Anúncio

Professora de Guarapari faz ensaio pós-divórcio para levantar a autoestima

Por Gabriely Santana

Publicado em 10 de janeiro de 2017 às 16:37
Atualizado em 10 de janeiro de 2017 às 18:14
Anúncio

Você com certeza já viu ou sabe o que é um álbum de casamento, não é mesmo? Mas e um álbum de divórcio? A moradora e professora em Guarapari, Josiane Manhães, 36 anos, foi a corajosa por eternizar de uma forma descontraída e ousada o fim da sua união, que durou apenas dois meses, em uma sessão de fotos.

15697985_1066612820113790_5957493962014423116_n

Uma semana depois do divórcio Josi ficou famosa pelas fotos de libertação. Foto: Filipe Aragão

Depois de ser traída, Josi estava com sua autoestima baixa e tentando entender os motivos que levaram o seu ex-marido a fazer isso com ela. Foi aí que surgiu a ideia do ensaio. “Primeiro eu pensei em fazer um book sensual para me sentir mais bonita. Até que eu estava mexendo nas coisas do casamento para me livrar de todas aquelas lembranças e encontrei o vestido de noiva que eu mesma desenhei e mandei fazer”.

De lá pra cá, ela organizou tudo. Entrou em contato com o fotógrafo, agendou a maquiagem e escolheu a data para se libertar. E o local escolhido foi o mesmo onde ela realizou o casamento, na Praia dos Padres. Misturando sensualidade e descontração, Josiane colocou um ponto final na história de forma leve.

<<<<<<<Veja o ensaio completo aqui>>>>>>>

“Muitas amigas me incentivaram a relevar a traição e que eu deveria continuar aquele casamento, mesmo infeliz. Não dei ouvidos e segui o meu coração. Hoje posso dizer que estou totalmente leve e livre dessa situação. O ensaio só me deu mais força para enfrentar esse momento”, completou.

15747692_1066613656780373_3967785605324226172_n

Ela rasgou o vestido e grafitou várias frases como: “Felizes para sempre”. Foto: Filipe Aragão

Em 11 anos, entre idas e vindas, Josi contou que o seu relacionamento tinha como base, a amizade e a confiança. “Fizemos faculdade juntos e começamos a namorar. Depois que terminamos o curso, ficamos cinco anos separados e em dezembro do ano retrasado, ele me reencontrou. Em menos de um ano, nos casamos. Acho que a pressa pelo casamento pode ter atrapalhado um pouco o nosso relacionamento.  Infelizmente, ele quebrou o que a gente tinha de mais bonito que era a nossa amizade”, lembrou.

Quando perguntada se ainda acredita no amor, ela disse que é cedo para falar sobre isso. “Nunca vou esquecer do meu ex-marido. Eu sempre vou lembrar do que ele fez comigo. No momento, meu coração está fechado pra balanço, mas quem sabe surge alguém corajoso (risos)”. Uma semana depois do divórcio, Josi fez o ensaio e agora lida com a repercussão.

“Fiquei conhecida, mas isso com certeza pode ajudar muita gente que está passando pela mesma situação e precisa de forças para sair disso. Ouvir das pessoas que sou forte e corajosa, me fortalece ainda mais”, disse.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Tags:

Anúncio
Anúncio

Veja também

4694CA63-FE4F-4EC5-B5E2-7CFFD072E9D9

Após 27 anos, Basic Idiomas encerra as atividades em Guarapari

corona

Covid-19: Guarapari retifica óbito registrado no bairro Itapebussu

Com isso, o número de mortes registradas no município cai para 113

Anúncio
Anúncio
candidatos 10

Eleições 2020: 10 nomes foram confirmados para a disputa pela Prefeitura de Guarapari

Sol

Calor forte e altas temperaturas devem continuar em Guarapari

Em todo Estado deve acontecer uma onda de calor atípica com termômetros perto dos 40°

Anúncio
jongo

Jongo de Alfredo Chaves ganha dia municipal e é considerado patrimônio cultural

Gás2

Guarapari: Aplicativo identifica revendedora de gás mais próxima do consumidor

Anúncio