Anúncio

Projeto de Lei em análise na Câmara prevê processo seletivo na Educação de Guarapari

Por Gislan Vitalino

Publicado em 16 de novembro de 2021 às 10:29

Anúncio

aula educacao professor sala de aula ensino quadro negro - Projeto de Lei em análise na Câmara prevê processo seletivo na Educação de Guarapari
Foto: divulgação/CMG.

Um Projeto em análise na Câmara Municipal de Guarapari autoriza a Prefeitura a realizar um Processo Seletivo para a contratação de profissionais para atuarem na Secretaria Municipal de Educação (Semed). De autoria do Poder Executivo, o Projeto de Lei de n° 227/2021 foi baixado às comissões permanentes da casa para análise e, com o aval do plenário, deve entrar em pauta nas próximas sessões.

Em comunicado divulgado à imprensa, o presidente da Câmara, vereador Wendel Lima (PTB), explica que, com a aprovação, as contratações serão feitas para atender as demandas da rede pública de educação no decorrer do ano letivo. “Professores, pedagogos, tutores de projetos educacionais, monitores de tecnologia educacional e profissionais que atuam na área de política educacional: Educação Infantil, Ensino Fundamental I e II, Educação de Jovens e Adultos (EJA) e Educação Especial. Além disso, as contratações propostas também objetivam preencher as vagas abertas em decorrência de licenças médicas e/ou de afastamentos de servidores por motivos justificados, em conformidade com o Art. 30 da Lei n° 1.820/1998″, explicou Wendel.

Após os trâmites legais na Câmara e em caso de aprovação e sanção, o Projeto de Lei prevê que o número de vagas será publicado pela Secretaria Municipal de Educação antes do início da chamada. “A contratação estabelecida pelo projeto se dará de acordo com os editais a serem publicados, junto com a composição da “Comissão de Avaliação” e informações sobre a identificação de cada função, a sua respectiva remuneração, os critérios e objetivos do recrutamento, e o tempo de duração dos contratos”, afirmou o presidente da Comissão de Educação e Cultura da CMG, vereador Professor Luciano (PDT).

Os contratos temporários referentes à contratação destes profissionais terão validade de 12 meses e poderão serem prorrogados por mais 12 meses. “As despesas advindas deste projeto de lei ocorrerão por conta de dotação orçamentária própria da Secretaria Municipal da Educação, podendo haver suplementação, se for preciso”, ressaltou a vereadora Rosana Pinheiro (Cidadania), líder do prefeito Edson Magalhães na Câmara de Guarapari.

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio

Anúncio

Veja também

upa lotada

Denúncias levam Ministério Público a investigar unidades de saúde de Guarapari

Superlotação, demora nos atendimentos e falta de profissionais são reclamações recorrentes da população

imposto de renda

Confira o que mudou na declaração do Imposto de Renda em 2024

A declaração pode ser enviada até 31 de maio; fique atento

Anúncio

Anúncio

praia do morro - céu nublado

Guarapari e outras 36 cidades capixabas recebem alerta de acumulado de chuva

Aviso é válido até a manhã desta sexta-feira (12)

vacina-gripe-2024

Guarapari terá dia D de vacinação contra influenza neste sábado (13)

Confira os locais e grupos prioritários que receberão as doses

Anúncio

WhatsApp Image 2024-03-19 at 14.53.591

Viagem cancelada: capixaba com câncer raro não alcança valor para tratamento na Espanha

Raquel precisa de aproximadamente R$ 600 mil para o único tratamento possível no momento

20240409_190649837_iOS

Sindicato da construção civil de Guarapari tem novo presidente

A posse do biênio 2024/2026 do Sindicig aconteceu nessa terça-feira (09)

Anúncio