância do Bandes na nossa sociedade. Esse trabalho é responsável, por exemplo, por manter cerca de 4 mil empregos que foram preservados por meio do Fundo de Proteção ao Emprego”, explicou Munir Abud. O Fundo de Proteção ao Emprego é a linha de crédito do Bandes destinada a empresários de todos os portes, considerado o maior fundo de proteção ao emprego criado por um ente subnacional durante a pandemia.

Presidente do Bandes, Munir Abud fala sobre lucro histórico alcançado pelo banco em 2021

Por fim, o presidente do banco elencou a reponsabilidade do empresariado capixaba no resultado alcançado. “Em terceiro lugar, a gente destaca o compromisso e a qualidade dos empresários do Espírito Santo com o banco, cumprindo suas responsabilidades e contribuindo para o sucesso do Bandes e da economia capixaba de forma plena”, frisou Munir Abud.

Hoje, a carteira de crédito do Bandes gira em torno de R$ 350 milhões com crescimento projetado de cerca de R$ 1 bilhão para os próximos dois anos. Essa projeção tem, na alocação dos recursos do Fundo Soberano do Espírito Santo, um de seus fatores centrais.

“O Bandes está retomando o protagonismo no desenvolvimento econômico do estado. Isso foi possível graças à cooperação do empresariado e do executivo estadual que depositou confiança no banco e à dedicação da nossa equipe. Nossa expectativa é que isso se reflita em novos negócios e mais emprego e renda para a população capixaba”, conclui Munir Abud.

Bandes – 55 anos

No último domingo (20), o Banco de Desenvolvimento do Espírito Santo (Bandes) celebrou 55 anos desde sua fundação. A instituição foi criada em 1967, no governo de Christiano Dias Lopes Filho, ainda com o nome de Companhia de Desenvolvimento do Espírito Santo (Codes), e com o objetivo de mudar a realidade socioeconômica capixaba, contribuindo para o desenvolvimento do agronegócio e a instalação de plantas industriais no Estado, gerando emprego e renda.

Presidente do Bandes, Munir Abud fala sobre lucro histórico alcançado pelo banco em 2021
O então Governador, Cristiano Dias Lopes, faz a inauguração da Companhia de Desenvolvimento do Espírito Santo (CODES) que teve como primeiro presidente Arthur Carlos Gerhard dos Santos.

Desde então, o Bandes apoia e incentiva diversos setores econômicos, de variados portes empresariais de norte a sul capixaba. O Bandes tem como uma das expertises a gestão de fundos de fomento e financiamento às atividades produtivas que apoiaram o crescimento do Estado.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

petrobras_divulgacao_plataforma_petroleo_e_gas-ES2022-05-24-05

Seminário debate impactos de investimentos em Petróleo e Gás em Guarapari

Espírito Santo deve receber quase R$20 bilhões em investimentos no setor, com 80% voltados para a Região Sul

hepatite misteriosa

Guarapari: infectologista fala sobre os perigos da hepatite misteriosa

Anúncio

Anúncio

Secretaria_municipal_de_saude_de__Guarapari-processo-seletivo-simplificado-SEMSA-2022-05-24

Guarapari realiza processo seletivo com remuneração de R$2,8 mil

Inscrições acontecem nos dias 30 e 31 de maio

carteiras_aulas_escolas_guarapari_educação

Profissionais da educação de Guarapari decidem por paralisação em busca dos direitos

As reivindicações são por reajuste salarial e dos auxílios, além de respostas sobre obras da educação paradas

Anúncio

Design-sem-nome-32

Baile de gala celebra 75 anos do Siribeira Iate Clube de Guarapari

Programação celebrará o Jubileu de Prata do clube

Brasileiro Mazzelli

Representando Guarapari, lutadora ganha ouro em mais três competições de jiu jitsu

Fernanda agora vai disputar o mundial do esporte no mês de junho nos Estados Unidos

Anúncio