Anúncio

Professor Raul Giovanelli foi morto em tentativa de ajudar idoso em Guarapari

Dois criminosos estão envolvidos no crime. Um deles foi detido nesta sexta-feira (19), outro permanece foragido

Por Gislan Vitalino

Publicado em 19 de novembro de 2021 às 18:15

Anúncio

Design sem nome 3 - Professor Raul Giovanelli foi morto em tentativa de ajudar idoso em Guarapari
Rafael dos Reis Santos, de 28 anos, é apontado como mandante do crime e segue foragido.

O professor de Educação Física Raul Giovanelli foi morto na tentativa de ajudar um idoso que tinha sido roubado em Guarapari. De acordo com a Polícia Civil, dois homens foram identificados como envolvidos no crime. Um deles, o executor dos disparos, foi detido hoje, enquanto o mandante, Rafael dos Reis Santos segue foragido.

De acordo com as investigações o crime teria ocorrido por mando de Rafael dos Reis Santos e o autor dos disparos foi um segundo criminoso, de 35 anos, cujo nome não foi divulgado pela polícia. O suspeito autor dos disparos foi detido e, em depoimento, confessou para a polícia que foi procurado por Rafael para roubar o colar e a pulseira de um senhor que caminhava na orla da Praia do Riacho. Em um esforço para evitar o crime, Raul teria tentado recuperar os bens e acabou morto. Rafael, de 28 anos, segue foragido.

raul giovanelli guarapari obito2 - Professor Raul Giovanelli foi morto em tentativa de ajudar idoso em Guarapari
Professor Raul Giovanelli, de 27 anos, foi morto ao tentar evitar furto em Guarapari. Caso chocou a cidade.

A informação foi divulgada em coletiva realizada na tarde desta sexta-feira (19), em Vitória. De acordo com a PC, Rafael Santos dos Reis foi identificado como o mandante do crime e dono da arma utilizada. “O Rafael tem um extenso histórico criminal aqui no estado, é evadido do sistema prisional e investigado por outros crimes, incluindo um outro que também pode ter sido latrocínio”, explicou o delegado Guilherme Eugênio, titular da Delegacia Especializada de Investigação Criminal (Deic) de Guarapari.

O executor dos disparos foi preso na Serra, enquanto se escondia em casa de parentes. Segundo o delegado Rodrigo Sandi Mori, titular da Divisão de Homicídio e Proteção à Pessoa (DHPP) da Serra, o detido não apresentou resistência a prisão. “Após recebermos informações da Deic de Guarapari, fizemos o levantamento no bairro Novo Horizonte, uma campana de mais de três horas e, em um momento mais oportuno, fizemos a prisão do suspeito”, explicou Rodrigo Sandi Mori.

A polícia trabalha agora para localizar o suspeito foragido e identificar os suspeitos de receptação do produto roubado.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

Luciano-e-familia

Luciano Grasse assume presidência da Clac e demonstra otimismo com novos projetos

Ex-vice-presidente da cooperativa, Luciano disse que vai dar continuidade ao trabalho do antecessor

WhatsApp-Image-2024-05-14-at-11.38.11

Arraiá beneficente ‘Eita, sô’ inicia venda de ingressos em Guarapari

Segunda edição do evento acontece no dia 7 do próximo mês

Anúncio

Anúncio

Pastor Raphael

Coluna Palavra de Fé: Súcia

WhatsApp-Image-2024-06-13-at-08.16.14

Coluna Dom Antônio: Guarapari está crescendo mais que a média nacional – isso tem um lado bom e um ruim

Anúncio

01.FOTO-DO-TEMA

Coluna Entenda Direito: Autismo e o direito ao benefício assistencial – BPC/Loas

20240614111133_HQF_4170

Governo do Estado assina parceria que garante ações voltadas à população LGBTQIA+

Cooperação foi assinada com o Ministério dos Direitos Humanos e Cidadania

Anúncio