Anúncio

Projeto promove educação ambiental e limpeza de praias em Guarapari

O Projeto Pérolas foi criado pela engenheira ambiental Yandressa Karine, em 2019, com o objetivo de sensibilizar as pessoas sobre a importância de preservar a natureza

Por Nicolly Credi-Dio

Publicado em 23 de agosto de 2020 às 12:00
Atualizado em 24 de agosto de 2020 às 16:07
Anúncio
Foto: Arquivo Pessoal

Incomodada com os resíduos deixados por turistas e moradores nas praias de Guarapari, a engenheira ambiental Yandressa Karine Rodrigues de Pinho, de 30 anos, resolveu fazer algo para combater o problema. Assim, surgiu o Projeto Pérolas, que tem como principal objetivo promover a mudança de hábitos por meio da educação ambiental.

Yandressa, que é técnica em Meio Ambiente, engenheira ambiental e Mestre em Engenharia Ambiental, conta que o projeto surgiu enquanto fazia uma pesquisa para o mestrado. “Durante a pesquisa, que era sobre outro tema, encontrei um artigo sobre o microplásticos. Depois que li, percebi que a coisa era mais séria do que eu pensava e quis fazer algo a respeito”, relata.

Yandressa Karine Rodrigues e, ao fundo, Patrícia Rocha, que estão à frente do Projeto Pérolas. Foto: Arquivo Pessoal

Limpeza das praias

“Eu sempre ia para a praia coletar resíduos, tirava sacolas do mar, mas era uma pérola sozinha”, diz Yandressa. Depois de compartilhar com a amiga, Patrícia Rocha, de 27 anos, a ideia que existia no papel desde 2016, o Projeto Pérolas começou a ser colocado em prática. Juntas, as amigas começaram a mobilizar pessoas do ciclo de convivência para ajudarem nas ações de limpeza das praias e, em pouco tempo, a ideia ganhou outra dimensão.

“Hoje, nós fazemos a coleta pelo método internacional 5 minutos, que consiste em catar todo o lixo possível dentro desse tempo. Assim, ao final do processo, a pessoa percebe quanto ficou para trás”, conta a engenheira ambiental. Para ela, esse é um modo de sensibilizar as pessoas sobre a quantidade de lixo nas praias. “A ideia é que não se resuma a coletar lixo, porque não pode se tornar uma rotina. É preciso que esse lixo pare de ser produzido e isso só é possível com a sensibilização das pessoas”.

Além de coletar o lixo, o grupo independente realiza a separação do que pode ser reciclado e vende o material com o objetivo de, com o dinheiro arrecadado, adquirir equipamentos como blusas com proteção UV e bonés, que permitam desenvolver a tarefa com maior conforto e segurança.

ArFoto: Arquivo Pessoal

Projeto Pérolas

“O projeto vai muito além de coletar lixo. Nós fazemos trilhas para conhecer e limpar novas praias, fazemos um momento contemplação da natureza, nos reunimos para piqueniques, praticamos atividades físicas juntas, principalmente para alongar a região do pescoço, que acaba ficando em uma posição desconfortável durante o tempo que estamos coletando o lixo, praticamos pulseirismo. Acabamos fazendo de tudo um pouco, por isso o nosso lema é ‘um oceano de possibilidades’ “, explica Yandressa.

Hoje, o Projeto Pérolas já mobilizou cerca de 30 pessoas e conta com aproximadamente 10 colaboradoras permanentes, que acreditam que mudanças de hábitos podem colaborar para a preservação da natureza e tornar a cidade um lugar melhor para se viver.

Caso deseje tornar-se parte do projeto e acompanhar as ações do grupo, entre em contato através do instagram @projeto.perolas ou por meio do número (27) 99852-1409 (Yandressa).

É proibida a reprodução total ou parcial de textos, fotos e ilustrações, por qualquer meio, sem prévia autorização do FolhaOnline.es.

Anúncio
Anúncio

Veja também

black friday 2019

Black Friday em Guarapari terá descontos de até 70%

Transplante

Moradora de Guarapari realiza transplante após vaquinha, mas não resiste

Taiana fez uma vaquinha online para custear a estadia em São Paulo enquanto aguardava doador para receber um novo coração

Anúncio
Anúncio
drogas Anchieta

Polícia Militar realiza apreensões de drogas em Anchieta e Guarapari

polivalente-obra-pronta

Escola de Guarapari vai ofertar 4ª série opcional em 2021

Anúncio
upaespaçoinaugurado (2)

Pacientes de Guarapari relatam demora na entrega dos resultados de exames para COVID-19

Espera chega a beirar prazo do isolamento indicado para casos confirmados

SAMSUNG CAMERA PICTURES

Centro de Guarapari deve receber rotativo em 2020

Anúncio